Vereadores Dorival Jr. e Soldado Gilvan visitam base distribuidora de combustíveis em Jequié

/ Jequié

Dorival Jr. e Gilvan fiscalizam preços de combustíveis. Foto: Divulgação

Os vereadores Dorival Jr. e Soldado Gilvan (ambos do Partido Republicano e membros da Bancada da Minoria da Câmara Municipal de Jequié) estiveram, nesta sexta-feira (2), em uma das bases de distribuição de combustíveis em busca de informações sobre os preços praticados na cidade.

Os dois receberam, conforme documentos apresentados pela dupla, que o preço da gasolina da Base do Poliduto da Petrobrás de Jequié sai ao preço de R$0,99 (noventa e nove centavos) e chega na distribuidora com acréscimo de mais  R$1,23 (um real e vinte e três centavos ) aplicado de imposto de ICMS ( Imposto Estadual), além de acréscimo de misturas como o álcool e é distribuído ao preço de R$3,30 (três reais e trinta centavos), o que é um verdadeiro absurdo, na opinião dos vereadores, pois consideram 120% de imposto estadual muito alto.

Além da taxa tributária estadual do ICMS altíssima para o preço da gasolina, os vereadores dizem que tem ainda os acréscimos das distribuidoras, chegando ao consumidor nas bombas com esse preço praticado atualmente em Jequié. Dorival Jr. e soldado Gilvan esperam que prevaleça o bom senso, com enfoque na diminuição dessa carga tributária considerada altíssima.

Em entrevista a rádio, de Salvador, onde reside, Marcelo Travassos, secretário executivo do Sindicato dos Vendedores de Combustíveis da Bahia, falou em nome dos empresários do ramo, colocando a versão do setor que, segundo ele, sofre com a pesada carga tributária, não somente com as tarifas citadas pelos próprios vereadores, como também dos encargos trabalhistas e outras exigências para adequações dos postos que acabam encarecendo o preço final. As informações são do site Jequié e Região

Os comentários estão fechados.