Iguaí: Prefeito é resgatado pela PM após sequestro e pedido de resgate de R$ 200 mil

/ Polícia

Prefeito, esposa e PMs após resgate. Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

A Polícia Militar de Itapetinga conseguiu interromper o andamento do sequestro do prefeito Rony Moitinho (PSD) de Iguaí, na região sudoeste da Bahia, que foi capturado com sua esposa e um funcionário na sua fazenda na cidade de Ibicuí, na sexta-feira (27).

Segundo informou a 21ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), de Itapetinga, ao site Achei Sudoeste, um grupo de homens invadiu a fazenda e sequestraram o trio. Os sequestradores ainda levaram um veículo Toyota Hilux, de cor branca, placa policial PJC 4549.

Com o apoio da Polícia Militar de Itapetinga, a 21ª Coorpin, localizou o cativeiro e conseguiu resgatar as vítimas. De acordo com o delegado Roberto Júnior, após informações obtidas pelo serviço de inteligência da Polícia Civil, o prefeito, sua esposa e seu funcionário foram localizados em um matagal na cidade de Camacã. Todos passam bem.

 O veículo roubado também foi recuperado. Os sequestrados pediram para família do gestor o valor de R$ 200 mil, o qual não foi pago. As policias Civil e Militar estão em diligências por toda a região para buscar identificar e prender os criminosos.

Governo vai inaugurar em junho novos prédios das Delegacias de Polícia de Lafaiete Coutinho e Itiruçu

/ Polícia

Novas delegacias estão sendo construídas na região. Foto: SSP

As construções das Delegacias Territoriais dos municípios de Lafaiete Coutinho e Itiruçu estão 99% executadas e realiza os  últimos ajustes para as entregas das novas unidades, que devem acontecer já no mês de junho.

As novas sedes, que são fruto do investimento do Governo do Estado, tiveram juntas a aplicação de cerca de R$ 2,3 milhões. As plantas das delegacias são semelhantes e contam com total acessibilidade, design moderno, espaço amplo e total adequação a todas as necessidades estruturais para a atuação dos policiais civis, além de proporcionar conforto, comodidade e discrição para o atendimento ao público.

As construções das novas DTs fazem parte do Programa de Modernização das Estruturas da Segurança Pública, que prevê a entrega de 61 unidades só na primeira fase, em que são investidos mais de R$ 80 milhões.

Em todo o programa, dividido em três etapas, serão destinados mais de R$ 230 milhões.As unidades de Itiruçu e Lafaiete Coutinho devem ser umas das primeiras a serem entregues da lista de municípios beneficiados na primeira etapa.

Operação da Polícia Civil apreende drogas em local que funcionava como bar em Ipiaú

/ Polícia

Dono do estabelecimento foi preso. Foto: Polícia Civil/Divulgação

O proprietário de um bar foi preso nesta quinta-feira (26), com 850 gramas de cocaína, em Ipiaú, no interior da Bahia. A ação foi realizada por investigadores da delegacia da cidade e, conforme a Polícia Civil, o bar funcionava como ponto de venda de drogas.

No local, os policiais encontraram ainda 36 pedras de crack, meio quilo de maconha prensada e 39 papelotes da droga, uma pistola calibre 380 com sete munições, balança, celulares e R$ 732 em dinheiro. Segundo o delegado titular de Ipiaú, Isaias Pereira de Lucena Neto, as investigações iniciaram há dez dias, depois que os policiais receberam uma denúncia de que um bar na Rua São Roque era usado para a venda drogas.

”Desenvolvemos um trabalho de inteligência com monitoramento do local e campana, a fim de identificar o proprietário do imóvel e verificar como funcionava o armazenamento e venda dos entorpecentes”, disse o delegado. Após o flagrante, todo o material foi apreendido e o homem segue preso à disposição da Justiça. Ele deve passar por uma audiência de custódia.

Foto: Divulgação / Polícia Civil

Doze policiais entregam fuzis e admitem participação em 10 das 23 mortes no Rio de Janeiro

/ Polícia

Ao todo, 12 policiais – nove PMs e três rodoviários federais – apresentaram à Polícia Civil os fuzis que portavam durante a operação policial no Rio de Janeiro, que deixou 23 mortos no terça-feira (24). A informação é do portal g1.

Eles relataram na Delegacia de Homicídios terem participado de confrontos que terminaram com dez suspeitos mortos. As circunstâncias das mortes das outras 13 pessoas também são investigadas.

Na quinta-feira (26), a Polícia Civil retificou a informação de homicídios na operação na Vila Cruzeiro, no Complexo da Penha, Zona Norte, reduzindo de 26 para 23 o número de mortos.

O Instituto Médico Legal (IML) explicou que três dos 26 corpos, inicialmente atribuídos à operação, chegaram de um confronto entre traficantes rivais no Morro do Juramento.

Mulher é presa em ônibus na BR-116 com maconha em mala; drogas foram achadas por cadela farejadora

/ Polícia

Cadela farejadora encontra maconha em bagagem. Foto: PRF

Uma mulher de 24 anos foi presa com cinco quilos de maconha, nesta quinta-feira (26), dentro de um ônibus, na BR-116, em fecho de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia. Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a droga foi encontrada com a ajuda da cadela K9 Kaleu.

Policiais da PRF faziam fiscalização no km 830 da rodovia, quando abordaram um ônibus que seguia de São Paulo com destino a Caruaru, em Pernambuco.

Ao subir no veículo e conversar com os passageiros, os policiais detalharam a fiscalização no ônibus. A cadela K9 Raia sinalizou que havia algo dentro de uma mala, de cor vermelha. Os policiais revistaram a bagagem e encontraram oito tabletes de maconha. Foi realizada a checagem da bagagem e identificada a responsável pelo transporte das drogas.

Aos policiais, a mulher disse que recebeu a maconha dentro de um trem na estação do Braz em São Paulo. Informou ainda que ganharia uma quantia em dinheiro quando entregasse a maconha em Caruaru. A passageira foi levada com as drogas para a uma delegacia e vai responder pelo crime de tráfico de drogas.

 

PRF afasta policiais envolvidos em abordagem que terminou com morte de homem em Sergipe

/ Polícia

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou, nesta quinta-feira (26), que afastou os policiais envolvidos em abordagem que terminou com a morte de Genivaldo de Jesus Santos, de 38 anos, no município de Umbaúba, no sul do estado de Sergipe, a cerca de 100 km de Aracaju.

Em nota, a PRF disse que ”está comprometida com a apuração inequívoca das circunstâncias relativas à ocorrência no estado, colaborando com as autoridades responsáveis pela investigação”. A instituição disse ainda que ”reforça o compromisso com a transparência e isenção”.

O ministro da Justiça, Anderson Torres, se manifestou sobre o assunto ”Determinei a abertura de investigação pela Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal sobre a abordagem policial de ontem, em Sergipe. Nosso objetivo é esclarecer o episódio com a brevidade que o caso requer”, disse.

A organização internacional não governamental Human Rights Watch, que defende e realiza pesquisas sobre os direitos humanos, se manifestou, através de nota, sobre o caso e disse que está ‘consternada e chocada com a morte de Genivaldo de Jesus Santos, um homem negro de 38 anos e com deficiência psicossocial, nas mãos da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe.Com informações do G1

Polícia Federal faz operações contra estudantes suspeitos de ”fraude” no CadÚnico

/ Polícia

A Polícia Federal (PF) cumpre, nesta quinta-feira (23), 16 mandados de busca e apreensão contra estudantes suspeitos de falsificar documentos para receberem bolsas integrais em cursos de medicina de universidades no norte do Rio de Janeiro. Chamada de Falso Positivo, a operação cumpre mandados em seis cidades do estado fluminense e do Espírito Santo.

De acordo com a PF, os estudantes faziam inscrições no Cadastro Único (CadÚnico) do governo federal para, assim, se passarem por pessoas de baixa renda, com o uso de documentos falsos. Dessa forma, eles conseguiam receber bolsas de estudo. A PF informou ainda que, com o registro no CadÚnico, os alunos ou seus pais receberam, de forma irregular, o Auxílio Emergencial, criado pelo governo federal para enfrentar os efeitos da pandemia de covid-19.

No decorrer das investigações, 12 pessoas, entre pais e alunos, já foram indiciadas. Entre as provas usadas pela PF, estão movimentações bancárias que seriam incompatíveis com uma pessoa que teria a renda baixa.

Os investigados poderão responder por crimes de estelionato, falsidade ideológica e associação criminosa. Os mandados estão sendo cumpridos nas cidades fluminenses de Campos, Itaperuna e São Francisco de Itabapoana, além dos municípios capixabas de Linhares, Cachoeiro do Itapemirim e Mimoso do Sul.

Viraliza no Brasil: Policiais prendem homem em ”câmara de gás” e matam vítima sufocada

/ Polícia

Os moradores de Umbaúba, litoral sul de Sergipe, flagraram uma abordagem policial violenta nesta quarta-feira (25) que resultou em morte. Um homem não resistiu depois de ser preso por dois policiais rodoviários federais dentro de uma espécie de ”câmara de gás” montada no porta-malas da viatura da PRF.

O homem foi identificado como Genivaldo de Jesus Santos, de 38 anos, pelo portal G1. O sobrinho da vítima, Wallyson de Jesus, presenciou a situação e esclareceu que o tio tinha um transtorno mental.

”Eles pediram para que ele levantasse as mãos e encontraram no bolso dele cartelas de medicamentos. Meu tio ficou nervoso e perguntou o que tinha feito. Eu pedi que ele se acalmasse e que me ouvisse”, relatou Wallyson.

Nas imagens gravadas pela população, é possível ver Genivaldo ser rendido por dois policiais. Ele está no chão e depois é colocado no porta-malas da viatura.

Enquanto um dos policiais segura a tampa do porta-malas para assegurar que ela continue fechada, o outro joga, dentro do espaço fechado, grande quantidade de gás. Quando o compartimento é aberto de novo, o homem já não se mexe mais.

”Eles jogaram um tipo de gás dentro da mala, foram para delegacia, mas meu tio estava desacordado. Diante disso, os policiais levaram ele para o hospital, mas já era tarde”, relatou o sobrinho.

Em nota, a PRF afirmou que o homem teria ”resistido ativamente” à abordagem. Os agentes, então, teriam utilizado ”técnicas de imobilização e instrumentos de menor potencial ofensivo” para conter a agressividade da vítima, que passou mal no caminho para a delegacia, segundo a corporação.

Segundo o portal Metrópoles, parceiro do site Bahia Notícias, que é parceiro do BMFrahm, a Polícia Civil de Sergipe afirmou que investiga o caso, colhendo depoimento dos envolvidos. A família registrou um Boletim de Ocorrência.

Submetralhadora e 40 quilos de maconha são apreendidos em Santo Antônio de Jesus

/ Polícia

Quarenta quilos de maconha e mais 20 trouxinhas da mesma droga, cocaína, três armas, 123 munições, dez carregadores, duas balanças, anotações da contabilidade do tráfico e dois celulares foram apreendidos, em Santo Antônio de Jesus, nesta quarta-feira (25), durante a Operação SAJ Forte.

As diligências foram realizadas no bairro Alto de Santo Antônio, por equipes da 4ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) e das Delegacias Territoriais daquela cidade e de Laje. “Recebemos denúncias de tráfico de drogas e homens armados na Rua Santa Rita, e deslocamos para o endereço, onde fomos recebidos a tiros”, informou o coordenador regional de SAJ, delegado Joaquim José Pereira de Souza.

”O local onde o material foi apreendido – um bar em construção com uma ampla piscina – é utilizado por criminosos para armazenar drogas, munições e armas, além de realizar festas regadas a entorpecentes”, acrescentou o delegado.

As ações terão desdobramentos, com o objetivo de localizar suspeitos que possuem mandados de prisão em aberto. Três pessoas já foram presas, carro, roupas camufladas, armas, munições, balança, dinheiro, drogas, celulares e anotações do tráfico já foram apreendidos durante outras diligências realizadas no bojo da Operação SAJ Forte, deflagrada com o apoio da Polícia Militar.

Sobe para 24 o número de mortos em operação policial Vila Cruzeiro do Rio de Janeiro

/ Polícia

Subiu para 24 o número de mortos na operação Vila Cruzeiro, que aconteceu na última terça-feira, na Penha, no Rio de Janeiro. Dois suspeitos que estavam sob custódia no Hospital Estadual Getúlio Vargas morreram na madrugada desta quarta-feira (25).

Segundo a Polícia Militar, com essas duas mortes, o número de suspeitos mortos na operação chega a 15. No total, das 28 pessoas que deram entrada no Getúlio Vargas, 23 morreram. Além deles, a moradora Gabrielle Ferreira da Cunha, de 41 anos, também foi vítima da operação. Ela estava em casa quando foi atingida por uma bala perdida e morreu na hora.

A Secretaria Estadual de Saúde informou que quatro pacientes permanecem internados, dois deles estão em estado grave. A operação durou cerca de 12 horas e tinha como objetivo evitar o que supostamente seria uma migração determinada pelo Comando Vermelho para a Rocinha.

Cantor da banda Jammil tem carro roubado no bairro de Itapuã, em Salvador: ”situação apavorante”

/ Polícia

Cantor e a família foram roubados em Itapuã. Foto: Acervo pessoal

O cantor da banda Jammil, Rafael Barreto, teve o carro roubado, na noite de sexta-feira (20), no bairro de Itapuã, em Salvador. Rafael estava acompanhando da esposa e da filha no momento da ação dos suspeito.

O cantor e a família chegavam na casa de amigos em Itapuã, quando foram abordados por três homens armados, nas proximidades de um restaurante.

”Foi uma situação bem apavorante”, descreveu o cantor. Ninguém ficou ferido. De acordo com a Polícia Civil, o caso foi registrado na Delegacia de Repressão a Furto e Roubo de Veículos. Além do veículo, dois celulares, cartões e documentos de Rafael e da esposa também foram levados.

Ainda segundo a polícia, diligências serão realizadas para tentar identificar e localizar os suspeitos. Até o momento ninguém foi preso. As informações são do G1

Polícia deflagra operação e cumpre 17 mandados de integrantes de organização criminosa em Irecê

/ Polícia

Uma operação deflagrada pela 14ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) de Irecê identificou 21 integrantes de uma organização criminosa, envolvidos com o tráfico de drogas e diversos homicídios praticados naquela região. Durante as diligências, realizadas na sexta-feira (20), um homem foi preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e com a quantia de R$ 5.380 mil, além de colete balístico e celulares.

De acordo com o coordenador da 14ª Coorpin/Irecê, delegado Ernandes Reis Santos Júnior, a quadrilha já vinha sendo investigada há mais de um ano. Dezessete integrantes tiveram os mandados de prisão preventiva cumpridos. “Todos eles foram indiciados pela Polícia Civil e denunciados pelo Ministério Público, por organização criminosa, tráfico de drogas e associação para o tráfico”, ressaltou Ernandes.

Os mandados foram cumpridos no sistema prisional, onde os criminosos já cumpriam pena e permanecem à disposição da Justiça. Os demais alvos estão sendo procurados. “Montamos o organograma do grupo, estabelecido em diversos municípios da região, e identificamos o papel de cada um dos integrantes, sendo possível elucidar vários homicídios ocorridos nos últimos anos, que tinham ligação direta com a organização criminosa investigada”, destacou o coordenador regional.

Equipes da Coordenação de Apoio Técnico à Investigação (Cati/Chapada), da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), do Núcleo Especial de Atendimento à Mulher (Neam), de Irecê, da 13ª Coorpin/Seabra e das Delegacias Territoriais de João Dourado, Presidente Dutra, Central, Ibitita, Barro Alto, Jussara e Morro do Chapéu participaram das ações, além da Superintendência de Inteligência (SI/SSP).

Preso suspeito de matar bancária natural de Jequié em apartamento no Itaigara, em Salvador

/ Polícia

Rita Maria Brito era jequieense. Bruno Wendel/Correio e Reprodução

A Polícia Civil prendeu na manhã desta quinta-feira (19), em Arraial do Retiro, o suspeito de matar a bancária  Rita Maria Brito Fragoso e Silva, de 62 anos, natural de Jequié, no dia 12 deste mês, no apartamento em que ela morava, 6º andar do edifício Itaigara Pratical Residence, na Rua Érico Veríssimo, em Salvador.  Na delegacia, o suspeito que disse ser marceneiro e confessou que enganou a vítima para ter acesso ao apartamento dela, onde cometeu o crime. Na ocasião, ele esperou a chegada da bancária do trabalho, a abordou e disse que precisava fazer uma medição de um armário da residência de Rita, onde tinha prestado serviço três meses antes por uma empresa privada. Em conversa com investigadores, ele relatou que foi ao apartamento da vítima roubá-la porque estava devendo para um agiota. De acordo com a delegada Pilly Dantas, coordenadora da 1ª DH/Atlântico e responsável pelas investigações, o marceneiro, que não teve o nome divulgado pela PC, agiu sozinho. A empresa onde ele trabalhava não tem qualquer ligação com o crime.

Em depoimento, ele afirmou que não tinha a intenção de matar a vítima quando foi até o apartamento. Ainda de acordo com detalhes informados pelo suspeito aos investigadores, Rita foi morta quando começou a gritar e pedir socorro aos vizinhos ou qualquer um que pudesse ouvi-la. A delegada conta que o suspeito utilizou uma faca da própria residência, que já foi apreendida, para matar a vítima. ”Diante das circunstâncias e das atitudes que a vítima teve para se defender e denunciar a ação, ele a estrangulou inicialmente até que, provavelmente, a vítima desmaiasse. E, quando percebeu que ela estava recobrando os sentidos, pegou uma faca, efetuou golpes e, além disso, a estrangulou com um fio de carregador”, detalha.

Depois de cometer o crime, o marceneiro levou da casa cartões de créditos, aparelho de telefone celular e notebooks. Todos esses equipamentos foram vendidos e as pessoas que compraram também serão ouvidas pela polícia. Foi pela recuperação do notebook, inclusive, que a polícia chegou até o suspeito, que já confessou o crime, de acordo com a polícia. Os gatos que eram criados por Rita estavam trancados em um armário.

Operação da Polícia Civil apreende madeira extraída ilegalmente na zona rural de Itagibá

/ Polícia

Madeira foi apreendida na localidade e Japumerim. Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil através da 9ª Coorpin/Jequié fez ma apreensão de madeira, nesta quarta-feira (18), na localidade de Japumerim, zona rural do Município de Itagibá. De acordo com informações divulgadas pela Polícia Civil, a equipe do Setor de Investigações chegou ao local de difícil acesso, área de vegetação fechada, obtendo  êxito em localizar a grande quantidade de madeira já cortada, que estava sendo preparada para carregamento, o qual ocorreria à noite.

No local, ”foi possível dar voz de prisão a duas pessoas envolvidas no crime ambiental, bem como apreender a motosserra utilizada para o corte. As madeiras, a priori, foram identificadas como sendo do tipo vinhático e jequitibá, nativas da Mata Atlântica, sendo esta última já declarada em extinção por órgãos ambientais. A quantidade já cortada é de aproximadamente 80 pranchas”, diz a polícia em nota enviada à imprensa.

”Os informaram que trabalhavam para o proprietário da fazenda vão responder pelo crime elencado no Art. 45 da Lei 9.607/98. As investigações continuam para identificar outros envolvidos, bem como para mapear a real devastação ambiental na área, com adoção das medidas legais em face dos responsáveis”, concluiu.