Jaguaquara: Filiado ao PR, presidente da Câmara pode mudar de partido para tentar disputar Prefeitura

/ Jaguaquara

Raimundo Louzado pode deixar o PR. Foto: Blog Marcos Frahm

Fontes próximas ao presidente da Câmara de Jaguaquara, Raimundo Louzado, informaram nesta sexta-feira (5) ao BMFrahm que o vereador já não esconde sua pretensão de disputar a Prefeitura do município em 2020 e que existem outras legendas partidárias, além do PR, à qual Louzado é filiado, em contato sobre uma possível candidatura ao Executivo local.

Mesmo distante do período, denominado ”janela partidária”, que é quando o político detentor de cargo pode mudar de partido Raimundo vem sendo procurando. O fato de o PR ser presidido em Jaguaquara pela esposa do prefeito Giuliano Martinelli (PP), a primeira-dama e secretária de Governo Geisa Martinelli, estaria colocando Louzado na mira de outros partidos, depois do lançamento antecipado, pelo prefeito, da sua futura pré-candidata a prefeita, a secretária de Desenvolvimento Social, Edione Agostinone. A escolha do nome de Edione faltando um ano e meio para as eleições teria frustrado não só os planos de Lozado, como de outros vereadores da base do gestor, a exemplos de Hélio Boa Sorte (PP) e Francisnei Santos (PSL), que sonhavam com o apoio de Martinelli na disputa pela máquina pública.

Dentre os vereadores, Raimundo aparece como um nome leve e é apontado como uma das ameaças ao projeto de Giuliano. Contudo, a relação entre prefeito e presidente da Câmara azedou desde que Louzado venceu a vereadora Cristiane Pinheiro (PP), prima do prefeito, na eleição pela presidência da Câmara em dezembro de 2018. Mas há quem tenta virar a página e apagar o incêndio. É o deputado estadual Zé Cocá (PP), que trabalha pela união de ambos para que o grupo tenha candidatura única no ano que vem. Fontes asseguram que Cocá se esforça para promover uma reunião entre Martinelli e Louzado.

Otto Alencar determina mudança no PSD de Jaguaquara

Enquanto isso, na oposição, surge nome novo. O promotor de eventos Flavinho Souza, radicado em Salvador, mas filho da cidade, voltou para sua terra natal e tenta ingressar na política apresentando-se como virtual pré-candidato. Flavinho conseguiu, inclusive, tirar o PSD da base de Giuliano e já detém o domínio do Partido Social Democrático, presídio na Bahia pelo senador Otto Alencar, quem teria determinado que o partido mudasse de mãos na cidade, saindo do vereador governista Edmilson Barbosa para as mãos de Flávio. Até 2020, muitas águas vão rolar!

Prefeitura de Jaguaquara define data, o tema e anuncia as primeiras atrações do São João

/ Jaguaquara

Autora da música Cobaia, Lauana Prado é confirmada

Diferente dos anos anteriores, a Prefeitura de Jaguaquara decidiu antecipar os preparativos para os festejos juninos, definindo a data e o tema do São João 2019. Por meio da Secretaria de Cultura Esporte e Lazer, a Prefeitura informou que o evento ocorrerá de 21 a 24 de Junho e que prestará uma expressiva homenagem à Força da Mulher Nordestina, tendo como referência a história de Maria Gomes de Oliveira, a Maria Bonita.

Além de contar a história de Maria Bonita, o São João de Jaguaquara que traz como tema: ”A Força da Mulher no Sertão, Maria Bonita e Lampião”, dará destaque também às mulheres da comunidade local, que serão homenageadas no circuito pela sua história de luta e determinação, segundo nota divulgada pela assessoria de comunicação.

Duas atrações já foram confirmadas e anunciadas pelo poder público municipal. A cantora Lauana Prado, autora da música Cobaia, e Walkyria, ex-vocalista da banda Magníficos são as primeiras atrações contratadas. Apesar do anúncio, detalhes e valores dos shows de Lauana e Walkyria ainda não foram publicados no Diário Oficial, conforme verificação. Para muitos, a decisão da gestão em antecipar os preparativos foi acertada, já que o São João de Jaguaquara enfrenta decadência há anos, pela falta de investimentos, deixando de ser um dos destinos mais procurados pelos turistas no período junino e ficando atrás de cidades com menores receitas, como Amargosa, a cerca de 100 KM, que sempre aparece na lista das melhores festas e deve ser mais uma forte concorrência.

Festival Conexão Musical chega a Jaguaquara neste fim de semana, com shows gratuitos na praça

/ Jaguaquara

A música  vem conectando o interior da Bahia com o Festival Conexão Musical Bahia, que acontece entre os meses de fevereiro e abril. O festival, projeto patrocinado pela Skol em parceria com a Secretaria de Cultura da Bahia, já passou por Madre de Deus, São Sebastião do Passé, Cachoeira, Santo Amaro, Itaparica, Ipirá, Ruy Barbosa e agora chega a sua oitava etapa, desembarcando em Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá, nesta sexta-feira (5) e sábado (6).

Na ocasião, o caminhão-palco da Skol estacionará na Praça J J Seabra, a partir das 18h. Na noite de abertura se apresentam Jefinho Love Light e Léo Novo Som. No segundo dia, o projeto será animado por Lipinho Fontes e Magary Lord. Durante todo o evento, o DJ Conexão é o responsável pelo som no intervalo entre as bandas. O evento é gratuito.

Com o propósito de oferecer música, cultura e lazer para mais de 500 mil pessoas, o festival passa por 10 municípios baianos, com a participação de 40 artistas locais e regionais, totalizando 140 horas de shows gratuitos em praças públicas. Depois de Jaguaquara, será a vez de Ipiaú e Gandu, na região Sul do Estado.

 

 

UPAs prontas não funcionam Brasil afora; Jaguaquara tem exemplo do desperdício do dinheiro

/ Jaguaquara

UPA está fechada no distrito Stela Dubois. Foto: Blog Marcos Frahm

O Brasil tem mais de 2 mil unidades de saúde que estão prontas, mas não funcionam seja por falta de pessoal, de equipamentos ou de dinheiro para mantê-las. Segundo a Rede Globo, até o final de 2018, dados mostraram que haviam 218 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e 1.967 Unidades Básicas de Saúde (UBS) sem funcionar. Nos últimos meses, esse número cresceu. Mais de um bilhão de reais já foram pagos para a construção dessas unidades que estão paradas.

A UPA do distrito Stela Câmara Dubois – Entroncamento de Jaguaquara – é um exemplo claro de desperdício do dinheiro público. Concluída em 2015, ainda no período da primeira gestão do prefeito Giuliano Martinelli (PP), o local apresenta sinais de abandono e para tristeza da população não existe nenhuma perspectiva de atendimento. ”O desprezo do poder público com o Entroncamento de Jaguaquara é histórico e parece não ter fim”, lamenta uma moradora ao reclamar da situação ao Blog Marcos Frahm. As críticas não são gratuitas. Os problemas se acumulam em todos os setores, e a população local jamais imaginaria que a UPA seria apenas mais um objeto para conquistar votos dos eleitores. O descaso é tão grande que a população já não esconde seu descontentamento e as críticas são cada vez mais frequentes. ”Como acreditar nas promessas de dias melhores se continuamos sendo tratados com tamanho descaso?” questiona.

A moradora não esconde toda sua decepção com a falta de representatividade do Município que não consegue viabilizar o funcionamento de uma unidade de saúde construída com dinheiro público e anunciada de maneira espalhafatosa, mas que não tem serventia para os doentes que são obrigados a buscar atendimento em outra freguesia. ”Se não tem dinheiro para colocar em funcionamento por que constrói então?”, perguntou. Os moradores do distrito, quando necessitam de atendimento médico recorrem ao Hospital Municipal de Jaguaquara (HMJ), que fica há 10 KM da localidade e inclusive está passando por reforma autorizada pelo Governo do Estado. Alguns preferem ir ao Hospital de Itiruçu, município vizinho.

Você Repórter: Comerciantes reclamam da fedendina com esgoto estourado no Centro Jaguaquara

/ Jaguaquara

Populares reclamam de mau cheiro na praça. Foto: Leitor BMFrahm

Comerciantes e trabalhadores que atuam em estabelecimentos na Praça Guilherme Silva, Centro de Jaguaquara, estão reclamando do mau cheiro que exala de uma rede de esgoto que estourou em frente ama farmácia. Leitores do BMFrahm enviaram fotos do esgoto a céu aberto e pedem providências ao órgão competente, para que solucione o problema, que tem se tornado incomodativo no local.

Se você também tem alguma denúncia, foto ou vídeo, colabore com a reportagem do BMFrahm e e envie seu material para o Você Repórter pelo e-mail [email protected]

Homem morre ao ser atropelado no Entroncamento de Jaguaquara; teria se jogado na frente do veículo

/ Jaguaquara

Corpo foi encaminhado ao IML. Foto: Blog Marcos Frahm

Um homem de 30 anos morreu atropelado por um veículo de dados não anotados na noite deste sábado (30), na Rodovia Santos Dumont, BR-116, KM 633, perímetro urbano do distrito Stela Dubois – Entroncamento de Jaguaquara. Segundo informações da polícia ao Blog Marcos Frahm, Eliel Neri do Carmo foi encontrado caído sobre a pista de rolamento, por volta das 22h10, estando o mesmo em decúbito dorsal, trajando uma camisa branca, bermuda azul e sandálias tipo havaianas, sem sinais vitais, conforme levantamento feito no local pela equipe da Polícia Civil comanda pela delegada Grazziele Quaresma, no Plantão Central da Delegacia Territorial de Jaguaquara.

Eliel Neri do Carmo teria sofrido surto psicótico, diz polícia

No local, a polícia foi informada por populares de que o rapaz teria se jogado na frente de um veículo que não deu tempo frear. Ainda segundo a polícia, o cunhado da vítima, Adelson Cerqueira da Silva teria relatado que Eliel apresentava quadro de surto psicótico e, a tarde, foi levado para ser medicado no Hospital Municipal de Jaguaquara, de onde foi liberado e encaminhado pra casa, no distrito, fugindo do imóvel. Posteriormente, os familiares foram informados de que o Eliel se jogou na frente de um carro na BR-116, que evadiu do local. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Jequié, por uma equipe de peritos do Departamento de Polícia Técnica.

Conselho Regional de Farmácia da Bahia promoverá palestra para profissionais da área em Jaguaquara

/ Jaguaquara

Dr. Clóvis Rei irá palestrar no evento

O Conselho Regional de Farmácia da Bahia estará promovendo, em Jaguaquara, nesta sexta-feira (29) uma palestra intitulada ”Farmácia clínica/Assistência Farmacêutica Municipal”, com o farmacêutico Dr. Clóvis Rei.

O evento, que será realizado a partir das 19h, no Hotel Irmãos Vaz, tem como público alvo farmacêuticos de Jaguaquara e região e abordará o papel do farmacêutico no cuidado aos pacientes portadores de doenças crônicas, como também, em todo processo da assistência farmacêutica (seleção, aquisição, armazenamento e dispensação).

Desde 2013, com a publicação da resolução CFF 585/13 e CFF 586/13, que o farmacêutico pode atuar em consultório solicitando exames para fins de acompanhamento farmacoterapêutico, prescrever medicamentos Isentos de Prescrição Médica, além de estimular a adesão terapêutica, otimizar a farmacoterapia, contribuindo assim com a promoção do uso racional de medicamentos.

Prefeito de Jaguaquara lança pré-candidata e descarta apoio a qualquer político em 2020

/ Jaguaquara

Martinelli confirma Edione Agostinone. Fotomontagem BMF

O prefeito de Jaguaquara, Giuliano Martinelli (PP), deu um chega pra lá nos aliados que sonhavam com seu apoio nas eleições para prefeito de 2020 e decidiu por uma solução ”caseira” para a sucessão dele. O nome de Edione Agostinone foi anunciado por Martinelli em entrevista a Rádio Povo local, nesta terça-feira (26). A atual secretária de Desenvolvimento Social do Município trabalha na pasta desde o primeiro mandato quando auxiliava a secretária à época, ou seja, a primeira-dama Geisa Martinelli que ocupou o mais cobiçado cargo da Prefeitura.

A escolha de Edione, que é sogra do irmão do prefeito, não é nenhuma novidade, pois o Blog Marcos Frahm antecipou a informação (AQUI) no último dia (14), dando conta de sua escolha em torno do nome dela. Por outro lado, o que ninguém esperava era que o anúncio público saísse da boca do próprio prefeito um ano e meio antes das eleições municipais ainda mais da forma como foi divulgado, descartando de todas as formas os aliados políticos. Afirmou categoricamente que não vai colocar a Prefeitura na mão de político, mesmo estando na política. ”Esquece” disse, acrescentando que as pré-candidaturas postas até aqui não tem sustentação nenhuma e são pessoas que, segundo o mandatário, não conhecem a realidade de Jaguaquara.

Disse que acompanha movimentos em redes sociais onde nomes são cogitados, mas, para o prefeito, são pessoas (pré-candidatos) ”que não tem comprometimento com Jaguaquara, que são apenas políticos e não administradores”. Concluiu deixando claro que político não terá vez na continuação de seu projeto político. ”Jaguaquara nunca teve uma mulher representando o Município”, disse ao falar de Edione Agostinone, agora, sua principal e única aposta, já que descartou os demais.

Em Jaguaquara, problemas se avolumam em vários pontos do município depois das fortes chuvas

/ Jaguaquara

Jaguaquara registrou fortes chuvas. Foto: Blog Marcos Frahm

As chuvas de verão que atingiram Jaguaquara e região somente no outono trouxeram alívio para o homem do campo, com informações sobre barragens cheias num município onde a produção agrícola é o carro-chefe da economia. Por outro lado, moradores da zona urbana sofrem com os reflexos das fortes chuvas, que deixam vários pontos com alagamentos. Os transtornos foram constatados nas áreas de sempre, em bairros sem pavimentação, como: Arco-Íris, Cidade de Deus, Loteamento Nova Jaguaquara, parte da Palmeira, entre outras áreas carentes de investimentos por parte da Prefeitura. No distrito Stela Dubois, casas foram inundadas na Rua Luiz Viana. Na zona rural, uma ponte caiu impedindo a passagem de veículos na localidade de Piabanha. Estradas vicinais estão em complicação após as chuvas. A previsão para esta terça-feira (26) é de sol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.

Fortes chuvas provocam alagamentos em vias públicas do Entroncamento de Jaguaquara

/ Jaguaquara

Rua Luiz Viana ficou completamente alagada. Foto: Leitor BMFrahm

As chuvas que atingiram a região no final de semana trouxeram alívio para o homem do campo, com barragens cheias que representam esperança de maior produção. Por outro lado, as águas de março também trouxeram preocupação para quem vive na cidade, com ruas e casas sendo inundadas em alguns municípios. No distrito Stela Dubois – Entroncamento de Jaguaquara, por exemplo, a tempestade provocou alagamentos nas áreas de sempre, como na Rua Luiz Viana, onde duas casas foram invadidas pelas águas. Segundo informações de moradores da via pública ao BMFrahm, um dos imóveis atingidos pertence a um casal de idosos. A situação já virou rotina na rua, que faz tempo que não recebe investimentos por parte da Prefeitura de Jaguaquara, capazes de assegurar o rápido escoamento de água e proporcionar uma morada digna aos moradores. Há quem diga que a Luiz Viana encontra-se ao Deus dará!

Em Jaguaquara, manifestantes saíram as ruas e protestaram contra reforma da Previdência

/ Jaguaquara

Manifestantes percorreram ruas centrais. Foto: Blog Marcos Frahm

Manifestantes se reuniram e saíram às ruas de Jaguaquara na última sexta-feira (22), durante um ato de protesto contra a reforma da Previdência, que tramita no Congresso Nacional. Os manifestantes, incluindo servidores públicos ligados ao Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Jaguaquara e APLB local circularam nas vias centrais da cidade usando faixas, cartazes e com a utilização de um carro de som.

O protesto foi realizado pela manhã, e contou também com a participação de estudantes da rede pública de ensino, que aderiram ao ato. Os manifestantes aproveitaram o ensejo das manifestações Brasil afora para criticar a proposta do Governo Bolsonaro.

Você repórter: Morador envia fotos da Rua Santa Luzia, em Jaguaquara, que está ao Deus dará

/ Jaguaquara

Rua Santa Luzia, no bairro Lagoa, está ao Deus dará. Fotos: Lindomar

Não está fácil para quem morra em bairros populares de Jaguaquara. Como se não bastasse as dificuldades do dia a dia, os problemas aumentaram em apenas dois dias de chuva, quinta e sexta-feira. No bairro Lagoa, por exemplo, o morador da Rua Santa Luzia, Lindomar, enviou fotos para a redação do BMFrahm lamentando a situação crítica em que se encontra a via pública. A buraqueira toma conta da área e, após a chuva, ficou muito mais complicado para a trafegabilidade na rua. O problema se arrasta desde outras gestões, sem nenhuma previsão de obra de pavimentação por parte da Prefeitura. ”A Santa Luzia está ao Deus dará”, vivendo de promessas”, bradou.

Polícia Militar apreende menor suspeito de praticar roubo em loja com motocicleta roubada

/ Jaguaquara

Menor é reconhecido e apreendido. Foto: Divulgagão/Polícia Militar

A Polícia Militar apreendeu um adolescente, de 17 anos, suspeito de participação em um roubo a um estabelecimento comercial no distrito Stela Dubois – Entroncamento de Jaguaquara. De acordo com a PM, o menor infrator foi apreendido após denúncia no Assentamento Wilson Furtado, nesta quarta-feira (20), sendo identificado como o principal suspeito de adentrar na loja VR Confecções usando capacete. Ainda de acordo com a PM, o menor teria praticado o ato na companhia de outros dois indivíduos e utilizaram uma moto Honda Bros roubada, além de um revólver, que estão em poder dos comparsas, foragidos até o momento. A PM informa ainda que o adolescente foi reconhecido através de imagens feitas por câmeras de segurança no local e que no momento da sua apreensão usava a mesma camisa flagrada com ele no dia do ocorrido.  O mesmo foi apresentado na Delegacia de Jaguaquara para as medidas cabíveis.

Bandidos atiram em van em tentativa de assalto na BR-116, próximo ao Entroncamento de Jaguaquara

/ Jaguaquara

Van levava família para Minas Gerais. Foto: Blog Marcos Frahm

Uma van que transportava uma família de Alagoas para Minas Gerais foi alvo de criminosos nesta semana. O veículo trafegava na altura do KM 628 da BR-116, no povoado do Tatu, próximo ao Entroncamento de Jaguaquara, quando foi perseguido por suspeitos a bordo de um carro Fiat Pálio Weekend, que deram voz de parada ao motorista.

O condutor da van ao perceber que eram assaltantes, seguiu viagem. O carro realizou uma ultrapassagem e passou a transitar a frente, tendo um dos ocupantes sacado uma arma de fogo e feito disparos na direção do veículo, atingindo o para-brisa da van.

Cerca de 10 pessoas, entre elas adultos crianças estavam dentro da van, mas ninguém ficou ferido na ação. Assustados, os ocupantes pararam por volta das 02h da manhã de segunda-feira no estacionamento do Posto Grande Vale, às margens da rodovia e continuaram a viagem momentos depois.