Pastor preso por engravidar enteada adolescente e a estuprava há oito anos, diz mãe da vítima

/ Polícia

Caso ocorreu na região metropolitana de Goiânia. Foto: Divulgação

Um pastor evangélico foi preso na terça-feira (03) em Goianira, na região metropolitana de Goiânia (GO), acusado de estuprar e engravidar a enteada, de apenas 15 anos. De acordo com o site Metrópoles, os abusos aconteciam desde que a jovem tinha 8 anos.

Após sete anos com os abusos acontecendo em segredo, a violência só foi descoberta após a mãe da vítima e esposa do agressor ter constatado a gravidez da jovem. Ao tomar ciência do caso, a própria mãe fez a denúncia no dia 25 de agosto.

De acordo com a jovem, ela não tinha denunciado os estupros antes por conta de ameaças do padrasto. O agressor afirmava que, caso a vítima revelasse os abusos para alguém, o pastor evangélico mataria ela e a mãe.

Ainda segundo a vítima, o último estupro teria ocorrido no mês de junho. A adolescente está na 23ª semana de gestação, o que equivale a 5 meses e 3 semanas.

Já o suspeito, que também é pedreiro de obras, não teve a identidade divulgada. Ele foi encaminhado para a Casa de Prisão Provisória (CPP), em Aparecida de Goiânia (GO). De acordo com o Metrópoles, o acusado nega os abusos.

Os comentários estão fechados.