Crueldade: Empresário morre após ter corpo incendiado por criminosos em Feira de Santana

/ Bahia

 Manoel Carlos Santana
Vítima: Manoel Carlos Santana

 O empresário Manoel Carlos Santana, 61 anos, morreu neste domingo (19) após ter o corpo queimado por criminosos dentro do próprio restaurante em Feira de Santana. O crime aconteceu na tarde deste sábado (18). Segundo a Delegacia de Homicídios, o empresário, dono do restaurante Galinha Gorda, na avenida João Durval, teve grande parte do corpo queimado no ataque. As imagens do momento em que o empresário teve as chamas do corpo apagadas foram gravadas por testemunhas. O vídeo mostra o momento em que o empresário, mesmo com as mãos amarradas, consegue sair do restaurante e pedir ajuda. Desesperadas, algumas pessoas que veem o homem em chamas tentam apagar o fogo com água e extintores de incêndio. “Joga água, joga água. Meu Deus” grita um homem, enquanto tenta apagar o fogo. O empresário foi resgatado e levado para o Hospital Geral Clériston Andrade, em estado grave. Ele não resistiu e morreu na tarde de hoje. A polícia investiga se o empresário foi morto em uma tentativa de assalto ou por vingança. O crime bárbaro causou grande repercussão em Feira de Santana. Através dos sites de redes sociais, moradores reclamaram da violência na cidade. Com informações do Correio

Os comentários estão fechados.