Em Jequié, alunos do IFBA clamam por segurança

/ Jequié

Alunos na Rua 2 de Julho, em frete a Câmara. Foto: Del Santos
Alunos na Rua 2 de Julho, em frete a Câmara. Foto: Del Santos

A quarta-feira (26) foi de protesto em Jequié, contra a insegurança na Cidade Sol. Estudantes do Instituto Federal da Bahia – IFBA saíram às ruas em protesto contra a falta de segurança pública. E de acordo com o site Jequié e Região, um dos pontos mais importantes da manifestação ocorreu na porta da Câmara de Vereadores. Um dos alunos relatou que a situação é insustentável, diante do crescente número de assaltos na região da Cidade Nova, onde está instalada a instituição pública em ensino. Muitos deles pensam até em desistir dos cursos que frequentam pela falta de segurança. Também cobraram providências relacionadas ao transporte público, considerado por eles como bastante deficitário.

Jequié participa do III Encontro Nacional dos Agentes de Desenvolvimento, em Pernambuco

/ Jequié

Secretária Fábia
Secretária Fábia Viana representa Jequié em Pernambuco

Jequié foi representada no III Encontro Nacional dos Agentes de Desenvolvimento (Enad), que reuniu mais de mil participantes e ocorreu nos dias 19 e 20 de novembro, no auditório do Hotel Sheraton, Reserva do Paiva, em Cabo de Santo Agostinho (PE). O evento foi realizado pelo Sebrae em parceria com a Confederação Nacional dos Municípios (CNM). A cidade Sol foi representada pela Secretária de Desenvolvimento Econômico do município, Fábia Viana Souza. Estiveram presentes os presidentes do Sebrae Nacional, Luiz Barretto, e do Conselho Deliberativo do Sebrae em Pernambuco, Pio Guerra, a secretária de Desenvolvimento Territorial do Ministério do Desenvolvimento Agrário, Andréa Buttô, entre outras autoridades.

Produtores do show de Anderson Freire fazem entrega de material para construção de casa em Jequié

/ Jequié

Empresário Jorge Galvão faz doação
Empresário Jorge Galvão faz doação para vítima de câncer

O projeto ”Abençoando Vidas 2014”, do Instituto Tauane Liz, começa a alcançar seus primeiros resultados. Foi entregue, nesta terça-feira (25), o material para a construção da casa em favor de dona Noemia, uma senhora que luta contra o câncer, no bairro Km 4, em Jequié. A entrega foi feita pelo presidente do Instituto, Jorge Galvão, que esteve acompanhado da esposa dele, Débora; e do produtor de eventos, Irineu Oliveira. O ”Abençoando Vidas 2014” foi criado para desenvolver ações sociais na cidade. Os recursos financeiros para viabilizar a construção da casa no KM 04; para aquisição de uma ambulância e instalação de um consultório odontológico móvel, dentre outras iniciativas, virão da arrecadação de três shows musicais em Jequié.

Material será para construção de casa
Material será para construção de casa no bairro Km 4

O primeiro show já foi realizado com a participação do cantor gospel Fernandinho. No próximo dia (29) acontecerá o show de Anderson Freire, e no dia 05/12 o de Aline Barros. Os eventos são realizados no Jequié Tênis Clube sempre às 20 horas. A casadinha para os dois eventos custa apenas R$ 50,00 + 2 Kg de alimento não perecível. Informações: (73) 8809-1839 e 9918-6744. *Por Souza Andrade

Em Jequié, alunos do Programa EJA participam de atividade alusiva ao Novembro Azul

/ Jequié

Urologista Dr. Elias D’Ávila fez palestra Urologista Dr. Elias D’Ávila fez palestra sobre a prevenção do câncer de próstata (divulgação)
Urologista palestra sobre a prevenção do câncer de próstata

Em Jequié, alunos do programa Educação de Jovens e Adultos-EJA, participaram de palestra alusiva ao Novembro Azul no auditório da Secretaria Municipal de Educação. O evento foi promovido pela pasta e contou com a presença de diretores, professores, coordenadores e alunos das escolas municipais. O urologista Elias Carlos D’Ávila falou da prevenção do câncer de próstata e de pênis e da importância dos exames preventivos que detectam doenças. De acordo com o médico, o Brasil é um dos países com maior incidência do câncer de próstata, chega a ser o segundo câncer mais comum entre os homens fica atrás apenas do câncer de pele. Em relação ao mundo, o câncer de próstata é o sexto tipo mais comum e o mais prevalente em homens, representando cerca de 10% do total de cânceres.  Com base nestas informações o urologista buscou interagir com alunos presentes no evento levantando o debate sobre o tema e conscientizando os presentes a cerca dos benefícios da prevenção.  A EJA é uma modalidade de ensino voltada a jovens e adultos que não puderam concluir seus estudos na idade correta, a EJA proporciona ao aluno a oportunidade de elevar sua escolaridade por meio de novos conhecimentos que podem ser utilizados nas diferentes relações cotidianas.

Jequié: Prefeitura exigiu e Assaí Atacadista assinou TAC para construção de canal pluvial

/ Jequié

Prefeita Tânia assina o TAC durante reunião
Prefeita Tânia Brito assina o TAC durante reunião. Foto: Divulgação

O TAC – Termo de Ajustamento de Conduta – entre a Prefeitura de Jequié e a Assaí Atacadista para a construção do canal de macrodrenagem no São Judas Tadeu, foi assinado somente na quinta-feira (20). A informação é da própria Prefeitura, através de reportagem enviada a profissionais de imprensa da cidade. Com isto, fica evidenciado que, até então, não havia nenhum acordo formal entre as citadas partes em relação à execução das obras. Segundo a prefeitura, a Assaí terá 90 dias, após aprovação do projeto, para a conclusão dos serviços. Contudo, esse prazo pode ser prorrogado em hipótese de caso fortuito e/ou força maior. Informa ainda que o custo da execução da construção de canal de macrodrenagem será arcado pela Assaí, responsável pela obra no valor de R$ 400 mil, enquanto que A.S. Jequié Empreendimentos Imobiliários SPE se responsabiliza pelo custo restante para conclusão dos serviços referente à construção do canal de macrodrenagem. Participaram da reunião que marcou a assinatura do TAC, Tânia Brito (prefeita), Cristiano Modesto (engenheiro da A.S. Jequié); José Rui Júnior (gerente de contratos da A.S. Jequié); Sandro Oliveira (diretor regional da Assai Atacadista); João Aguiar Ribeiro Filho (doador da área do canal); Izac Guerra (engenheiro da prefeitura); Ricardo Chaves (secretário de Infraestrutura) e Marcos Neves (procurador do Município).

No mês passado, a reportagem dos blogs: Marcos Frahm, Jequié e Região, Jequié Repórter e do Jornal A Folha  esteve com um engenheiro da empresa em busca de informações sobre possíveis dificuldades apresentadas pela prefeitura de Jequié. Naquela ocasião ele negou que a empresa teria assinado um TAC se comprometendo a construção o canal solicitado pela prefeitura. Por Souza Andrade

Anderson Freire em Jequié com show inédito dia 29

/ Jequié

Anderson Freire é um dos grandes nomes da música
Anderson Freire é um dos grandes nomes da música gospel

Está chegando a hora da apresentação inédita, em Jequié, de um dos principais nomes da música gospel brasileira. Anderson Freire será a próxima atração do Instituto Tauane Liz, através do projeto ”Abençoando Vida 2014”, criado para desenvolver ações sociais na cidade. Com os recursos arrecadados será viabilizada a construção de uma casa no bairro KM 04, para uma senhora vítima de câncer; aquisição de uma ambulância e instalação de um consultório odontológico móvel, dentre outras iniciativas. Assim, ao adquirir o seu ingresso você contribuirá com essas importantes ações. O show de Anderson Freire será no Jequié Tênis clube, às 20 horas do dia 29 de novembro e no dia 5 de dezembro será a vez da apresentação de Aline Barros, também fazendo parte do projeto. A casadinha para os dois eventos custa apenas R$ 50,00 + 2 Kg de alimento não perecível. Informações: (73) 8809-1839 e 9918-6744. Por Souza Andrade

Jequié: Choque de gestão deve unir Euclides e Tânia

/ Jequié

Em 2012, Tânia venceu Euclides e Fernando
Em 2012, Tânia venceu Euclides e Fernando na eleição municipal

O deputado estadual reeleito, Euclides Fernandes (PDT), poderá selar a paz com o grupo adversário em Jequié, liderado pelo deputado federal Roberto Brito (PP) e caminhar junto com a prefeita Tânia Brito (PP), que lhe derrotou nas eleições de 2012. O governo da Dra. Tânia, que diz querer buscar um choque de gestão, poderá ter o ingresso do PDT de Euclides na administração. Depois das substituições no quadro de secretários – três foram dispensados nos últimos dias, novos membros irão compor o primeiro escalão municipal, podendo, inclusive, ser indicados por Fernandes. Nem Euclides, nem Roberto, escondem a possível aliança – ambos revelam que estão em fase de aglutinação, já se reuniram recentemente e, a união PP /PDT, está mais perto do que nunca. Quatro vereadores aliados de Euclides, e eleitos pelo partido do cacique pedetista – Manoel Gomes Aragão, líder do governo municipal na Câmara de Jequié, Eliezer Pereira Filho “Fiim”, Meire Lopes e Chico de Alfredo já estão com a prefeita Tânia, desde o primeiro dia da administração pepista.

Prefeitura de Jequié adiada inauguração de Academia

/ Jequié

Academia foi instalada na Avenida César Borges
Academia ao ar livre foi instalada na Avenida César Borges

A Prefeitura de Jequié, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer, informa que foi adiado o evento de inauguração da Academia na Praça localizada na Av. César Borges, programada para esta sexta-feira, 21 de novembro, às 18h. Segundo a PMJ, uma nova data e horário serão definidos e amplamente divulgados. A Prefeitura de Jequié só não informou o motivo que a levou a cancelar o ato inaugural.

FIOL: Jequié quer sediar estrutura do Programa de Revitalização das Ferrovias Brasileiras

/ Jequié

Prefeita, deputados e representantes de entidades
Prefeita, deputados e representantes de entidades buscam FIOL

Reunião realizada nesta terça-feira (18), em Brasília, discutiu amplamente a implantação da Plataforma Logística Multimodal de Jequié. No encontro entre a prefeita Tânia Brito (PP), deputado federal Roberto Brito (PP), deputado federal e vice-governador eleito da Bahia, João Leão (PP), presidente da VALEC (empresa pública do Ministério dos Transportes), José Lúcio Machado, Marcelo Aguiar, secretário de Governo de Jequié, Verivaldo Lima, presidente da Associação Comercial e Industrial de Jequié, Dickson Magno, presidente do Conselho Comunitário de Jequié, prefeito de Lafaiete Coutinho, Zé Cocá (PP), além de outras autoridades políticas foi apresentado um demonstrativo simplificado das potencialidades do município, cujo projeto elaborado pela Prefeitura foi fortalecido pelo Governo do Estado da Bahia e aprovado pelo Governo Federal. Com posição geográfica estratégica na região e grande capacidade de suprimento e abastecimento a cidade centralizará o fluxo econômico e financeiro de forma direta e indireta em 24 municípios do Estado. Jequié deverá sediar a estrutura baiana no Programa de Revitalização das Ferrovias Brasileiras. A expectativa é que haja a diversificação da economia através do comércio e da indústria de modo a garantir uma elevada capacidade de geração de empregos e de renda na Cidade Sol.

Estudantes de Farmácia volta a protestar em Jequié

/ Jequié

Estudantes protestam em frente à Câmara Municipal de Jequié
Estudantes protestam em frente à Câmara Municipal de Jequié

Estudantes do Curso de Farmácia da Uesb/Jequié voltaram às ruas nesta quarta-feira (19), mais uma vez, em ato de protesto contra conta o relatório sobre a Medida Provisória (MP) 653/2014, pela comissão mista do Senado, que flexibiliza a presença do farmacêutico em pequenas farmácias. Os universitários não escondem o descontentamento da classe com a medida, que limita a atuação profissional do farmacêutico.

Professora do Curso de Farmácia lidera ato público em Jequié
Professora do Curso de Farmácia lidera ato público em Jequié

De acordo com a professora do curso de Farmácia da Uesb, Gisele Silveira, a intensificação das manifestações tem o objetivo de chamar a atenção da sociedade para a importância do profissional farmacêutico no estabelecimento. ”Toda a população ficaria desassistida sem a presença do farmacêutico na farmácia. Por tanto, nós estamos nos manifestando contra essa medida, porque a votação será nesta quarta-feira em Brasília e nós precisamos chamar a atenção para os problemas que a população vai enfrentar na área da saúde se essa medida provisória for aprovada. Esse assunto está sendo discutido desde agosto, com uma mobilização nacional de alunos e profissionais farmacêuticos. Farmácia é um estabelecimento de saúde e nós estamos para promover saúde”, disse a professora, alertando para que os alunos acompanhem a tramitação no Senado Federal. Os manifestantes percorreram ruas centrais de Jequié, tendo feito parada em frente ao prédio da Câmara Municipal local, no período da manhã, para encerramento do movimento. Em todo o País, entidades farmacêuticas protestam contra as concessões ao setor varejista feitas no referido documento. O relator da comissão mista, deputado federal Manoel Junior (PMDB/PB), reconheceu a necessidade da presença obrigatória de farmacêutico, conforme determina a Lei 13.021/2014, torna a dispensarão dos medicamentos mais segura e de melhor qualidade.

Moradores fazem manifestação e cobram reabertura do Restaurante Popular em Jequié, há 2 anos fechado

/ Jequié

Restaurante não funciona há dois anos. Foto: Blog Marcos Frahm
Restaurante não funciona há dois anos. Foto: Blog Marcos Frahm

A quarta-feira (19) começou com manifestação em Jequié. Moradores da Cidade Sol se aglomeraram, desde as primeiras horas de hoje na Praça do Centro de Abastecimento Vicente Grilo, Centro, manifestam-se pela reabertura do Restaurante Popular, localizado na área, e que não funciona há mais de dois anos. Os manifestantes, inclusive trabalhadores que atuam no Centro de Abastecimento, lamentam o não funcionamento do estabelecimento. Em entrevista ao repórter Marcos Frahm, da Rádio 93FM, os trabalhadores, que almoçam fora de casa, afirmam que o Restaurante Popular de Jequié, se estivesse em funcionamento, reduziria os gastos com a alimentação, já que as refeições eram oferecidas a R$ 1. ”Seria importante para nós, que somos pequenos, se esse restaurante estivesse funcionando. A gente tenta buscar uma explicação, mas a prefeitura não informa nada sobre isso aqui, que está fechado”, brada o comerciante Manoel da Feijoada.

Comerciante Manoel cobra providências da Prefeitura
Comerciante Manoel cobra providências da Prefeitura de Jequié

Por fora, o prédio parece está em boas condições e, segundo informações, passou por recente recuperação em sua estrutura física, mas ainda não há um novo prazo para a reabertura. Com faixas e cartazes, os manifestantes cobram um posicionamento da Prefeitura de Jequié para o funcionamento do Restaurante Popular, órgão vinculado ao Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, que foi inaugurado em 2008 seguindo a proposta do Governo Federal de fornecer refeições por R$ 1.

Jequié: Estudantes de Farmácia da Uesb fazem protesto contra medida que limita atuação profissional

/ Jequié

Estudantes protestam na Praça Ruy Barbosa
Estudantes protestam na Praça Ruy Barbosa, Centro de Jequié

Estudantes e professores do Curso de Farmácia da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – Uesb, campus de Jequié, saíram às ruas no fim da tarde desta terça-feira (18) em forma de protesto. Eles manifestam-se contra o relatório sobre a Medida Provisória (MP) 653/2014, pela comissão mista do Senado, que visa flexibilizar a presença do farmacêutico em farmácias caracterizadas como pequenas ou microempresas. Pela Lei 13.021/2014, publicada em agosto, a presença desse profissional é obrigatória em todos os estabelecimentos farmacêuticos, enquanto o comércio funcionar. Com a medida provisória, porém, as farmácias enquadradas no Estatuto da Micro e Pequena Empresa (Lei Complementar 123/2014) passaram a adotar as regras da Lei 5.991/1973. Essa lei permite, em casos específicos, a presença de “prático de farmácia, oficial de farmácia ou outro”, inscrito em Conselho Regional de Farmácia (CRF), como responsável do estabelecimento, desde que comprovada a ausência de farmacêutico na região. Essas unidades ainda devem ser licenciadas pela autoridade sanitária local. Para os manifestantes, ”a medida é prejudicial a saúde da população, permite a ausência do profissional no seu devido espaço, além de proibir os Conselhos de punirem as farmácias por suas irregularidades, passando a fiscalizar exclusivamente o exercício profissional”. A tramitação da  MP tem sido cercada de polêmica em todo o Brasil, desde sua edição. Segmentos contrários à medida afirmam que o relaxamento da exigência de farmacêutico nos estabelecimentos fere acordo construído para a aprovação da Lei 13.021/2014.

Grupo em ato de protesto. Fotos: Blog Marcos Frahm
Grupo de estudantes em ato de protesto. Fotos: Blog Marcos Frahm

Durante a manifestação em Jequié, uma integrante do corpo docente do curso de Farmácia da Uesb, Gisele Silveira, disse em entrevista ao Blog Marcos Frahm e Rádio 93 FM que, com a polêmica medida, a população ficaria desassistida, sem o essencial serviço de farmácia e uma possível aprovação resultaria em prejuízos a saúde da população e em desemprego aos profissionais. ”Nós estamos nos mobilizando, hoje no Brasil nós temos 180 mil farmacêuticos e se essa medida provisória for aprovada, vários pais de famílias, que dependem da sua profissão para a sobrevivência, ficarão desempregados. Eles estão pensando apenas no aspecto econômico e não estão pensando na saúde da população e nem nos profissionais”, brada a professora, que lidera o grupo responsável pelo ato público em Jequié.

Manifestantes cartazes com frases de efeito
Manifestantes expõem cartazes com frases contra Medida Provisória

Para Gisele, a manifestação pode conscientizar e sensibilizar as autoridades de que o profissional farmacêutico tem papel fundamental na promoção da saúde. ”Vários farmacêuticos de setores públicos de Jequié também vão paralisar as atividades nesta quarta-feira, mostrando para os deputados e para a nossa presidenta que nós temos a nossa importância dentro dos estabelecimentos farmacêuticos e que nós estamos para promover saúde a nossa população”. O ato de protesto teve início às 16h, tendo como ponto de partida o prédio-sede da Uesb, no bairro Jequiezinho, de onde os manifestantes seguiram a pé, concentrando-se na Praça Ruy Barbosa, Centro da cidade, mantendo contato com a imprensa. O deputado Manoel Junior (PMDB-PB), relator da MP, foi bastante criticado pelos participantes. O parlamentar paraibano manteve o relaxamento da exigência de farmacêutico em farmácias caracterizadas como pequenas ou microempresas e acatou emenda para permitir assistência do profissional de forma remota. No relatório, o deputado reconhece que a presença obrigatória de farmacêutico, conforme determina a Lei 13.021/2014, torna a dispensação dos medicamentos mais segura e de melhor qualidade. No entanto, ele aponta déficit de profissionais para atender a demanda e dificuldades de cumprimento da norma por pequenas farmácias, especialmente em cidades do interior.

Prefeita exonera mais um secretário em Jequié

/ Jequié

Fernando Bomfim não é mais secretário de Infraestrutura
Fernando Bomfim Filho não é mais secretário de Infraestrutura

Segue a dança das cadeiras no Governo Tânia Brito. Na Prefeitura de Jequié, a troca de secretários não para. Desta feita, caiu Fernando Bomfim Filho, que deixa a pasta da Infraestrutura. O ato de exoneração de Bomfim já foi assinado pela prefeita Tânia (PP), que nomeou para o seu lugar o Bacharel em Ciências Contábeis Ricardo Luis Dias Chaves, novo integrante do primeiro escalão municipal. Fernando era tido como braço forte do deputado federal Roberto Brito (PP), responsável pela sua indicação. A sua saída passou a ser classificada nos meios políticos como a grande ‘’surpresa’’. Há quem diga que, nem o próprio Bomfim, imaginava que seria mandado embora agora. A gestora já mudou de secretários por mais de 12 vezes desde quando assumiu a Prefeitura de Jequié. Apenas no período após-eleições-2014, foram três mudanças em secretarias e, segundo fonte, mais dois secretários deixarão os respectivos cargos. O primeiro a dar adeus depois das eleições foi Luiz Carlos Moura, que ocupava a titularidade na Secretaria de Administração e Sérgio Mehlem, que deixou a Cultura.

Motocicletas são abandonadas pelos proprietários no DPT de Jequié após acidentes

/ Jequié

Motos envolvidas em acidentes estão esquecidas
Motos ficam esquecidas no DPT. Foto: Blog Marcos Frahm

Um problema que incomoda os funcionários do Departamento de Polícia Técnica de Jequié há anos. O número de motocicletas e automóveis abandonados na área externa do órgão público impressiona. As motocicletas, por exemplo, encaminhadas ao local para perícia após envolvimento com acidentes, roubos e furtos são esquecidas pelos proprietários ou familiares de vítimas fatais de acidentes de trânsito, que não comparecem ao DPT para solicitação de liberação dos veículos, alguns com restrições judiciais. Segundo informações colhidas pelo Blog Marcos Frahm, muitas das motocicletas chegam a sede do DPT em excelente estado de conservação, mas por ficarem nos estacionamentos da unidade policial sem qualquer proteção, terminam danificadas. O espaço, ainda segundo o administrador, não foi projetado para ser depósito de carros, mas um estacionamento para os funcionários da unidade.