Câmara de Jequié autoriza Hassan a assumir a prefeitura; desta vez, o vice não chorou

/ Jequié

Presidente Tinho, Hassan e vereadores da oposição. Foto: Divulgação

O presidente da Câmara Municipal de Jequié, Emanuel Campos – Tinho – recebeu, no gabinete da presidência da Casa, na manhã desta sexta-feira (3), o vice-prefeito do município, Hassan Iossef. Na ocasião, fora confeccionada uma ATA em que o Poder Legislativo o autoriza assumir, interinamente, o cargo de prefeito, diante a vacância a partir do afastamento temporário do titular, Sérgio da Gameleira, por determinação do Tribunal Regional Federal 1ª Região (TRF-1), em decisão anunciada no dia anterior, a fim de evitar possíveis interferências nas investigações que apuram denúncias de irregularidades no âmbito do Município em relação a utilização de verbas da educação.

O encontro no gabinete da presidência da Câmara foi restrito, com a presença de alguns vereadores e outros, em virtude das medidas adotadas para mitigar a Covid-19.

O presidente da Câmara também enaltece o comportamento republicano do prefeito interino que, mais uma vez, acena para importância da boa convivência entre os poderes constituídos. ”Trata-se de um gesto de grandeza do prefeito interino de reconhecer o valor da união de todos, especialmente, no momento em que o nosso Município enfrenta grandes desafios”, comentou.

Hassah Iossef disse que sempre que for chamado estará à disposição para exercer suas funções com honradez e espírito público. Hassan, que chegou a assumir o cargo no mês passado, quando a Câmara decidiu afastar cautelarmente Gameleira e a Justiça decidiu pela solta sua volta no dia seguinte, não se emocionou desta vez. Iossef, à época, chorou quando empossado. Hoje, preferiu não chorar.

Os comentários estão fechados.