Brasileiro Felipe Coutinho é vendido ao Barcelona por 160 milhões de euros – R$ 620 milhões

/ Esporte

Venda de Coutinho é uma das maiores da história. Foto: AFP

Philippe Coutinho é do Barcelona. Neste sábado (6), o Liverpool acertou a venda do meia por 160 milhões de euros (R$ 620 milhões –  sendo 120 milhões de euros pagos à vista e o restante conforme variáveis estipuladas em contrato) – essa é a segunda maior venda da história do futebol, atrás apenas do atacante Neymar, que foi comprado pelo PSG por 222 milhões de euros (R$ 812 milhões). Mbappé, que está por empréstimo no mesmo clube, deve ultrapassar a marca e será adquirido em julho por 180 mi de euros. O anúncio oficial foi feito através do Twitter oficial do clube, que desejou as boas-vindas ao atleta, que desembarcará ainda hoje na Espanha. Coutinho assinou por cinco anos com o Barcelona, mas não poderá jogar a Liga dos Campeões nesta temporada, por já ter entrado em campo pelo Liverpool. Diante disso, até a Copa do Mundo, portanto, o jogador será utilizado somente no Campeonato Espanhol, competição na qual o Barça é líder, além da Copa do Rei, torneio cujo time catalão está nas oitavas de final. A cláusula de rescição com o Barça é de 400 milhões de euros (cerca de R$ 1,5 bilhão). Para vestir uma das camisas mais cobiçadas do mundo, Coutinho abriu mão de 10 milhões de euros – bonificação que receberia por parte do Liverpool. Após aceitar a saída do atleta, o Liverpool retirou as camisas do jogador de suas lojas oficiais na Inglaterra.

Deixar uma Resposta