Boa Nova: Jovem de 27 anos suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas morre durante ação da Cipe

/ Polícia

Cipe apreendeu arma e drogas durante operação. Foto: Divulgação

Um suspeito de 27 anos morreu durante confronto com policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado – Cipe Central, na área rural do município de Boa Nova, no Sudoeste baiano. Segundo informações da Cipe, a guarnição em rondas na região foi acionada por populares que informaram ocorrer, no Distrito de Valentim, uma movimentação estranha nesta quinta-feira, com a presença de três pessoas que estariam ativamente coagindo moradores e comercializando drogas. A informação destacava o “modus operandi” da súcia, alertando para o fato de um deles exercer o papel ostensivo de segurança do tráfico, vez que, mesmo sem camisa, portava uma arma na cintura. De posse dos dados, a guarnição deslocou até o local para averiguar o fato. Realizando progressão a pé, os policiais impuseram o cerco perimetral e ao determinar a retirada dos indivíduos da instalação que servia de abrigo e ponto de comércio de drogas, um deles tentou fuga pelos fundos em desabalada carreira, disparando uma arma de fogo sequencialmente com vistas a escapar da iminente prisão. ”A pronta resposta foi efetivada visando manter a posição da guarnição, salvaguardando a vida dos policiais militares”, diz a nota divulgada pela Cipe.  Após o cessar fogo, verificou-se que o resistente estava ao chão ferido, sendo de pronto socorrido ao Hospital Municipal do município de Dario Meira, onde infelizmente evoluiu ao quadro de óbito, atestado pelo Médico plantonista. O suspeito foi identificado como Bismarque Souza da Silva, e com eles os militares informaram ter apreendido balança de precisão, 1 revólver cal 38, numeração AA 738469 com 5 cartuchos, sendo 3 intactos e 2 deflagrados; 127g de substância análoga a maconha; 1 tablet de pasta base de substância análoga a cocaína com cerca de 824g; 57g de substância análoga a crack; 1 celular; 1 pote contendo uma substância provavelmente para mistura de cocaína; R$ 35,00 reais de diversas cédulas e aproximadamente 200 sacolas para embalagens.

Os comentários estão fechados.