Jequié avança com obras de pavimentação asfáltica e de concretagem de ruas em pontos diferentes

/ Jequié

Obras de pavimentação asfáltica continuam em Jequié. Foto: PMJ

A Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Infraestrutura, continua avançando com as obras de concretagem da localidade da Pedreira, no bairro Joaquim Romão. Após a pavimentação da Rua Nova, os trabalhos seguiram para Travessa Deraldo Brito Gondim e já estão contemplando, também, as vias transversais. Na quarta-feira (17), o prefeito de Jequié, Zé Cocá, esteve acompanhando o serviço. Estiveram presentes o secretário de Governo, Hassan Iossef; os vereadores, Daubti Rocha Guimarães, o Colorido; Gilvan Santana, Soldado Gilvan; Ladislau Bulhões, o Bui; e Jesiel Cavancante, o Ziel.

O prefeito também esteve acompanhando as obras de pavimentação asfáltica do programa Asfalto Novo Por Toda Cidade e, na quarta, as equipes iniciaram os trabalhos de fresagem da Rua Jerônimo Sodré, Centro. O processo de fresagem é necessário para a retirada de camadas desgastadas de asfalto para, em seguida, ser aplicada a camada de asfalto quente.

As intervenções, que vão resultar em melhorias estruturais para os moradores e possibilitar uma melhor trafegabilidade para os condutores, já contemplaram a Rua Manoel Vitorino; Rua Dom Pedro II; Rua Frederico Costa; e Travessa Manoel Vitorino, onde foram implantadas camadas de asfalto à quente, o Concreto Betuminoso Usinado à Quente (CBUQ), um investimento feito com recursos próprios do município, no valor total de R$ 7,2 milhão de reais.

Durante as visitas, o prefeito Zé Cocá dialogou com os moradores, muitos deles alegres e agradecidos pelo serviço que vem sendo feito, nas ruas onde residem.

Antiga Delegacia de Maracás é demolida pela Prefeitura e Governo irá construir uma nova

/ Polícia

Prefeito acompanha demolição da Delegacia. Foto: Divulgação

A Prefeitura de Maracás deu início, nessa sexta-feira (19), à demolição do prédio da antiga Delegacia de Polícia Civil, na Rua Coronel José Moura Medrado. No local será, construído o Complexo de Segurança, obra anunciada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Segurança Pública da Bahia.

Para o prefeito Soya Novaes, que acompanhou à demolição feita pela Secretaria Municipal de Infraestrutura  a construção de uma nova unidade policial visa buscar uma maior integração não só no aspecto de trabalho e da ação das polícias Civil e Militar, mas também no aspecto físico.

O gestor relembrou suas visitas feitas por ele a Secretaria de Segurança, tendo protocolado ofícios solicitando o reforço na área com uma nova sede da Civil e agradeceu ao governador Rui Costa por atender a demanda, citando o deputado estadual Euclides Fernandes como defensor do projeto. ”A população agradece ao governador por iniciar esse processo, pois se trata de um anseio de todos nós e ficam aqui, também, os nossos agradecimentos ao deputado estadual Euclides Fernandes, que por várias vezes intercedeu por Maracás em audiências”.

Para o prefeito Soya, o novo complexo proporcionará uma melhor prestação do trabalho ao cidadão que procura os serviços da delegacia e também melhores condições de trabalho aos policiais. ”A delegada Viviane Rosa e seus policiais vão ter melhores condições para atender ao nosso povo”, concluiu.

Maracás: Dia da Bandeira é celebrado com entrega de medalhas a alunos do Colégio Militar

/ Educação

Autoridades e estudantes comemoram Dia da Bandeira. Foto: Divulgação

Hoje, 19 de novembro, é celebrado o Dia da Bandeira. O símbolo nacional atual foi apresentado logo após a Proclamação da República, que ocorreu no dia 15 de novembro de 1889. Para marcar a data, o prefeito de Maracás, Soya Novaes, a primeria-dama, Guida Galvão, o vice-prefeito Samuel Nascimento, vereadores, secretários municipais e autoridades policiais participaram da cerimônia de hasteamento da Bandeira Nacional, em frente ao prédio-sede da Prefeitura, na Praça Rui Barbosa, evento promovido pelo Colégio Militar.

Ao som do Hino Nacional, executado por estudantes, as bandeiras do Brasil, da Bahia e de Maracás foram hasteadas pelo prefeito Soya, pela secretária de Educação, Adineide Novaes e pelo Comandante da 93ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), Major Horoney Santana.

Em seguida, foi realizada pelo Colégio, sob a coordenação do Capitão Edimon César, Diretor Disciplinar da unidade de ensino a entrega de certificados e medalhas a alguns alunos, os quais participaram da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica.

Para o prefeito, o evento reforçou a importância do Colégio Militar para o Município, que mantém parceria com a Polícia Militar da Bahia para o funcionamento da unidade. ”Um brilhante evento, que nos fazem reconhecer ainda mais o trabalho realizado por todo o corpo docente e seus coadjuvantes, diretoria disciplinar, diretoria pedagógica, coordenadoria pedagógica e funcionários que se dedicam para que a escola possa oferecer aos nossos jovens um ensino de qualidade. Vamos em frente, com Ordem e Progresso”, comentou Soya Novaes.

Programa ”Mais Futuro” convoca 656 universitários para ingresso em vagas de estágio

/ Educação

O Governo do Estado convocou, nesta sexta-feira (19), 656 jovens do Mais Futuro para ingresso em vagas de estágio destinadas aos estudantes atendidos pelo programa. O grupo é composto por jovens regularmente matriculados nas quatro universidades estaduais baianas – Uefs, Uesb, Uesc e Uneb – e irão atuar em 17 órgãos e secretarias. A convocação foi feita por e-mail.

Os selecionados deverão se apresentar nos locais de estágio portando carta de apresentação, o termo de responsabilidade da universidade e o termo de responsabilidade do aluno, documentos fornecidos pela própria instituição de ensino superior. O contrato tem duração de dois anos, com direito a bolsa estágio.

O Mais Futuro é um programa de assistência estudantil, criado pelo Governo do Estado, para garantir a permanência dos estudantes que se encontram em condições de vulnerabilidade socioeconômica. São ofertados estágios e auxílio financeiro. Estando dentro do perfil do programa, o estudante poderá receber o auxílio desde o primeiro semestre até completar dois terços do curso.

No terço final da graduação, os beneficiários terão a opção e prioridade para ingressar em vagas de estágio de nível superior ofertadas por órgãos e secretarias do Governo do Estado. Os estudantes que já estão na fase final do curso e atendem aos critérios do Mais Futuro também podem ingressar no programa, tendo acesso a oportunidades de estágio.

Esta é a sétima convocação para ingresso em estágio realizada em 2021, totalizando 1.229 universitários beneficiados somente este ano. Ao todo, a iniciativa do governo estadual já possibilitou a experiência a 6.535 estudantes. Dúvidas devem ser encaminhadas para o e-mail [email protected]

Empresários são presos por suspeita de desvio de mais de R$ 21 milhões e mandados foram cumpridos em Jequié

/ Polícia

Agentes do MP e PRF fazem busca em imóveis. Foto: Divulgação/PRF

Uma operação conjunta do Ministério Público da Bahia (MP-BA) com as Polícias Civil e Rodoviária Federal prendeu cinco empresários e um agente público por suspeita de desvio de R$ 21,5 milhões dos cofres públicos da cidade de Encruzilhada, no sudoeste da Bahia, na manhã desta sexta-feira (19).

Ao todo, foram cumpridos 11 mandados de busca, cinco de prisão e um de afastamento do exercício das funções públicas em endereços nos municípios baianos de Jequié, Anagé, Encruzilhada, Ilhéus, Mirante, Ribeirão do Largo e Vitória da Conquista.

Batizada de ”Operação Basura”, a ação apura uma denúncia de desvios de recursos públicos em Encruzilhada, por meio de licitação e execução superfaturada de contrato de serviços de resíduos sólidos.

Nas investigações, o MP-BA aponta que uma pequena empresa captou R$ 21,5 milhões de maneira ilegal para suposta prestação de serviços.

O órgão descobriu que a prática ocorria há pelo menos sete anos, com o aluguel de máquinas e execução de obras de engenharia civil, com a prestação de mão-de-obra, a diversas cidades da região.

A Vara Única da Comarca de Encruzilhada pediu a prisão temporária e afastamento do agente público. O nome do suspeito e o cargo ou função não foram divulgados pelo órgão.

Além disso, a Justiça também autorizou as buscas e apreensões nos endereços residenciais e funcionais dos empresários envolvidos.

Presidente da Petrobras vai ao Senado falar de alta dos combustíveis; Guedes também foi convidado

/ Economia

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) fará na terça-feira (23), a partir das 9h, uma audiência pública com o presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna, para discutir os sucessivos aumentos nos combustíveis que têm marcado a política de preços da empresa neste ano.

Os ministros da Economia, Paulo Guedes, e das Minas e Energia, Bento Albuquerque, também estão sendo chamados para a audiência. A iniciativa para a realização da reunião partiu do próprio presidente da CAE, Otto Alencar (PSD-BA).

“Em 2021, a Petrobras aumentou os preços da gasolina 11 vezes, e 9 vezes os preços do diesel. No ano a gasolina subiu 74%, e o diesel, 64,7%. É primordial a avaliação desta política de preços que vem sendo praticada no segmento de combustíveis”, argumenta Otto no requerimento de marcação da audiência.

Polícia Federal pede ao STF abertura de investigação sobre pagamento de emendas a deputados e senadores

/ Brasília

A Polícia Federal solicitou ao STF (Supremo Tribunal Federal) a instauração de um inquérito para apurar se houve irregularidades no pagamento de emendas de relator a deputados e senadores.

A corporação afirmou à corte que considera necessário investigar se houve uso ilícito de dinheiro público no pagamento dessas verbas para compra de tratores e máquinas agrícolas.

A intenção da PF é identificar os autores das emendas e a forma como as verbas relacionadas a elas foram executadas.

O Supremo já apontou que falta transparência no pagamento dessas emendas e mandou suspendê-las. Inicialmente, a suspensão foi determinada pela ministra Rosa Weber e, depois, a decisão foi ratificada pelo plenário por 8 votos a 2.

No mesmo julgamento, o tribunal também mandou o Congresso dar ampla publicidade ao pagamento das emendas desta natureza relativas aos anos de 2020 e 2021.

A maioria do Supremo concordou com o voto da ministra. A magistrada afirmou que esses recursos controlados pelo relator-geral da lei orçamentária criam ”um grupo privilegiado de parlamentares que poderá destinar volume maior de recursos a suas bases eleitorais”.

A ministra disse ainda que falta transparência na destinação dessas emendas.

”Não há como saber quem são, de fato, os deputados federais e senadores da componentes desse grupo incógnito, pois a programação orçamentária utilizada por esse fim identifica apenas a figura do relator-geral”, disse.

Essas emendas são usadas pelo governo em parceria com a cúpula do Congresso para beneficiar parlamentares aliados e construir maiorias em votações de interesse do Executivo.

Às vésperas da votação em primeiro turno da PEC (proposta de emenda à Constituição) dos precatórios, também chamada de PEC do Calote, por exemplo, o governo empenhou quase R$ 1 bilhão em emendas de relator. O empenho é a primeira fase do processo para o dinheiro chegar nas bases eleitorais.

Essa proposta permite a expansão de gastos públicos e viabiliza a ampliação do Auxílio Brasil prometido pelo presidente Jair Bolsonaro em ano eleitoral.

Matheus Teixeira, Folhapress

Vitória é eliminado pelo Botafogo-PB nos pênaltis e está fora da Copa do Nordeste 2022

/ Esporte

O sonho do pentacampeonato não terá como se concretizar em 2022. Dono de quatro títulos, o Vitória está fora da Copa do Nordeste do ano que vem. Na noite desta quinta-feira (18), o Leão perdeu para o Botafogo-PB nos pênaltis e deixou escapar a vaga no torneio regional.

Ao invés de um jogador rubro-negro se consagrar no Barradão, um reserva do Botafogo-PB roubou a cena nos capítulos finais do embate. No banco até os acréscimos, o goleiro Paulo Gianezini colocou as luvas no finalzinho do tempo regulamentar, quando o placar de 2×2 encaminhou a decisão para os pênaltis. Ele defendeu a cobrança de Renan Luís e ainda converteu o da classificação.

Como o jogo de ida tinha terminado empatado em 1×1, em João Pessoa, o novo empate levou a disputa da vaga para as penalidades. Nessa ordem, converteram Raul Prata, Manoel, Thalisson Kelven, David e Wallace pelo Vitória. Pelo Botafogo-PB, Sávio, Esquerdinha, Cleyton, Tsunami e Welton Felipe marcaram. Na cobrança alternada, Renan Luís bateu e Paulo Gianezini defendeu. Na sequência, o próprio goleiro do Belo cobrou, fez 6×5 e garantiu a classificação da equipe paraibana. *Correio

Bahia perde para o Sport e entra de vez na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro

/ Esporte

O Bahia está agora na 17ª colocação. Foto: Reprodução/Estadão

A situação do Bahia no Campeonato Brasileiro ficou ainda mais delicada na noite desta quinta-feira (18). Derrotado por 1×0 no clássico contra o Sport, na Arena Pernambuco, o tricolor entrou de vez na zona de rebaixamento.

O Esquadrão precisava vencer para não ficar entre os quatro últimos, mas fez um jogo muito ruim tecnicamente, vacilou na marcação e viu Paulinho Moccelin anotar o único gol do duelo.

Estacionado nos 36 pontos, o Bahia está agora na 17ª colocação, a três pontos do Atlético-GO, primeiro time fora da zona. O tricolor tem um jogo a menos no Brasileirão. Já o Sport conseguiu respirar e com 33 pontos mantém viva a chance de escapar da degola.

Pré-candidato, Moro diz que não houve ”cruzada pessoal” contra Lula e defende Lava Jato

/ Política

Sérgio Moro se filiou recentemente ao Podemos

O ex-ministro da Justiça e pré-candidato à Presidência da República em 2022, Sérgio Moro, disse nesta quinta-feira (18), que não guarda rancor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e que não houve uma ”cruzada pessoal” contra Lula durante a Operação Lava Jato.

Em entrevista ao site O Antagonista, o ex-juiz defendeu o papel da Lava Jato no combate à corrupção, sua principal agenda de campanha. ”A gente tem que restabelecer a verdade”, disse Moro. ”O que houve foram investigações que revelaram que a Petrobras foi saqueada. Ou vamos dizer aqui que a Petrobras não foi roubada como nunca antes na história desse país?”

Em junho, o Supremo Tribunal Federal (STF) manteve a decisão que declarou Moro parcial ao julgar Lula no caso do triplex. Os efeitos da suspeição foram estendidos a dois processos que atingiam o petista na Lava Jato.

Moro também fez críticas ao governo do presidente Jair Bolsonaro. Para ele, a gestão é uma ”nau sem rumo” e o Brasil ”não tem projeto, nem liderança. Talvez o governo tenha um projeto para reeleição apenas”. O fim da reeleição no Brasil é uma das pautas defendidas pelo ex-juiz ao longo da entrevista.

”Nós estamos em um contexto em que nossas instituições são fortes, mas vimos como elas podem ser ameaçadas por autoritarismos”, disse Moro. ”Nós estamos na América Latina. Nós temos ainda riscos de populistas e caudilhos.”

O ex-ministro, que apontou o nome de Affonso Celso Pastore como conselheiro econômico em entrevista ao programa Conversa com Bial, da TV Globo, disse que mantém uma equipe com quem se reúne semanalmente – e, em alguns casos, diariamente – mas ainda preferiu não revelá-los.

*Estadão

Prefeitura de Jequié amplia vacinação contra Covid para população acima de 18 anos

/ Jequié

A Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Saúde, atendendo a uma Nota Técnica do Ministério da Saúde, encaminhada aos governos estaduais e municipais, ampliará, a partir desta sexta-feira, 19, a vacinação da dose de reforço contra a Covid-19 para a população de 18 anos ou mais. Inicialmente, a dose de reforço estava sendo aplicada a adultos acima de 60 anos que haviam tomado a última vacina há seis meses.

As pessoas acima de 18 anos, portanto dentro do perfil de atendimento, devem ficar atentas, pois o intervalo para a aplicação da dose de reforço caiu de seis para cinco meses. E haverá a necessidade de segunda dose para quem tomou a vacina da Janssen, que era de dose única. O tempo de intervalo entre a primeira e segunda dose para quem foi vacinado com a Janssen será de dois meses.

A população-alvo na Bahia para a dose de reforço é de 9.053.744 pessoas, que deverão ser vacinados de forma escalonada com base no intervalo de 5 meses após a segunda dose. Atualmente, idosos acima de 60 anos, trabalhadores da saúde e pessoas com imunossupressão já vinham sendo contemplados com essa dose. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, por fim, embora o cenário epidemiológico da doença esteja equilibrado, demonstrando melhora nos índices de casos e óbitos por Covid-19 no município, é fundamental que toda a população elegível para receber o imunizante complete os esquemas vacinais, garantindo cobertura adequada da segunda dose e, aqueles que estiverem dentro do perfil para a dose de reforço, procurem os postos de vacinação.