Saúde: Governo do Estado entrega ambulância para atender a Santa Casa de Jequié

/ Saúde

Ambulância foi entregue pelo vice João Leão. Foto: Divulgação

O vice-governador do Estado João Leão entregou na manhã de sexta-feira (11/10), em Vitória da Conquista, uma ambulância para atender a Santa Casa de Jequié. O veículo, recebido pelo coordenador da unidade, Alexandre Iossef, foi indicado pelo deputado federal Antonio Brito, que tem apoiado o setor filantrópico.

A Santa Casa de Jequié é uma referência regional, com prestação de assistência 100 por cento SUS para a população local e de 26 municípios vizinhos. Dispõe de um Hospital de referência em obstetrícia humanizada, dotado de 74 leitos de internamento, Centro de Parto Normal (CPN), 14 leitos na UTI Neonatal e um Núcleo de Câncer da Mulher.

A unidade disponibiliza, ainda, um moderno Centro de Reabilitação, que presta assistência multidisciplinar a pacientes com deficiências e idosos.

Educação: Materiais online podem ajudar estudante a se preparar para o Enem

/ Educação

Videoaulas, podcasts e resumos online são alguns dos recursos digitais que podem ajudar os estudantes a revisarem o conteúdo na reta final para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), de acordo com especialistas entrevistados pela Agência Brasil. É preciso, no entanto, tomar alguns cuidados para se certificar de que as plataformas são confiáveis.

”Ferramentas online são recursos poderosos para o estudante de hoje”, disse a educadora Andrea Ramal, autora do livro Redação Excelente! Para Enem e Vestibulares.

”Elas permitem que o estudante veja a mesma matéria que estuda na sala de aula e nos livros explicada por outra pessoa. É um recurso interessante porque às vezes o estudante não tem afinidade com a maneira do professor explicar na sala de aula e, na internet, tem acesso a outros professores, a blogueiros, a youtubers falando desses conteúdos”, explicou.

As opções são muitas, gratuitas e pagas, os conteúdos podem ser em formato de vídeo, de áudio, ou mesmo textos. “E isso acaba sendo suporte, como se fosse uma aula de reforço, de revisão”, afirmou o coordenador do Curso Poliedro, Márcio de Castro Junior Guedes. ”Há a possibilidade de salvar, de voltar [no caso de vídeos e áudios], de pausar, de acelerar e de, depois, retomar os conteúdos expostos”, complementou o coordenador pedagógico do Colégio Mopi, Luiz Rafael Silva da Silva.

Como aproveitar melhor Com tantas opções, Silva ressalta que é preciso planejar os estudos. ”Não é sair abrindo vídeo. É importante que se tenha planejamento, têm que ser conteúdos que complementem o que se planejou estudar a cada dia. Cada vez mais se observa que quem vai melhor no Enem é que consegue se organizar e ter uma rotina de estudos”, detalhou.

Segundo Guedes, outra estratégia é, além de assistir e ouvir as aulas, fazer exercícios para verificar se, de fato, o conteúdo foi apreendido, e não deixar os livros de lado. ”Quando assistimos uma aula e entendemos, temos a falsa impressão que aprendemos. Aprender envolve estudo, entrar em contato com livros, com exercícios. Aprendemos quando temos dúvidas. Isso é fundamental. O aluno aprende em função de erros, erra e aprende”, sustentou.

A internet também pode ajudar o estudante a fazer os próprios simulados. A cerca de três semanas para o Enem, Andrea recomenda que os estudantes recorram a provas antigas do exame e que finjam que, de fato, estão fazendo o Enem. ”Lidar como se fosse um simulado, resolvendo as questões em 4h30 ininterruptas, ter lanchinho e água do lado, como se fosse o dia da prova”, ensinou.

No site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) estão disponíveis todas as provas aplicadas nos anos anteriores. Na página, há também os gabaritos. Assim, os estudantes podem corrigir as próprias avaliações e conferir o que erraram.

Cuidados – Os especialistas recomendam ainda que os estudantes tomem cuidado com tudo que acessam e que chequem se os conteúdos são realmente confiáveis para que não tenham os estudos prejudicados. ”Como qualquer um pode gravar e postar, a credibilidade fica muito frágil”, disse Silva. ”Muitas vezes encontramos vídeos com conceitos errados. É importante buscar indicações com os professores [da escola ou cursinho]”.

Outra dica, de acordo com Guedes, caso o estudante esteja se preparando para o Enem exclusivamente com materiais digitais, é fazer pesquisas sobre os professores que estão ministrando as aulas online, buscar os currículos desses docentes e os trabalhos que já realizaram. Plataformas pagas ou mesmo gratuitas grandes tendem, segundo ele, a serem mais confiáveis.

”[Plataformas grandes] têm muito mais visualizações, recebem também mais críticas. Se o conteúdo está falho ou incompleto, tende a ser corrigido. O conteúdo e os exercícios tendem a estar mais atualizados”, disse.

Conteúdos gratuitos – Algumas recomendações gratuitas são o Youtube Edu, plataforma criada em parceria pela Fundação Lemann e o Google, que reúne conteúdos educacionais em português, e a Hora do Enem, da TV Escola.

No portal Questões Enem da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), os estudantes têm acesso a um atualizado banco de dados que reúne provas de 2009 a 2018. O site permite a resolução das questões online, com o recebimento do gabarito de forma instantânea.

Pelo perfil EBC na Rede, é possível acompanhar a série Caiu no Enem. Os vídeos com explicações de professores convidados a resolver questões estão disponíveis no Youtube.

Enem – O Enem 2019 será realizado nos dias 3 e 10 de novembro, em 1.727 municípios brasileiros. Cerca de 5,1 milhões de pessoas farão o exame.

Quem já concluiu o ensino médio ou vai concluir este ano pode usar as notas do Enem para se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferece vagas em instituições públicas de ensino superior.

Os estudantes podem ainda concorrer a bolsas de estudo pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e podendo ser beneficiados pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Madre de Deus foi destaque em quadro do programa Caldeirão do Huck deste sábado

/ Bahia

Hulck visitou a Bahia. Foto: Divulgação/Prefeitura de Madre de Deus

Neste sábado (12), dia das crianças, a cidade de Madre de Deus, que fica na região metropolitana de Salvador, foi destaque em um quadro do programa Caldeirão do Huck, comandando pelo apresentador Luciano Huck, na Rede Globo.

Madre de Deus é a primeira cidade do Brasil que toda a rede municipal de ensino funciona em tempo integral. Os alunos entram na escola às 7h30 e saem às 16h30, após serem servidas três refeições diárias.

O quadro Árvore dos Desejos tem o objetivo de incentivar as crianças a pensarem em um mundo melhor e assim ajudar o próximo. Elas são incentivadas a escreverem pedidos de desejos para outras pessoas. Os desejos considerados pela produção do programa como mais interessantes e sinceros se tornam realidade. Nesta temporada do quadro somente uma cidade de cada região brasileira está sendo contemplada.

É a segunda vez no segundo semestre deste ano que Madre de Deus é destaque num programa exibido em rede nacional pela Rede Globo. Uma reportagem do Bom Dia Brasil realizada pela jornalista Carol Barcellos e exibida no dia 14 de agosto teve como foco o programa de esportes municipal voltado para os jovens realizado pela Prefeitura numa interface com a educação. Na rede municipal de ensino de Madre de Deus a prática de uma modalidade esportiva é disciplina obrigatória.

Governador Rui Costa embarca para Itália e participa de canonização de Irmã Dulce no domingo

/ Política

Rui embarcou na sexta-feira (11) à noite. Foto: Camila Souza

O governador Rui Costa (PT) embarcou na noite de sexta-feira (11) para a cerimônia de canonização de Irmã Dulce, que acontecerá na manhã de domingo (13), no Vaticano.

O petista havia adiado a viagem pela paralisação de um grupo de policiais da Aspra, comandado pelo deputado estadual Marco Prisco (PSC).

Já na segunda-feira (14), o vice-governador João Leão (PP) tem sua primeira agenda como governador em atividade. Ele vai entregar ambulâncias no Centro Administrativo da Bahia.

Óleo em praias: Governo da Bahia prepara decreto de emergência, segundo João Leão

/ Política

Decreto será assinado pelo vice-governador. Foto: Divulgação

Um Decreto Estadual de Emergência será assinado na próxima segunda-feira (14) pelo Governo da Bahia para liberação de recursos para os municípios atingidos por manchas de óleo no litoral. A informação foi dada neste sábado (12) pelo governador da Bahia em exercício, João Leão, durante a primeira reunião do Comando Unificado de Incidentes, na sede do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), em Salvador.

O Comando esclarece para a sociedade que a suspeita da mancha de óleo de 21km quadrados, que estaria a 100km da costa de Alagoas, não foi confirmada, a partir do monitoramento aéreo realizado no sobrevoo pelas equipes do Petrobras, tão pouco pelas imagens de satélites do Ibama.
Ficou definido pelo Comando, que o Ibama e Instituto do Meio Ambiente E Recursos Hídricos (Inema), irão elaborar um documento de orientação de limpeza de praia, que será disponibilizado para as prefeituras afetadas, incluindo informações importantes para destinação correta dos resíduos coletados.
Até o momento a limpeza das praias vem sendo realizadas pelas prefeituras dos municípios afetados e pelas equipes do Centro de Defesa Ambiental (CDA), da Petrobras.

O Comando Unificado do Incidente é composto pelos representantes do Ibama, Inema, Secretaria do Meio Ambiente do Estado (Sema), Marinha do Brasil, UFBA, os Ministérios Públicos Federal e Estadual, Defesa Civil, coordenadores dos planos de área da Baía de Todos os Santos e da Baía de Aratu, além dos representações das prefeituras dos municípios afetados.

PSL vai procurar Bolsonaro para tentar reverter risco de saída do presidente da legenda partidária

/ Política

Bolsonaro pediu para esquecer o PSL. Foto: Marcos Corrêa

O PSL tenta acertar uma reunião de lideranças do partido com o presidente Jair Bolsonaro para tentar debelar a crise que pode resultar na saída do presidente. O senador Major Olímpio (PSL-SP) disse que algumas lideranças vão se reunir no início desta semana com Bolsonaro para pedir uma definição sobre seu futuro no partido. O senador participou da celebração da missa solene da padroeira no Santuário Nacional de Aparecida, na manhã deste sábado – o presidente participaria de outra missa às 16 horas. Segundo ele, depois que a crise se tornou pública, ele e o presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, não conversaram a respeito com o presidente. ”Não tivemos oportunidade de conversar. Possivelmente conversamos no início da semana, a partir de segunda-feira. Talvez a gente converse em São Paulo. Espero que avance positivamente”.

Olímpio voltou a criticar a interferência dos filhos do presidente nas questões do partido. ”Temos no presidente Bolsonaro nosso ícone único, nosso líder maior no partido. Os demais têm que se alinhar com as situações. Com o Eduardo e o Flavio eu não quero papo. Sou aliado do pai. Os filhos têm que ser mais cordatos, mais responsáveis, e ele não pode confundir a questão de filhos com a questão de filiados”.

Ao mesmo tempo em que defende a permanência de Bolsonaro no PSL, afirmando que o presidente tem 100% de aprovação dentro do partido, o líder no Senado mantém as críticas contra dois dos filhos do presidente. ”Os filhos (Eduardo e Flavio) são filiados e têm que se portar como filiados, não querer ser distinguidos da forma como estão querendo, acabam atrapalhando o pai, atrapalhando o partido. Não pode esse sentimento de ser príncipe, isso não existe aqui. Não reconheço a monarquia no Brasil”.

O senador disse esperar que o presidente não deixe o PSL. ”Estamos 24 horas por dia tentando debelar essa crise. O partido cresceu em função do Jair Bolsonaro, mas ele se tornou presidente em função do PSL. Foi o único partido que se escancarou para ter a garantia do Bolsonaro ser candidato. Nesse momento, o PSL e Bolsonaro se completam. Tem partido com três ministros no governo que vota quando é conveniente, quando não é não vota e ainda faz manifestações contrárias”.

Major Olímpio não considera que eventual saída de Bolsonaro seria uma traição ao PSL. ”Ele é presidente da República e, se entender por sair, não há traição de lado nenhum. Em relação a alguns parlamentares que engendraram para tentar destituir a executiva nacional, eu vejo como traição. Acredito em medidas que serão tomadas em relação aos que conspiraram. Não cito nomes porque os nomes de mais de 20 estão numa carta lá assinada por eles. Não é questão de expulsão, tem que ver o que o estatuto diz”.

Sobre a afirmação do presidente de que pediria uma auditoria no PSL, o senador disse que ele foi mal informado a respeito. ”Eu tenho certeza de que as informações levadas ao presidente são inconsistentes. Até se falar em prestação de contas, fundo partidário é recurso público, é auditado.

Plantaram na cabeça do presidente fatos inexistentes, mas defendo a auditoria plenamente. São Paulo não pode receber repasses porque tem uma pena do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) que impede de repassar recursos até novembro. Têm babacas que não conhecem nem o que é administração de partido. Se o presidente está cobrando isso, acredito que ele recebeu informações distorcidas, maledicentes”.

Quadrilha explode cofre central de agência de banco Bradesco na cidade de Chorrochó

/ Bahia

Uma quadrilha explodiu o cofre central de uma agência do Bradesco em Chorrochó nesta sexta-feira (11/10). Por volta das 22h, em ação que teria durado 20 minutos, os assaltantes obrigaram pessoas que estavam na rua a formarem uma corrente humana enquanto praticavam a ação criminosa.

De acordo com o blog Chorrochó Online, muitos tiros e uma forte explosão durante a ação, deixaram alguns locais sem energia. A explosão destruiu parte da estrutura do banco. A quadrilha fugiu em um veículo com alguns reféns, que logo em seguida foram libertados.

Tribunal de Contas dos Municípios determina auditoria em prefeitura de Piritiba, por superfaturamento

/ Bahia

O Tribunal de Contas do Município (TCM) publicou no Diário Oficial do início do mês de outubro um ato que designou servidores para realização de inspeção na sede da prefeitura de Piritiba.

O processo pede a representação com medida cautelar contra o gestor do município, Samuel Oliveira Santana, por supostas irregularidades em licitação de contratos com verbas da saúde, educação e cultura. Em todos os contratos citados no processo, teriam sido identificados, por meio de notas fiscais, superfaturamento nas compras realizadas pelas secretarias do município.

O prefeito de Piritiba, Samuel Santana Oliveira, ainda responderia por outros processos no próprio órgão, onde além de superfaturamentos nos contratos, seria investigado por nepotismo, acúmulo ilegal de cargo público e contratação irregular na prestação de serviços terceirizados. A prefeitura de Piritiba foi procurada, mas não retornou o contato.