Soldado Prisco diz que ACM pode apoiar Bolsonaro: ”Existe uma aliança não declarada entre os dois”

/ Política

Presente no ato que reuniu grupos bolsonaristas no Jardim de Alah, na manhã deste domingo (1º) (veja aqui), o deputado estadual Soldado Prisco revelou que apesar de apoiar a reeleição de Jair Bolsonaro à presidência, não votar em João Roma, candidato do chefe do Executivo nacional na Bahia, e sim seguir apoiando ACM Neto na disputa pelo Palácio de Ondina.

”Eu caminho com ACM Neto porque acho que ele tem musculatura para derrotar o PT. Não tenho nada contra João Roma, acho legitima a candidatura dele, mas já estou com ACM Neto há mais de 12 anos”, justificou o parlamentar.

Sobre o voto “Bolsoneto”, Prisco afirmou que se trata de uma ação coerente, já que, segundo ele, os dois teriam um acordo para o próximo pleito. ”ACM Neto não rompeu com Bolsonaro, existe uma aliança entre eles dois não declarada no primeiro turno, que vai ser confirmada, se houver segundo turno. Não há nenhuma fala de Neto contra Bolsonaro no momento, ninguém vai ver isso. O importante na Bahia é derrubar o PT”, ressalta Prisco.

Na contramão da declaração do militar, já se fala em um apoio de Neto ao candidato do PT ao Palácio do Planalto, Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo o jornal O Globo, apesar da resistência do ex-prefeito em nacionalizar seu palanque na Bahia, existe a possibilidade do diálogo (saiba mais aqui). Com informações do site Bahia Notícias

Os comentários estão fechados.