Secretário do PP diz que candidatura de Leão passará por conversas com Rui e nega articulação com Neto

/ Política

PP quer uma das vagas da chapa para Leão. Foto: Facebook

O secretário-geral do PP na Bahia, Jabes Ribeiro, afirmou nesta segunda-feira (24) que uma possível candidatura do vice-governador João Leão (PP) ao Palácio de Ondina passará por conversas com a base aliada do governador Rui Costa (PT). Segundo ele, o pepista tem todas as condições de ser o nome governista na disputa contra o ex-prefeito de Salvador ACM Neto (DEM).

”Leão só pode ser candidato ao governo ou ao Senado. Só tem duas vagas na chapa”, afirmou Jabes, em entrevista ao Grupo Lomes de Comunicação. Como já foi reeleito como vice-governador, Leão não poderá concorrer a este posto. ”Ele, pela história que tem na política, tem todas as condições de ser nosso candidato (a governador), mas somos de grupo. Todas as conversas passarão pelo governador, por Jaques Wagner (senador e pré-candidato a governador) e por Otto Alencar (senador e pré-candidato a reeleição)”.

Jabes ainda negou que Leão tenha tido conversas oficiais para deixar a base aliada. ”Não, não procede. Hoje a política se faz de outra forma. Leão e Cacá Leão têm ótima relação com ACM Neto, mas nós somos de grupo e nossas conversas são com o grupo do governo, com a base. Fora isso, nenhuma conversa oficial de Leão com ninguém. Isso eu posso garantir”, ressaltou.

Os comentários estão fechados.