Rui vistoria obras em Vitória da Conquista e faz visita guiada ao novo aeroporto Glauber Rocha

/ Bahia

Rui destaca atuação para conclusão da obra. Foto: Manu Dias

O governador Rui Costa esteve em Vitória da Conquista, no sudoeste do estado, nesta quinta-feira (18), quando vistoriou três obras em execução pelo Governo do Estado. A primeira visita foi às obras da Comunidade de Atendimento Socioeducativo (Case) e, em seguida, à Policlínica Regional de Saúde, que está com a construção nos últimos ajustes.

A agenda desta manhã foi finalizada com a vistoria das obras do Aeroporto Glauber Rocha, que será inaugurado na próxima terça-feira (23). Na ocasião, o governador realizou uma visita guiada ao equipamento com diversos veículos de imprensa. Os voos começam a operar no equipamento a partir de 25 de julho. ”O Governo do Estado tem um total de R$ 455 milhões de investimentos em obras no município de Vitória da Conquista, que ainda estão em andamento.Hoje, visitei três delas, que farão a diferença no desenvolvimento da cidade e de toda a região. O aeroporto, por exemplo, demanda antiga da população, será entregue com uma estrutura moderna e capacidade para operar voos que antes não era possível”, explicou o governador.

As obras do novo aeroporto foram executadas pelo Governo do Estado. Os recursos para a construção do equipamento foram liberados ainda na gestão da ex-presidente Dilma Roussef e tem contrapartida do Governo da Bahia. O valor investido pela gestão estadual no aeroporto Glauber Rocha supera R$ 31 milhões.

”O primeiro convênio que deu início a essa obra, ainda com o contrato para a construção da pista, foi realizado pelo senador Jaques Wagner, então governador da Bahia, em 2012. Quando assumi a gestão, em 2015, voltei à presidente Dilma Roussef para continuar as obras e garantir a expansão do contrato da pista, para a construção desse novo equipamento. O último pagamento desse convênio foi pago no governo de Michel Temer, em novembro de 2018. Nesses últimos seis meses, foi finalizada toda a parte burocrática, incluindo também os testes de voos, necessários que o aeroporto obtivesse autorização para operar voos comerciais”, explicou o governador Rui Costa.

De acordo com o secretário estadual de Infraestrutura (Seinfra), Marcus Cavalcanti, o novo aeroporto poderá receber o dobro de passageiros. ”Atualmente, o aeroporto da cidade opera com aproximadamente 300 mil passageiros, por ano. O novo equipamento terá capacidade para mais que o dobro, com possibilidade de expansão. A pista terá mais de dois mil metros e o aeroporto terá condições de receber as maiores aeronaves que operam no tráfego nacional. Sem dúvida, é um equipamento muito importante para a cidade e região”, afirmou.

Os comentários estão fechados.