PRF flagra 300 ultrapassagens em locais proibidos e intensifica fiscalização no trecho de Jaguaquara e Jequié

/ Trânsito

PRF intensifica fiscalização na BR-116. Foto do Blog Marcos Frahm

Policiais rodoviários federais realizaram intensa fiscalização de ultrapassagem nas rodovias federais sob circunscrição da Delegacia de Jequié, entre os dias 27 e 29 de setembro/2021, inclusive a BR-116, no trecho entre Jaguaquara e Jequié, onde localiza-se a Serra do Mutum. Nesse período de três dias de fiscalizações foram flagrados 300 motoristas ultrapassando em local proibido.

Segundo a PRF, esse tipo de ultrapassagem é responsável pela maioria dos acidentes do tipo colisão frontal, onde o motorista não consegue efetuar em tempo a manobra de ultrapassagem ou força a ultrapassagem, colidindo frontalmente com o veículo que está trafegando no sentido contrário. A colisão frontal é o tipo de acidente que mais fere gravemente e mata pessoas em rodovias do país inteiro, além de ocasionar perdas irreversíveis.

A infração de ultrapassar em faixa amarela contínua é infração gravíssima, com multa de R$ 1.467,35 e rende 7 pontos na carteira. Em caso de reincidência em 12 meses, a multa é dobrada.

A Operação Christophorus III empregou um efetivo de 40 policiais rodoviários federais, distribuídos em 33 equipes de trabalho, que totalizaram 113 horas de trabalho.

Respeitar os limites de velocidade, manter distância de segurança em relação aos outros veículos, ultrapassar apenas quando houver plenas condições de segurança e não desviar a atenção do trânsito são algumas das principais orientações da PRF para reduzir o risco de acidentes.

Os comentários estão fechados.