Pelo Twitter, Joaquim Barbosa diz que não será candidato à presidência da República

/ Política

Barbosa decide não ser candidato. Foto: Gil Ferreira/Agência CNJ

Por meio de sua conta pessoal no Twitter, o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, afirmou que não será candidato à Presidência da República. ”Está decidido. Após várias semanas de muita reflexão, finalmente cheguei a uma conclusão. Não pretendo ser candidato à Presidência da República. Decisão estritamente pessoal”, informou o ministro.Em abril, após uma série de idas e vindas em torno da decisão de entrar para a política, Barbosa anunciou sua filiação ao PSB. Primeiro negro a ocupar uma cadeira na mais alta corte da Justiça, ele foi relator do mensalão, que condenou 24 réus, entre eles o ex-ministro da Casa Civil de Lula, José Dirceu. No meio político há quem diga que ele foi o ”primeiro Moro”, em referência ao juiz Sérgio Moro, que ganhou notoriedade durante a operação Lava-Jato.

Os comentários estão fechados.