No aniversário da cidade, Cocá afaga a ex-prefeito e diz que Jaguaquara ”continua em boas mãos”

/ Política

Zé Cocá elogia Edione e faz afago a Martinelli. Foto: Rede social

Ao discursar nesta quarta-feira (18) em avento alusivo ao aniversário de 101 anos de emancipação político – administrativa de Jaguaquara, o prefeito de Jequié e presidente da União dos Municípios da Bahia, Zé Cocá (PP), decidiu fazer afago ao seu ex-aliado político, ex-prefeito Giuliano Martinelli (PP), com quem rompeu as relações desde 2021, quando Martinelli resolveu declarar ruptura por não ter em Zé o apoio que almejava depois de deixar o comando da Prefeitura para concretizar a ideia de ser candidato a deputado estadual, projeto que naufragou.

Durante seu discurso na visita ao Município, Cocá fez efusivos elogios a prefeita Edine Agostinone (PP), tendo afirmado que a mandatária estaria dando continuidade ao trabalho desenvolvido anteriormente por Martinelli: ”Parabéns, Jaguaquara, graças a Deus, por continuar em boas mãos. Ele não está nesse momento, mas o coração dele está aqui, que é o ex-prefeito Giuliano, que começou esse trabalho e, você, Edione, está dando sequência. Tenho orgulho de chegar nessa cidade e dizer, valeu a pena votar”, afirmou Cocá, que estava ladeado pelo ex-secretário de Governo da Prefeitura de Jequié, Hassan Iosseff (PP), o seu preferido para disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa da Bahia.

O grupo elogiado por Cocá detém o poder há quase 20 anos, com poucas mudanças na equipe de uma gestão para outra e venceu as eleições municipais de 2020 por apenas 58 votos de diferença para o time derrotado, liderado à época por Raimundo Louzado (PSD) e Ademir Moreira (UB), ex-vice-prefeito e ex-prefeito do Município.

Os comentários estão fechados.