Mais de 11,7 milhões de doses de vacinas contra Covid perdem validade até julho, diz TCU

/ Saúde

O Ministério de Saúde tem, em estoque, mais de 28 milhões de doses de vacinas contra a Covid que perdem a validade até agosto deste ano. Dessas, 11,7 milhões vencem até julho. O dado é resultado de uma inspeção feita pelo Tribunal de Contas da União (TCU).

O número de imunizantes próximos de expirar são da Pfizer e pela Astrazeneca e, segundo o tribunal, custou R$ 1,21 bilhão aos cofres públicos. A informação foi revelada pelo jornal ”Folha de S.Paulo” e obtida pela TV Globo.

Em momentos anteriores da pandemia, quando a população brasileira ainda não tinha atingido a cobertura vacinal mínima, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) chegou a prorrogar a validade dos lotes de vacinas estocadas.

Em nota nesta quinta-feira (16), a Anvisa informou que ”não possui, no momento, nenhum pedido de prorrogação do prazo de validade para esses lotes. Todas as prorrogações de prazo avaliadas pela Anvisa foram comunicadas por meio dos canais de comunicação da agência.”

Os comentários estão fechados.