Ilhéus: Para se defender de suposta agressão, policial civil atinge policial militar com tiro

/ Polícia

Um investigador da Polícia Civil baleou um policial militar, na madrugada deste sábado (9), no município de Ilhéus. De acordo com informações do Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sindipoc-BA), o disparo ”acidental” foi uma forma de defesa contra um ataque sofrido por Joseval Cupertino. Cerca de 10 oficiais da Polícia Militar embriagados teriam agredido o investigador com socos e pontapés em uma casa noturna, na qual ele estava acompanhado pela esposa e filhos. O motivo da agressão, declarada em depoimento, é desconhecido. O PM foi socorrido para o Hospital de Ilhéus, onde deve passar por procedimento cirúrgico. Já o policial civil foi conduzido à 1ª DP, onde registrou Boletim de Ocorrência e realizou exame de corpo e delito. Foi instaurado inquérito para apurar os fatos. As informações são do Bahia Notícias

Deixar uma Resposta