Duas garis de cidade baiana encontram bolsa perdida com mil reais e devolvem ao dono

/ Bahia

Eliana dos Santos, Iranildes e Petrônio. Foto: Uoston Pereira

Eram 5h30 na cidade de Santaluz, no Noroeste da Bahia, quando as garis Eliana dos Santos de Jesus, 35 anos, e Iranildes Ferreira Lopes, 41, encontraram uma bolsa perdida em cima de um banco. Quando a abriram, a surpresa: havia R$ 1.070 dentro dela.

”Fiquei muito surpresa e nervosa na hora. Mas, assim que vi o dinheiro, pensei no que minha mãe me ensinou: ‘Se não é da gente, temos que dar para o verdadeiro dono’. Então, liguei pra minha chefe, e guardamos o dinheiro até o verdadeiro dono aparecer”, relata Eliana.

E o dono apareceu. Era o lavrador Petrônio Brito Dias, 36, morador de um povoado da cidade. Ele tinha sacado o dinheiro da aposentadoria de sua mãe, que tem 80 anos e sofre com problemas de pressão. Ele tinha pagado algumas contas e retornaria para casa, quando perdeu a bolsa.

”O dinheiro é da minha mãe, que tinha pedido para eu sacar na conta dela. Não recordo exatamente o que aconteceu, mas fiquei desesperado quando cheguei em casa e percebi que tinha perdido”, explicou Petrônio ao site Notícias de Santaluz.

Deixar uma Resposta