DTE apreende ônibus de turismo transportando drogas avaliadas em R$ 2 milhões na BR-116

/ Polícia

Seis pessoas foram presas e autuadas em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, na tarde deste domingo (15), em Feira de Santana, durante uma apreensão de materiais entorpencentes avaliados em aproximadamente R$ 2 milhões. Assista o vídeo ao final da matéria.

O material foi encontrado dentro de um ônibus de turismo, por volta das 14h, na BR-116 Norte, em um posto de combustíveis próximo ao distrito da Matinha, durante operação de equipes da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE- Draco).

Em entrevista ao Acorda Cidade, o delegado Deivid Lopes, titular da DTE de Feira de Santana, informou que já vinha monitorando a droga e investigando a quadrilha.

”A gente já vinha trabalhando a informação, realizando essa investigação ao longo das últimas semanas. Já tínhamos a identificação do ‘modus operandi’ do ônibus, a forma como os ocupantes do veículo agiam, e durante a abordagem a gente conseguiu identificar aproximadamente 35 kg de cocaína, 10 kg de maconha, além de 140 kg de insumos para produção das drogas. Numa análise com relação à possibilidade de produção, se a gente não tivesse apreendido esse material, ele poderia gerar em torno de 200 kg de cocaína”, informou o delegado.

Ele acrescentou que em sacos laminados havia aproximadamente 1 kg de cocaína pura, que seria utilizada para mistura com os demais insumos. Em outros sacos semelhantes aos de armazenar farinha, estavam aproximadamente 20 kg de insumos que deveriam ser misturados com a cocaína pura, a fim de potencializar a droga. E em algumas embalagens a vácuo foi acondicionada um tipo de maconha conhecida como Skank, pouco processada, mais natural.

”Dá para ver o cuidado que o traficante teve com ela, sobretudo pelo preço elevado que tem e pelo seu potencial entorpecente. Portanto, é uma droga mais cara, e não é uma maconha comumente encontrada pelas ruas de Feira de Santana. Também havia tabletes de cocaína embalada e cada tablete continha um símbolo especificando o material e o tipo de fornecedor. Essa informação será trabalhada pela delegacia”, detalhou Deivid Lopes.

O titular da DTE confirmou que a droga vinha de São Paulo para ser descarregada e distribuída em Feira de Santana. Das seis pessoas conduzidas para a delegacia, cinco faziam parte da equipe do ônibus, e um homem, que teria assumido a posse de parte da droga.

”Os seis foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e serão conduzidos para o Conjunto Penal de Feira de Santana. A equipe acredita que, uma vez entregue, o traficante aqui em Feira iria fazer o processo de produção do entorpecente, prepararia para consumo e distribuiria pela cidade”, encerrou. Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade.

Os comentários estão fechados.