Greve: Servidores do MPF em Jequié paralisam atividades por tempo indeterminado

/ Jequié

Faixa anuncia greve na sede do MPF. Foto: Souza Andrade
Faixa anuncia greve na sede do MPF. Foto: Souza Andrade

Os servidores do Ministério Público Federal (MPF) e do Ministério Público do Trabalho (MPT) na Bahia estão com as atividades paralisadas. Em Jequié, os servidores também aderiram a paralisação que, na Bahia, atinge a Procuradoria da República; a Procuradoria Regional do Trabalho e da Procuradoria da República nos municípios, além de Jequié, em Alagoinhas, Barreiras, Campo Formoso, Eunápolis, Feira de Santana, Ilhéus, Irecê, Paulo Afonso, Teixeira de Freitas e Vitória da Conquista, além das Procuradorias do Trabalho nos municípios de Itabuna e Santo Antônio de Jesus. Eles reivindicam a valorização da categoria, que segundo os servidores, já acumula perdas inflacionárias superiores a 50% desde 2006, quando foi aprovado o último Plano de Cargos e Salários. Com a greve, deflagrada por tempo indeterminado, a efetividade das funções desempenhadas pelos órgãos junto à sociedade é amplamente reduzida, dentre elas a defesa da ordem jurídica e dos direitos e interesses da coletividade, além do combate ao trabalho escravo e infantil, ao mau uso do dinheiro público e à corrupção.

Prefeitura de Jequié decreta ponto facultativo nas repartições públicas durante o Carnaval

/ Jequié

A Prefeitura Municipal de Jequié, por meio da Secretaria de Governo, com base no Decreto nº14.743, de 09 de Fevereiro de 2015, considera ponto facultativo nas repartições públicas municipais, no dia 16 de Fevereiro de 2015, segunda-feira, véspera de Carnaval, exceto aos serviços públicos essenciais. O expediente das repartições públicas municipais terá seu início às 14h do dia 18 de Fevereiro, quarta-feira.

Jequié: Operação com carro fumacê intensifica ações de combate à dengue em bairros

/ Jequié

Carro faz borrifações em bairros de Jequié
Carro fumacê faz borrifações em bairros diversos de Jequié

Um carro fumacê, enviado a Jequié pela Secretaria da Saúde da Bahia, percorre bairros da Cidade Sol em ação de combate a dengue no município. Ontem, o carro esteve realizando pulverização de ruas do bairro KM 4 e, nesta quinta-feira (12), das 5h às 8h e das 18h às 22h, o veículo visitou o bairro KM 3. O veículo e o inseticida são fornecidos pelo Governo da Bahia, o motorista e os operadores das máquinas são do Núcleo de Regional de Saúde, com o apoio dos agentes de endemias do município, que desenvolvem ações de conscientização e educação da comunidade quanto aos focos do mosquito e como agir quando da passagem do carro fumacê. A orientação é para que a população abra as portas e janelas das casas para facilitar a entrada do inseticida e este possa atingir o maior numero de cômodos das residências. Uma morte por dengue já foi registrada neste ano de 2015 em Jequié.

Jequié: Família procura menino que está desaparecido

/ Jequié

João Vitor tem apenas 11 anos de idade
João Vitor tem apenas 11 anos de idade. Foto: Reprodução

A família do garoto João Vitor, de 11 anos, está desesperada. João está desaparecido em Jequié. Segundo informações de familiares, a avó do menino está inconsolável com o sumiço de João Vitor e pede para quem obter informações a cerca do paradeiro do menino, entrar em contato com a família pelo telefone (73) 88180957

Teatro de fantoches mobiliza para os cuidados com a Dengue em Jequié

/ Jequié

Jovens participantes tem de 14 a 17 anos
Jovens participantes tem de 14 a 17 anos. Fotos: Dircom

O espetáculo denominado ”Xô Dengue” é realizado pelos próprios jovens e tem duração de cerca de cinco minutos. A encenação acontece num cenário ornamentado com objetos que são próprios para o acumulo de água limpa, habitat propício para a proliferação do inseto. ara a coordenadora do SCFV em Jequié, Geisa Calhau, a apresentação tem surtido grande efeito entre os jovens assistidos, que além de realizar tarefas aprendidas nas oficinas, tem a oportunidade de interagir com jovens de outros núcleos. ”São mais de 300 adolescentes de várias partes da cidade que terão a oportunidade de trocar experiências e também transmitir informações para seus familiares sobre a prevenção da Dengue e Chikungunya”, disse.

O espetáculo denominado “Xô Dengue” é realizado pelos próprios jovens
O espetáculo Xô Dengue é realizado pelos próprios  jovens

 O teatro de fantoches é uma antiga forma de expressão artística originada há cerca de três mil anos. As apresentações foram realizadas na manhã desta terça-feira (10/02), no núcleo do Jequiezinho e Pau Ferro e na quinta-feira (12/02), será apresentado para os jovens dos núcleos do Mandacaru e São Judas Tadeu.

SAC Móvel define funcionamento temporário em Jequié; Centro de Cultura vai abrigar o órgão

/ Jequié

Carreta do Sac permanece na Praça
Carreta permanece na Praça. Foto: Blog Marcos Frahm

O Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) de Jequié informou sobre a montagem da estrutura do órgão temporariamente no Centro de Cultura de Jequié. A escolha do local foi realizada pelo secretário estadual de Administração, Edelvino Góes, e equipe técnica ao visitarem as instalações do Centro de Cultura após o incêndio do prédio do SAC/Jequié. Na ocasião, deu-se início aos estudos técnicos para escolha da nova sede do posto e para a unidade provisória de atendimento da cidade. O Centro de Cultura apresentou a estrutura mais compatível com o modelo SAC. Uma equipe da empresa CONSILO deverá na próxima quinta-feira (12), iniciar os serviços de adaptação do local , a ideia é que nos próximos 15 dias esteja funcionando. Durante este período, os serviços do SAC Móvel estarão mantidos. A unidade itinerante da Rede SAC, o SAC Móvel instalada na Praça da Bandeira, Centro, está em pleno funcionamento com a emissão da carteira de identidade, certidão negativa de antecedentes criminais e CPF, além da Previdência Estadual e Planserv, aberta ao público das 8h às 18h. Vale lembrar que o SAC Móvel oferece 130 senhas para este serviço, diariamente. O SAC Móvel está em Jequié para auxiliar na manutenção dos serviços da rede na cidade. Os demais serviços ofertados na unidade de atendimento – do Detran, SineBahia, Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Procon, Tribunal de Justiça (TJ/BA) e a emissão de registro de nascimento – estão sendo realizados em órgãos públicos correspondentes. Em anexo segue arquivo com locais de atendimento dos serviços do posto SAC/Jequié.

Táxis de Jequié já circulam expondo a nova padronização gráfica adotada pelo Sindicato

/ Jequié

Padronização estampada
Padronização estampada nos táxis. Foto: Blog Marcos Frahm

Os táxis que circulam em Jequié expõem nova padronização gráfica e chama a atenção com a identidade visual, que além de demonstrar a organização da classe, traz a nova logomarca nas laterais dos automóveis e, no fundo dos veículos, ela fica estampada em menor dimensão, nas cores verde, lilás e com o brasão do município de Jequié, adotado pelo Sindicato dos Taxistas em parceria com a Prefeitura de Jequié, que emite os alvarás de funcionamento na Cidade Sol.

Jequié: Em reunião com moradores de bairros populares, prefeita promete cumprir promessas

/ Jequié

Tânia se reuniu com representantes de associações
Tânia se reuniu com representantes de associações. Foto: Dircom

A prefeita Tânia Brito (PP) prometeu cumprir promessas ao se reunir com os moradores e representante de associações dos bairros da Amaralina, São Judas Tadeu, Pompílio Sampaio, Parque das Algarobas e Mutirão São Judas Tadeu, na noite desta segunda-feira (9), quando dialogava com a comunidade sobre os principais pontos vivenciados nas localidades. ”Muitas das solicitações feitas aqui já foram identificadas pelos nossos secretários e estão em nosso planejamento. Iremos trabalhar para cumprir o que está traçado. Temos um compromisso com vocês”, enfatizou a prefeita Tânia, segundo informou sua Assessoria de Comunicação. A gestora anunciou ainda que viabilizou por meio de parceria com uma empresa privada a construção de mais uma academia ao “Ar Livre” no bairro do Amaralina e que o projeto Federal do Centro de Iniciação do Esporte (CIE), no Pompílio Sampaio, já será iniciado.

Vítimas de acidente na BR-116, em Irajuba, seguem no HGPV; menina de 6 anos está em estado grave

/ Jequié

Parati capotou na BR-116. Foto: Blog Marcos Frahm
Carro Parati capotou na BR-116. Foto: Blog Marcos Frahm

Seguem internados no Hospital Geral Prado Valadares – HGPV, em Jequié, três sobreviventes de um grave acidente automobilístico ocorrido na quinta-feira (5), no Km 603 da BR-116, no trecho do município de Irajuba. O desastre envolveu um automóvel VW/ Parati, com placa CME-9587, que trafegava na rodovia transportando uma família da cidade de Santo Estêvão, quando o condutor do veículo perdeu o controle da direção e capotou o automóvel, que foi parar num matagal, na margem da rodovia. Morreu no local, a passageira Joaquina Santos da Silva, 46 anos, o motorista e esposo da vítima, Carlos José da Silva Vasconcelos, 51, foi socorrido com ferimentos, juntamente com outros ocupantes do carro, seus filhos, e netos da vítima fatal, identificados como Gabriel Santos da Silva, 14 anos, e Iasmin Santos Vitória, de apenas 6 anos. Pai e filhos, desde quando deram entrada no HGPV seguem internados na unidade hospitalar. As informações obtidas pelo Blog Marcos Frahm dão conta de que o estado de saúde da garota Iasmin é grave. Ela passou por intervenção cirúrgica e está na Unidade de Terapia Intensiva – UTI; o seu quadro inspira cuidados. Já o irmão de Iasmin, Gabriel, sofreu fratura no fêmur e aguarda cirurgia, juntamente com o pai, Carlos José, que também sofreu ferimentos graves no acidente. O motorista alega que perdeu o controle da direção da Parati após tentar desviar de um caminhão, que seguia na contramão. Ainda de acordo com informações, as crianças, Iasmin e Gabriel, já estariam matriculadas numa escola de Santo Estêvão e começariam a assistir aula nos próximos dias.

Cresce o número de reclamação sobre o atendimento do Hospital Geral Prado Valadares

/ Jequié

Hospital Geral Prado Valadares
Hospital Geral Prado Valadares. Foto: Blog Marcos Frahm

É grande a reclamação de pessoas que procuram socorro médico na emergência do Hospital Geral Prado Valadares – HGPV, em Jequié. O número cresceu nos últimos dias de usuários que reclamam da demora no atendimento do setor de emergência e, principalmente, da dificuldade quando o estado de saúde for de internação. Pessoas de toda a região recorrem ao HGPV em busca de atendimento. Embora o hospital seja de grande porte, recebe uma grande demanda que precisa ser atendida, mas a unidade, fundada há mais de 60 anos, parece não mais comportar. A falta de médico plantonista também tem gerado reclamação. Nesta segunda-feira (9), dois usuários procuraram a reportagem da Rádio 93 FM para relatar a situação. Uma mulher disse não ter conseguido, na sexta e no sábado, internamento para uma criança que apresentava problemas. Por volta das 16h desta segunda, familiares de um rapaz vítima de disparo de arma de fogo entravam em contato com a emissora pedindo a presença da equipe de reportagem na unidade hospitalar. Alegavam que o paciente necessitava de intervenção cirúrgica, mas não era encontrado o cirurgião para realização do procedimento cirúrgico. O departamento de jornalismo da Rádio 93FM tentará contato com a direção do Prado Valadares para que esclareçam sobre as inúmeras reclamações de pessoas que procuram um atendimento digno.

Bahia solicita novos profissionais do Mais Médicos. Jequié quer mais onze médicos

/ Jequié

Cerca de 10 cubanos já atuam no município de Jequié
Cerca de 10 médicos cubanos já atuam no município de Jequié

Ainda neste semestre, a Bahia pode receber 386 profissionais do  Mais Médicos, programa do governo  federal. No total, 104 municípios aderiram ao novo edital do programa para solicitar profissionais. Dentre as cidades que mais deverão receber estão Salvador (82 vagas), Alagoinhas (13) e Jequié (11). Lançado em 15/01/15, o novo edital priorizou municípios com dificuldade de contratar médicos na atenção básica e os que já contavam com vagas do Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab). A maioria das prefeituras atendidas – cerca de 66% – atende ao critério de vulnerabilidade social e econômica. No país, são mais 4.146 vagas para atender a 1.294 municípios e 12 distritos indígenas inscritos nesta nova fase da iniciativa. Com isso, 18.247 médicos devem atuar nas unidades básicas de saúde. A estimativa de atendimento é de cerca de 63 milhões de pessoas, segundo o Ministério da Saúde. O presidente do Sindicato dos Médicos da Bahia (Sindimed), Francisco Magalhães, entende a expansão da iniciativa na Bahia como uma forma de camuflar problemas maiores, como a manutenção do profissional nos municípios, falta de estrutura, medicamentos e materiais. “A vinda de médicos trouxe, sobretudo às comunidades mais carentes, a sensação de que a população está sendo assistida. Mas o que acontece é que os pacientes são acolhidos, mas não têm, de fato, uma assistência completa, com a possibilidade de realizar exames, acesso a medicação, etc.”, afirmou Magalhães.

Prefeitura de Jequié acelera ações de combate a dengue após confirmação de morte pela doença

/ Jequié

Material educativo é distribuído
Material educativo é distribuído na Baixa do Bonfim. Foto: Dircom

As ações de combate aos focos do mosquito transmissor da Dengue e da febre Chikungunya em Jequié vem sendo intensificadas, por parte da Secretaria Municipal de Saúde, após o registro de uma morte por Dengue. A vítima foi um homem de 42 anos, que residia no bairro KM 04 e foi a óbito num leito do Hospital Geral Prado Valadares, onde estava internado depois de passar pelo IORT. A morte motivou a Prefeitura a desenvolver ações de combate a doença. A Prefeitura realizou na manhã de sexta-feira (6), na Baixa do Bonfim, mutirão de limpeza para o combate aos focos do mosquito. Com a participação das Secretarias de Saúde, Desenvolvimento Social, Educação, Infraestrutura e Serviços Públicos, Guarda Municipal e Polícia Militar e contando com o trabalho de cerca de 60 agentes da Vigilância Epidemiológica a ação realizou entrega de material informativo, ações educativas, coleta de material propício aos focos do mosquito e distribuição de sacolas para recolhimento do lixo. O trabalho foi acompanhado in loco pelo Secretário Municipal de Saúde, Heber Filho. Segundo Heber, é importante que todos colaborem eliminando de suas casas todos os materiais que possam acumular água da chuva, se tornando um criadouro do mosquito. ”Estamos intensificando o trabalho de prevenção e pedindo a colaboração da população nesse processo”, disse.

Jequié: Artistas discordam do uso de espaço no Centro de Cultura para funcionamento do SAC

/ Jequié

Secretário estadual
Secretário de administração visitou o Centro de Cultura

A informação que circula extraoficialmente na cidade, dando conta de que o módulo polivalente do Centro de Cultura de Jequié, será utilizado temporariamente, para abrigar as instalações do posto do Serviço de Atendimento ao Cidadão-SAC, não vem tendo bom acatamento por parte das entidades e pessoas envolvidas no movimento artístico cultural da cidade. O entendimento que prevalece no setor é de que o local como sempre, tem servido para abrigar órgãos públicos, destoando das reais finalidades do equipamento cultural. “Por anos as dependências do Centro de Cultura serviram para albergar a Secretaria de Comunicação da Prefeitura, o gabinete da Vice Prefeita e a própria Diretoria de Cultura do Município, o que ajudou em muito a destruir o seu espaço físico, ar condicionados, instalações, etc”, protestou o músico Bene Sena, ex-secretário municipal de Cultura. Desde o incêndio ocorrido na noite de terça-feira (3/2), no prédio do SAC, o atendimento está sendo feito no  SAC Móvel vindo de Salvador, com o indicativo do órgão ser transferido para o Centro de Cultura, a princípio, até que o governo do estado, como anunciado, construa um prédio próprio para abrigar o SAC de Jequié

Motociclistas de Jequié realizam protesto contra aumento dos preços dos combustíveis

/ Jequié

Consumidores apresentavam a NF de consumo no valor de R$ 0,50
Consumidores mostram NF de consumo no valor de R$ 0,50

Um protesto contra o aumento do preço da gasolina e a forma como é aplicado pelos postos Jequié ganhou as ruas da cidade na tarde deste sábado (7/2).  A manifestação foi convocada pelo facebook e a concentração inicial de motoristas e motociclistas teve início por volta de 16h30, em frente ao prédio da Prefeitura de Jequié, de onde o grupo saiu com cerca de 50 manifestantes, em carreata, ganhando praticamente o dobro de adesões  no trajeto. Os motoristas e motociclistas ao chegarem nas bombas dos postos [o primeiro deles foi o Pampa, na Avenida Landulfo Caribé),  pediam R$ 0,50 em combustível, pagando com uma nota de R$ 50 ou no cartão de crédito,  exigindo a nota fiscal. O segundo posto visitado pelo grupo foi o Ypiranga, na Rua Brigadeiro Sá,  no Jequiézinho, logo após eles foram até o  Posto Badica no centro da cidade,  encerrando o protesto no Posto Maringá.

Manifestantes solicitavam a colocação de R$ 0,50 de gasolina
Manifestantes solicitavam a colocação de R$ 0,50 de gasolina

Apesar da manifestação ter sido pacífica e  acompanhada à distância por viaturas da Polícia Militar, nas empresas visitadas foi observada a irritação por parte de proprietários das empresas e frentistas diante do tumulto criado em frente aos estabelecimentos, ocorrendo algumas discussões e a insatisfação pela inviabilidade de acesso às bombas, por  outras pessoas que quisessem abastecer.  Em cada posto visitado o movimento durou cerca de 40 minutos. No Posto Maringá, último percorrido pelo movimento, foi decidido pela administração da empresa suspender as atividades alegando falta de combustível. Os manifestantes afirmaram que após o Carnaval será programa uma nova data para a realização de manifestação semelhante. Reportagem e fotos Uberlan Costa/93 FM