Esporte: Jequié conquista sua primeira vitória e derrota o líder Fluminense de Feira

/ Esporte

Jequié venceu por 4 x 3. Foto: João ourenço
Jequié venceu o Fluminense por 4 x 3. Foto: João Lourenço

A equipe da Associação Desportiva Jequié-ADJ, que amanheceu neste domingo (17/5) ocupando a lanterna do Campeonato Baiano da 2ª Divisão, conseguiu seu primeiro triunfo na competição, ao derrotar, no Estádio Waldomiro Borges, o tradicional Fluminense de Feira de Santana por 4 x 3 na quinta rodada do Baianão 2015. Com a vitória contra o Flu, time comandando pelo experiente técnico jequieense Paulo Sales, a equipe de Sérgio Odilon saltou para a sétima posição, com 5 pontos conquistados e terá folga na sexta rodada. Já o Fluminense, apesar da derrota, se destaca pela boa campanha e permanece no primeiro lugar. Nos outros jogos da 5ª rodada, o Grapiúna empatou sem gols com o Flamengo de Guanambí; o Itabuna bateu o Juazeiro por 3×1 e o Botafogo joga com o Atlético. A quinta rodada termina com alívio para os torcedores do Jequié, que mais uma vez compareceram em bom número para empurrar o time da Cidade Sol.

Esporte: Bahia goleia Mogi Mirim por 4 a 1 em estreia da Série B em Pituaçu

/ Esporte

Maxi Biancucchi
Maxi Biancucchi marca dois gols. Foto: E.C.Bahia

Em um Pituaçu vazio por causa de uma punição imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no ano passado, o Bahia goleou o Mogi Mirim por 4×1. Com dois gols de Zé Roberto e outros dois de Maxi e Léo Gamalho, o novo trio ofensivo provou eficiência e não sentiu a falta do artilheiro do ano, Kieza. A primeira oportunidade surgiu num toque de Tony para Maxi Biancucchi, que chutou para fora. Na segunda chance que teve, o argentino não desperdiçou. Aos 18, Zé Roberto fez o lançamento e um desvio errado da defesa colocou a bola nos pés do camisa 7 tricolor, que ainda driblou o zagueiro antes de finalizar de pé esquerdo, com categoria: 1×0. O  Mogi chegou ao empate aos 30 minutos, quando Elvis dividiu com Douglas Pires, levou a melhor e cruzou para Geovane, livre, cabecear pro gol. A zaga tricolor reclamou, alegando que a bola havia saído antes do cruzamento.  Quando o Bahia vivia um momento ruim, Pittoni deu toque de qualidade que faltava. O camisa 5 fez um cruzamento perfeito para Zé Roberto cabecear e fazer 2×1. No último minuto da primeira etapa, Maxi ainda tentou uma cavadinha, Bastaram 13 segundos para o tricolor ampliar na volta do intervalo. Maxi fez belo cruzamento para Zé Roberto pegar de primeira e marcar um golaço. Dos pés do inspirado Maxi, saiu outra assistência para Léo Gamalho, um jogador que não marcava há exatamente dois meses. O último gol foi no dia 15 de Março, na goleada por 5×0 sobre o Galícia, pelo Baiano.  O argentino cruzou na cabeça de Léo. O goleiro Daniel fez a defesa parcial, mas a bola voltou para o camisa 11 tricolor fechar o caixão. O Bahia volta a jogar quarta, às 22h, contra o Luverdense, na Fonte Nova, pela Copa do Brasil. Informações do Correio

Esporte: Barcelona é derrotado, mas classificado

/ Esporte

Neymar marca 2 e ajuda o Barça. Foto: Reprodução/Veja
Neymar marca 2 e ajuda o Barça. Foto: Reprodução/Veja

Sem grandes emoções e com direito a dois gols de Neymar, o Barcelona confirmou a vaga na final da Liga dos Campeões, apesar da derrota por 3 a 2 para o Bayern de Munique, nesta terça-feira na Allianz Arena. Na primeira partida, marcada pelo baile no Camp Nou de Lionel Messi, autor de dois gols, o Barça havia vencido por 3 a 0, dando passo gigantesco rumo à decisão da competição continental. Precisando vencer por três gols de diferença, o Bayern conseguiu abrir o placar logo aos 7 minutos de jogo com o zagueiro marroquino Medhi Benatia, mas Neymar empatou aos 15 e virou a partida aos 29, praticamente selando a classificação dos catalães. Com os dois gols, Neymar alcançou o português Cristiano Ronaldo na vice-artilharia da Champions com 9 gols, um a menos que o companheiro Messi. No segundo tempo, o Bayern conseguiu dar um pequeno consolo à torcida, chegando a vitória por 3 a 2 com gols do polonês Robert Lewandowski, aos 14, e Thomas Müller, aos 29, resultado insuficiente para ficar com a vaga. Na final da Liga dos Campeões, no dia 6 de junho, o Barcelona enfrentará o vencedor da outra semifinal, na qual duelam Real Madrid e Juventus. Na primeira partida, em Turim, a ‘Velha Senhora’ venceu por 2 a 1. A volta será disputada nesta quarta-feira, em Madri

Esporte: Jequié perde para o Ypiranga e é lanterna

/ Esporte

ADJ segue sem vencer no Baianão. Foto: João Lourenço
ADJ segue sem vencer no Baianão. Foto: João Lourenço

Ainda não foi na quarta rodada do Campeonato Baiano da 2ª Divisão que o Jequié conseguiu sua primeira vitória na competição. Jogando neste domingo (10/5), no Estádio Roberto Santos (Pituaçú), em Salvador, a equipe jequieense foi derrotada por três a um, para o Ypiranga (3º lugar) mantendo-se no último lugar do certame com apenas dois pontos positivos. Vicente, Índio e Alisson, marcaram os gols da equipe canária ainda na etapa inicial, descontando Diego Renato, em cobrança de pênalti, aos 44 min do segundo tempo. Restando ainda cinco rodadas para o término da fase de classificação, o resultado negativo praticamente inviabiliza a luta do time jequieense para chegar entre as duas equipes que  passarão para a primeira divisão no próximo ano, apesar de em termos matemáticos ainda não ter nada definido.  O Fluminense de Feira, que lidera o campeonato venceu o Grapiúna (7º) por (2×1); o Flamengo de Guanambí, segundo colocado com 7 pontos goleou o Botafogo (6º), (4×1); o Atletico (5º) empatou em 1×1 com o Juazeiro (4º). No próximo domingo (17), às 10h da manhã, o Jequié estará recebendo no Waldomirão a presença do Fluminense de Feira. Jequié Repórter

Esporte: Vitória faz vergonha em casa e Bahia empata na abertura do Brasileiro Série B

/ Esporte

Vitória é derrotado em casa. Fernando Amorim l Ag. A TARDE
Vitória é derrotado em casa. Fernando Amorim l Ag. A TARDE

5.100 torcedores do Vitória passaram a tarde e início da noite deste sábado (9/5) tomando chuva e passando raiva no Estádio Barradão, em Salvador. O time perdeu de 2 a 0 em casa para o Sampaio Corrêa, enquanto o Bahia empatava por 1 a 1 fora de casa com o América MG, na primeira rodada do Campeonato Brasileiro Série B em 2015. Jogando do Estádio Independência, em Minas Gerais, o Bahia abriu o placar no primeiro tempo, e cedeu o empate no segundo. Em Salvador, o Vitória dava vexame, saía vaiado e a torcida perdia a cabeça no final, tentando invadir a área onde ficava a diretoria. A política atirou bombas de efeito moral e atirou balas de borracha contra os torcedores. Torcedores foram às emissoras de rádio reclamar contra o jogador Rhayner, que segundo eles xingou a torcida, e pediram punição. Em Minas – Mesmo atuando fora de casa, o Bahia começou melhor a partida e não demorou para abrir o placar. Logo aos nove minutos, Zé Roberto fez grande jogada pela direita e levantou para dentro da área. O zagueiro Wesley Matos foi tentar afastar e depois de escorregar, colocou a bola para o seu próprio gol. A resposta do time mineiro veio aos 19 minutos. Depois de cobrança de falta de Mancini, Thiago santos desviou e a bola sobrou para Felipe Amorim sozinho. O meia furou cara a cara com o goleiro e desperdiçou grande chance. Ainda deu tempo de o Bahia colocar uma bola na trave. Aos 36 minutos, Bruno paulista rolou para trás e Maxi Biancucchi acertou um chute colocado que explodiu no poste direito do goleiro João Ricardo. O jogo terminou mesmo no 1 a 1.

Bahia e Conquista dominam seleção do Baianão; Kieza é eleito o craque da competição

/ Esporte

Equipe do Bahia comemora o BI. Foto: Divulgação | @ecbahia
Equipe do Bahia comemora o BI. Foto: Divulgação | @ecbahia

Como já era esperado, os finalistas Bahia e Vitória da Conquista dividiram as atenções na noite de premiação do Campeonato Baiano 2015, realizada nesta terça-feira (5/5), no Clube Espanhol, em Salvador. Dos 11 jogadores da seleção ideal do torneio, 10 pertencem à dupla, sendo cinco de cada time. Penetra na festa do troféu Armando Oliveira, apenas o goleiro Léo, do Bahia de Feira (veja abaixo a lista completa). Mas se coletivamente o foco foi dividido entre as equipes que decidiram o torneio, individualmente o centroavante  Kieza foi o papa-troféus do evento promovido pela Federação Bahiana de Futebol (FBF) e TV Bahia. Ele faturou os prêmios de melhor atacante, artilheiro (8 gols) e craque do campeonato. Pelo lado do Vitória da Conquista, os laterais Apodi e Mateus Leoni, o zagueiro Fernando Belém, o volante Fausto e o meia Carlinhos foram eleitos para o time dos 11 melhores. Pelo Bahia, a honra coube ao zagueiro Titi, ao cabeça de área Souza, ao meia Tiago Real, e à dupla de atacantes Maxi Biancucchi e Kieza. O Bahia ainda teve mais três premiados na noite: o técnico Sergio Soares, o preparador físico Reverson Pimentel e o atacante Léo Gamalho, autor do gol mais bonito da competição (o de abertura na goleada de 7 a 0 sobre o Feirense, de fora da área). O Vitória não ficou de fora da festa. Concorrendo com Bruno Paulista, do Bahia, o volante Flávio ganhou o prêmio de revelação do torneio. A jovem Bianca Carvalho, de 17 anos, representante do Jacobina, desbancou as concorrentes e foi eleita a Musa do Baianão. Ela faturou um cheque de R$ 10 mil. Luana Santos, do Vitória da Conquista, terminou na 2ª posição. Anne Santos, do Bahia, ficou com o 3º lugar. A Tarde

Bahia tem 9 indicados à melhores do Baianão e Vitória apenas 2; veja lista

/ Esporte

Arena Fonte Nova lotada em comemoração. Foto: Arisson Marinho)
 Fonte Nova lotada em comemoração. Foto: Arisson Marinho

A seleção do Campeonato Baiano 2015 será conhecida nesta terça-feira (5), em um evento realizado pela Federação Bahiana de Futebol (FBF), em Salvador. Em votação realizada por jornalistas, já foram definidos os indicados a premiação. Além dos jogadores de cada setor, serão premiados também o melhor técnico, preparador físico, craque e revelação da competição estadual. A equipe será escalada no sistema 4-4-2 e, por isso, zagueiros, volantes, meias e atacantes têm quatro indicados, enquanto  goleiro e laterais, são dois indicados por função. Bicampeão baiano, o Bahia tem nove indicados na lista, enquanto o Vitória da Conquista, vice-campeão estadual, desponta com 12 nomes. Quinto colocado na competição estadual, o Vitória só tem dois atletas na briga pela premiação. Confira a lista.

Goleiro do Conquista diz que derrota não foi surpresa; ”sabíamos que o Bahia vinha com tudo”

/ Esporte

foto: Max Haack – Bahia Notícias
Goleiro Viáfara lamenta derrota. Foto: Max Haack – Bahia Notícias

Um dos poucos atletas que falou com a imprensa após a goleada sofrida contra o Bahia, o goleiro Viáfara não desmereceu a equipe do Vitória da Conquista, que seguia invicta até o jogo deste domingo (3/5), na Arena Fonte Nova. Entretanto, o arqueiro colombiano ressaltou o poder ofensivo do tricolor de aço e lamentou as chances perdidas pelo Bode no jogo de ida da grande final do Campeonato Baiano 2015. ”A gente fez a nossa parte em Conquista, assim como o Bahia fez aqui. Tivemos a chance de fazer seis lá e não fizemos, assim como o Bahia conseguiu agora. Quando se tem uma equipe qualificada como o Bahia, não se pode dar as chances como nós deixamos”, lamentou o atleta, que não se diz surpreso pela goleada orquestrada pelo time da casa no jogo decisivo. Em entrevista ao site Bahia Notícias, ele disse ainda que: ”Não nos surpreendeu porque sabíamos que o Bahia vinha com tudo e foi o que aconteceu. Tomamos o gol nos primeiros 20 minutos e isso acabou complicando tudo”, ressaltou.

Impiedoso, Bahia reverte vantagem, goleia o Bode e garante o bi estadual

/ Esporte, NOTÍCIAS

Kieza comemora gol com torcedores. Foto: Felipe Oliveira/Agência Estado
Kieza comemora gol com torcedores. Foto: Felipe/Agência Estado

O Bahia goleou o Vitória da Conquista por 6 a 0 e se sagrou bicampeão do Campeonato Baiano na tarde deste domingo (3). Depois de perder por 3 a 0 a partida de ida e de ser vice-campeão do Nordestão durante a semana, o time tricolor reagiu e reverteu o placar na Fonte Nova hoje. Robson, Bruno Paulista, Kieza e Souza, duas vezes cada, marcaram pelo tricolor. Foi o 46º título do Bahia e a primeira volta olímpica da nova Fonte Nova. O último título do Bahia no estádio foi há 14 anos, quando o tricolor foi campeão da Copa do Nordeste, em 2001, sobre o Sport

Jequié 1×1 Atlético: Empate com sabor de derrota para o torcedor jequieense

/ Esporte

Jogo foi no Waldomirão.
Jogo ocorreu pela manhã, no Waldomirão. Foto: João Lourenço

O torcedor jequieense deixou as dependências do Estádio Waldomiro Borges, na manhã deste domingo (3/5), com o sentimento de derrota do seu time, no empate em um a um diante do Atlético de Alagoinhas. Com o resultado em casa e a vitória do Grapiúna diante do Itabuna (2×1), no Luiz Viana Filho, o time do Jequié passou a ocupar,  nessa terceira rodada, a última colocação da fase de classificação do Campeonato Baiano da 2ª Divisão 2015, com apenas dois pontos positivos. Jequié Repórter

Jovem jogador, natural de Jequié, é considerado uma joia no time do São Paulo

/ Esporte

O atacante Joanderson é de Jequié
O atacante Joanderson é de Jequié. Foto: Reprodução/Globo

Depois de intensas negociações para manter uma de suas principais joias, o São Paulo acertou um novo contrato com o atacante Joanderson. Destaque das categorias de base, ele ficou sem vínculo com o clube desde 15 de fevereiro e era alvo de diversas equipes do futebol nacional e do exterior. Conforme publicado no BID do dia 22/04/15, o atleta de 19 anos assinou por mais três anos com o clube paulista e pode, inclusive, ser diretamente integrado ao elenco principal. Atentos à possibilidade de se reforçar sem qualquer custo, Palmeiras e Corinthians sondaram o atacante. Além deles, o Porto, de Portugal, mostrou interesse no jogador, segundo o jornal Record. O futebol chinês era outro destino apontado ao atleta que é natural de Jequié e que foi criado em Limeira/SP. Ele chegou ao São Paulo em 2009 e coleciona prêmios individuais, além de diversas convocações para as seleções de base. Foram 22 gols no Campeonato Paulista Sub-15, em 2011; 6 no estadual sub-17 2012, e no ano seguinte o maior destaque: 13 gols no Paulista, 7 no título da Copa do Brasil e um no Mundial Sub-17, nos Emirados Árabes, com a seleção brasileira; no ano passado, primeiro do jogador na categoria sub-20, ele marcou 5 vezes no Paulista e uma na copa nacional. Por Souza Andrade

Jequié fica com 3ª colocação na Taça Nordeste de Futsal Feminino 2015 e tem a melhor goleira

/ Esporte

Equipe do JEC representou a Bahia na PB.
Equipe do JEC representou a Bahia na Paraíba. Foto: Divulgação

A equipe do Jequié Esporte Clube terminou a Taça Nordeste de Futsal Feminino 2015, em 3° lugar, em João Pessoa, na Paraíba. O JEC disputou bem as três partidas, e a goleira jequieense Taís Souza, foi eleita por unanimidade a melhor da competição, com dezenas de defesas milagrosas, que garantiram a 3ª colocação ao Jequié. Taís foi convidada para disputar a Taça Brasil Adulta no mês de junho pela equipe Servicar da Paraíba. Na competição o JEC venceu a Rocket Power por 3 a 0, a Bayuex Futsal por 5 a 2, sendo a primeira colocada do grupo B, mas perdeu para forte equipe do Servicar, anfitriã da Taça Nordeste de Futsal Feminino 2015, pelo placar de 3 a 1. Na final duelo das campeãs, baiana e paraibana, Servicar (PB) empatou em 1 a 1 contra Luis Eduardo Magalhães (BA) e venceu nos pênaltis pelo placar de 3 a 2 e o titulo ficou em casa, porém a Bahia ficou 2° lugar com LEM e 3° lugar JEC – Jequié. Em setembro, o Jequié será o time representante da Bahia na Taça Brasil Sub-20.

Esporte: Bahia perde novamente para o Ceará e fica com o vice-campeonato da Copa do Nordeste

/ Esporte

Goleiro Jean, aos 19 anos, disputou final. Foto: Betto Jr/Ag Haack
Goleiro Jean, aos 19 anos, disputou final. Foto: Betto /Ag Haack

O Bahia perdeu por 2 a 1 para o Ceará na noite desta quarta-feira (29/4) e ficou com o vice-campeonato da Copa do Nordeste. O tricolor já havia perdido o jogo de ida, na Arena Fonte Nova, por 1 a 0, e precisava ganhar para ficar com o troféu, mas com dois gols em jogadas aéreas viu o sonho do tricampeonato regional se afastar. Maxi Biancucchi diminuiu já no final do jogo. Diante de público de 63.903 torcedores, maior do futebol brasileiro da temporada, o Bahia não conseguiu se impor, apesar de um início intenso, e perdeu a terceira partida seguida. Agora, o Bahia volta suas atenções para o Campeonato Baiano, que terá a segunda partida da final no domingo, com o Vitória da Conquista como adversário. O Bahia também tem uma situação adversa no estadual. Na partida em Conquista, o Bode venceu por 3 a 0 e conquistou boa vantagem para a decisão, que acontece na Fonte Nova. O tricolor precisa no mínimo devolver o placar para ser campeão. Correio

Jequié vai a Senhor do Bomfim e perde para o Botafogo na segunda rodada do Baianão

/ Esporte

Equipe do Jequié foi derrotada. Foto: Agência AM
Equipe do Jequié foi derrotada. Foto: Agência AM

O Jequié foi a Senhor do Bomfim, enfrentar o Botafogo, e perdeu a sua primeira partida após empatar na estréia com o Itabuna em 1 a 1 em casa. A equipe da Cidade Sol foi derrotada por 2 a 0 pelo Botafogo, que vence com gols de Adílo, aos 32 minutos do primeiro tempo e Fernando Baiano ampliou o placa logo aos 3 minutos do segundo tempo. O Botafogo que havia enfrentado derrota na estreia, quando perdeu para o Fluminense por 2 a 0 em Feira de Santana conseguiu a primeira vitória no Campeonato Baiano da 2ª Divisão 2015. O jogo deste domingo (26/4) no Estádio Pedro Amorim, teve público pagante de 337 torcedores e renda de R$ 3.370. Com a derrota o Jequié ocupa a penúltima colocação na competição com apenas um ponto ganho, superando apenas o Grapiúna (de Itabuna) que ainda não pontuou.