Bahia atinge maior número de pacientes internados em UTIs por Covid-19 desde o início da pandemia

/ Bahia

A Bahia atingiu na tarde de hoje (19) o maior número de pacientes  internados em UTIs desde o início da pandemia. São 864 pessoas, de acordo com dados da Secretária de Saúde do Estado (Sesab) atualizados às 14h40 de hoje.

Maior número, até então, havia sido registrado em 2 de agosto (857 pessoas). Os dados foram divulgados pelo governador Rui Costa (PT) em entrevista a BandNews.

Ainda segundo o governador baiano, se a taxa de ocupação dos leitos de UTI subir, novas medidas de restrição podem ser tomadas.

Rui disse que poderá endurecer parâmetros de restrição e estender horário de vigência do toque de recolher iniciado nesta sexta se a ocupação de leitos de UTI chegar aos 80% O portal de monitoramento da Sesab aponta ocupação de 78%, já que o estado conta com um total de 1.078 leitos de UTI destinados para Covid-19

Em 24 horas, Bahia registra 67 óbitos por Covid-19 e 4.017 casos da doença, diz boletim

/ Bahia

A Bahia registrou 67 óbitos por Covid-19 e 4.017 novos casos da doença em 24 horas, segundo boletim divulgado hoje (18) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 10.995, representando uma letalidade de 1,71%. Dos 643.244 casos confirmados desde o início da pandemia, 615.962 já são considerados recuperados e 16.287 encontram-se ativos.

A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto é de 76%.

A Bahia registrou 67 óbitos por Covid-19 e 4.017 novos casos da doença em 24 horas, segundo boletim divulgado hoje (18) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 10.995, representando uma letalidade de 1,71%. Dos 643.244 casos confirmados desde o início da pandemia, 615.962 já são considerados recuperados e 16.287 encontram-se ativos. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto é de 76%.

Bahia confirma transmissão comunitária da variante da Covid-19 do Reino Unido

/ Bahia

A Vigilância Epidemiológica do Estado da Bahia confirmou, nesta quarta-feira (17), a transmissão comunitária da variante B.1.1.7 do SARS-CoV-2, originalmente detectada no Reino Unido, no estado. O resultado veio após o sequenciamento genético da amostra de um homem de 62 anos, residente em Salvador, sem histórico de viagem ao exterior, nem contactantes com esse perfil. O sequenciamento genético da amostra foi realizada pela Fiocruz, no Rio de Janeiro.

A diretora da Vigilância Epidemiológica do Estado, Márcia São Pedro, explica que “a transmissão comunitária é assim chamada quando as equipes de vigilância não conseguem mapear a cadeia de infecção, não sabendo quem foi o primeiro paciente responsável pela contaminação dos demais”.

Até o momento, a Bahia identificou outros três casos suspeitos da variante do Reino Unido e confirmou a circulação da mesma linhagem do SARS-CoV-2 presente em Manaus, que é a P.1, em 11 pessoas, todas com origem na região Amazônica.

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA), que é a terceira maior unidade de vigilância laboratorial do país e classificado na categoria máxima de qualidade pelo Ministério da Saúde, iniciará o sequenciamento de 300 novas amostras dos estados da Bahia, Sergipe, Alagoas, Piauí, Pernambuco e Rio Grande do Norte. Fonte: Ascom/Sesab

Ato em refinaria do Recôncavo marcará primeiro dia de greve dos petroleiros da Bahia nesta quinta

/ Bahia

Os petroleiros da Bahia vão entrar em greve por tempo indeterminado a partir de amanhã (18), com ato em frente à Refinaria Landulpho Alves (Rlam), localizada no município de São Francisco do Conde, no Recôncavo baiano. A manifestação será iniciada às 7h.

A diretoria do Sindipetro participou de reuniões de negociação com o RH corporativo da Petrobras, mas não houve avanço, por isso, a categoria confirma a deflagração do movimento paredista, aprovado em assembleias que aconteceram em todas as unidades do Sistema Petrobras em dezembro de 2020.

As reivindicações são pautas antigas de luta que o Sindipetro vem tentando avançar, sem sucesso. A luta da categoria é por direitos, empregos e contra a insegurança e também contra a pressão e o assédio moral.

Já estão confirmadas as presenças do presidente nacional da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Sérgio Nobre, do presidente nacional da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Adilson Araújo e de representantes de outras centrais sindicais.

A Refinaria Landulpho Alves foi vendida pela Petrobras ao grupo Mubadala Capital, de Abu Dhabi, pelo valor de US$ 1,65 bilhão, no dia 8 deste mês. Com informações do Metro1

Em 24 horas, Bahia registra 64 óbitos por Covid-19 e 3.733 casos da doença, diz boletim

/ Bahia

A Bahia registrou 64 óbitos por Covid-19 e 3.733 novos casos da doença em 24 horas, segundo boletim divulgado hoje (17) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 10.928, representando uma letalidade de 1,71%. Dos 639.227 casos confirmados desde o início da pandemia, 612.703 já são considerados recuperados e 15.596 encontram-se ativos.

A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto é de 76%, o que representa um aumento de 2% em 24h.

Cidades de Ilhéus e Itabuna estão com mais de 90% dos leitos de UTI covid ocupados

/ Bahia

As taxas de ocupação dos leitos adultos para tratamento da Covid-19 nas Unidade de Terapia Intensiva (UTIs) dos municípios de Ilhéus e Itabuna, no sul da Bahia, chegaram, ontem (16), a 92%.

Os dados são do Centro de Acompanhamento da COVID-19 na Bahia, ferramenta disponibilizada pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab). Tanto Ilhéus quanto Itabuna estão com 92% dos leitos ocupados.

Em toda a região sul da Bahia a taxa de ocupação dos leitos de UTI está em 95%. Já os leitos clínicos estão 89% ocupados.

O governador da Bahia, Rui Costa, decidiu voltar a ter toque de recolher no estado, das 22h às 5h, a partir da próxima sexta (19). A medida, que vai valer por sete dias, não será aplicada na região Oeste, Irecê e Jacobina. Para todo o restante, é válida. As informações são do Metro1

Capital baiana: Grupo de pais promovem protesto por volta das aulas em frente a casa de Bruno Reis

/ Bahia

Um grupo de pais promoveu uma manifestação, nesta terça-feira (16), na frente de um condomínio, no Comercio, onde reside o prefeito Bruno Reis (DEM). O Movimento ”Volta às Aula, Salvador”, é a favor do retorno das aulas e com panelas pediram o retorno das atividades.

”Ele não vai abrir. Temos que nos reunir. Principalmente escolas que estão fazendo on-line com preços acessíveis. Ainda mais escolas que estão mudando o CNAE. Ou vamos lutar ou não teremos escola no primeiro semestre”, comentou uma das manifestantes.

Bruno, em suas redes sociais comentou que após a reunião com o governador, ficaram definidos ”os parâmetros para a retomada das aulas baseados em taxas de óbitos, crescimento de casos ativos e taxas de ocupação”. ”Vamos alinhar esse assunto com o Ministério Público, o Tribunal de Justiça e a Defensoria Pública do Estado. Os dados do crescimento da pandemia são preocupantes e precisamos de todo cuidado da população. Não podemos voltar às aulas presenciais sob o risco de colapso da saúde”, acrescentou. Com informações do site Bahia Notícias

Com 15 mil casos ativos de Covid-19 na Bahia, governador decreta ”toque de recolher”

/ Bahia

A partir desta sexta-feira (19), ficará restrita a circulação de pessoas nas ruas e o funcionamento de serviços não essenciais após as 22h em grande parte da Bahia, exceto nas regiões oeste, de Irecê e Jacobina, que apresentam os três menores índices de ocupação de leitos de UTI para Covid-19. O anúncio foi feito pelo governador Rui Costa, nesta terça-feira (16), em mais uma reunião com membros da União dos Municípios da Bahia (UPB), prefeitos e técnicos das secretarias estaduais da Educação e da Saúde.

A restrição compreenderá o período das 22h às 5h. ”O decreto que será publicado nesta quarta-feira (17) irá valer por sete dias e proíbe atividades comerciais não essenciais. É uma medida que precisamos tomar para conter as taxas de contágios e o número de casos ativos que hoje ultrapassam 15 mil. É uma forma de conter o avanço desse número alarmante que, se continuar crescendo, irá levar ao total colapso do sistema de saúde”, declarou o governador.

Rui afirmou ainda que, para a volta às aulas, três critérios precisam ser obedecidos: a redução do número de casos ativos, a diminuição do número de óbitos e a queda das taxas de ocupação de leitos. ”Definimos que esses critérios são os requisitos mínimos necessários para que possamos ter um retorno sem colocar em risco a vida de nossos professores, pais, alunos e todos os seus familiares”, concluiu.

A declaração do governador seguiu uma apresentação de técnicos da Sesab mostrando que a Bahia alcançou uma taxa de 74% de ocupação dos leitos de UTI dedicados para atender pacientes com casos mais graves de Covid-19. ”Os dados indicam um risco real de colapso do sistema de saúde e consequente aumento na mortalidade. Nesse momento, apenas medidas de distanciamento social mais severas minimizarão as altas taxas de transmissão do vírus”, explicou o secretário da Saúde, Fábio Vilas Boas.

Em 24 horas, Bahia registra 66 óbitos por coronavírus e 3.849 casos da doença, diz boletim

/ Bahia

A Bahia registrou 66 óbitos por Covid-19 e 3.849 novos casos da doença em 24 horas, segundo boletim divulgado hoje (16) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 10.864, representando uma letalidade de 1,71%. Dos 635.494 casos confirmados desde o início da pandemia, 609.546 já são considerados recuperados e 15.084 encontram-se ativos.

A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto é de 74%, o que representa um aumento de 1% em 24h.

Governo da Bahia deseja incluir profissionais da educação em grupo prioritário para vacinação

/ Bahia

O Governo da Bahia deseja incluir os profissionais que atuam na área da educação, na rede pública ou privada, em um dos grupos prioritários para receber a vacina contra o coronavírus, de acordo com o secretário estadual da Educação, Jerônimo Rodrigues.

Em meio a discussões sobre o retorno presencial das aulas, o secretário afirmou que não pode descumprir o plano nacional de vacinação, mas já recebeu manifestações de sindicatos para que o estado priorize esses profissionais.

Ainda segundo Jerônimo, o governador Rui Costa afirma que depende da quantidade de vacinas disponíveis para incluir professores, porteiros, merendeiras e demais profissionais no grupo prioritário. Ele informa que Rui já pediu um levantamento dos profissionais da educação com idade acima de 55 anos.

Rui pede a prefeitos que fechem atividades que geram aglomerações em lugares confinados

/ Bahia

Rui Costa não descarta toque de recolher. Foto: Fernando Vivas

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), afirmou nesta terça-feira (16) que vai voltar a determinar o fechamento de atividades não essenciais para reduzir a contaminação pelo coronavírus no estado. Diante do aumento de casos e óbitos provocados pela pandemia, ele pediu aos prefeitos que proíbam ”atividades que gerem aglomerações” e ameaçou decretar toque de recolher nos municípios que se negarem a atender a solicitação.

”Estou falando de atividades que geram aglomerações em lugares confinados, como cinemas, teatros, bares e restaurantes que tenham ambientes confinados”, disse o governador em entrevista ao Bahia Meio Dia, da TV Bahia.

Rui ainda declarou que, diante da possibilidade de colapso no sistema de saúde, manter o funcionamento de atividades econômicas do tipo não é essencial.

”Nós temos que fazer escolhas. Ou nós fechamos fábricas, comércios ou fechamos bares, restaurantes com ambientes confinados. Nós temos que escolher juntos. O que é melhor: chegar no colapso e fechar tudo ou escolher as atividades não essenciais? Eu entendo que, num momento em que está se morrendo tanta gente, não tem leito para todo mundo, ter um bar funcionando não é essencial. O que não é essencial acho que está no momento de fechar novamente para evitar o pior, evitar cenas de pessoas morrendo sem assistência médica”, declarou, acrescentando que o governo avalia a adoção de um “toque de recolher, dessa vez geral no estado ou nas regiões com alta taxa de contágio”.

Ao longo da primeira onda da pandemia na Bahia, diversas cidades passaram por toque de recolher, com a suspensão de todas as atividades não essenciais entre às 18h e às 5h. Agora que os números de novos casos de Covid-19 e a taxa de ocupação dos leitos voltaram a crescer, a medida é, de novo, vista como uma forma de combate à transmissão do vírus. De acordo com Rui, o assunto será discutido em reunião com a União dos Municípios da Bahia (UPB), nesta terça. As informações são do Bahia Notícias

 

Secretário de Saúde Fábio Vilas-Boas é diagnosticado com coronavírus; ”Testei positivo”

/ Bahia

Vilas-Boas diz que vai cumprir isolamento. Foto: Divulgação/Sesab

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, informou na tarde desta terça-feira (16) que foi diagnosticado com o novo coronavírus. Segundo Vilas-Boas, ele tem sintomas leves e já iniciou isolamento em casa, de onde manterá agenda de trabalho remoto.

O anúncio foi feito por meio de sua conta no Twitter, onde compartilhou uma imagem de um teste RT-PCR realizado no Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública).

”Amigos. Depois de 11 meses tentando escapar do vírus, testei positivo para Covid-19 hoje (16). Permanecerei em isolamento, em casa, cumprindo agenda virtual de trabalho. Estou bem, com sintomas leves, com medicamentos sintomáticos. Essa doença é muito seria!”, escreveu o secretário.

Investimentos do Governo em estradas baianas integram sudoeste e Chapada Diamantina

/ Bahia

Reivindicação das populações dos municípios cortados pelos seus 240 quilômetros, as obras de recuperação da BA-142 avançam enquanto outras intervenções articuladas redesenham a malha viária de uma região em franco desenvolvimento. A agricultura familiar e, sobretudo, o turismo direcionado às principais atrações da porção sul da Chapada Diamantina ganham novo impulso com a perspectiva de uma estrada praticamente reconstruída em alguns trechos.

O projeto em execução prevê a retirada do asfalto danificado, encascalhamento e nivelamento (base e sub-base), imprimação e aplicação de asfalto, além de sinalização e implantação de dispositivos de drenagem superficial e de segurança.

A obra faz parte do Programa de Restauração e Manutenção de Rodovias (Premar), e a empresa vencedora do edital será responsável por realizar as ações no trecho durante o período de cinco anos. A via restaurada irá atender 235 mil habitantes nos municípios de Andaraí, Mucugê, Barra da Estiva, Ibicoara, Ituaçu, Tanhaçu, Itaberaba, Iaçu, Marcionílio Souza e Itaetê.

Viagens mais rápidas e seguras vão facilitar o acesso aos serviços de saúde de Vitória da Conquista, referência na área para quase 80 municípios, além de conectar a capital do sudoeste, onde o Governo do Estado construiu o moderno Aeroporto Glauber Rocha, às atrações turísticas da porção sul da Chapada Diamantina.

Sem falar no impulso ao turismo rural que combina as belezas naturais da região cortada pela BA-142 e o interesse dos visitantes pela produção dos melhores cafés da Bahia que fazem sucesso no Brasil, além de morangos, pitaia, amora, framboesa, maracujá amarelo e outros produtos da agricultura familiar.

Daniel Ferreira, gestor da Coopchapada, cooperativa com cerca de 90 associados dos municípios de Mucugê, Boninal, Ibicoara e Barra da Estiva, já comemora. ”A BA-142 é a principal rota de escoamento da produção e a estrada nova vai diminuir o tempo de viagem para Itaberaba, Feira de Santana e Petrolina”, afirma.

Também na região, a restauração dos 142,9 quilômetros da BA-245, que liga Iaçu ao entroncamento da BR-142, passando por Itaetê, está em execução. Os serviços estão sendo realizados na região da serra de Itaetê.

No início do mês, o governador Rui Costa esteve em Piatã para entregar um conjunto de intervenções naquele município e entregou a recuperação de 196 quilômetros de outra importante rodovia estadual na região da Chapada, a BA-148, do entroncamento com a BR-242 até a histórica cidade de Rio de Contas.

Em setembro do ano passado, o governador entregou a recuperação de 58 quilômetros da BA-148, no trecho entre Irecê, na altura da rotatória da BA- 432, até Barra do Mendes, passando pelas cidades de Ibipeba e Ibititá. A obra beneficia cerca de 250 mil habitantes e fortalece o agronegócio, principal atividade econômica da região.

Secretário fala em discutir volta de medidas restritivas contra Covid-19 na Bahia após aumento de casos

/ Bahia

Secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas. Foto: Divulgação

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, afirmou nesta segunda-feira (15) que vai se reunir com o governador Rui Costa ainda esta semana para discutir a possibilidade de retomar medidas restritivas devido ao aumento no número de casos e óbitos provocados pela Covid-19 no estado.

Este domingo (14) foi o terceiro dia seguido com número de mortes diárias acima dos 60, patamar visto na Bahia apenas em agosto do ano passado. Segundo a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), os números da semana demonstram também tendência de crescimento dos quadros clínicos mais graves, o que tem ampliado a taxa de ocupação nas UTIs, que fechou o domingo em 72%.

”Eu vou me reunir com o governador, apresentar os últimos números para definir alguma tomada de decisões. Esta não pode ser decisão minha”, afirmou Fábio, em entrevista ao Bahia Notícias. O prefeito de Salvador, Bruno Reis, também levantou a possibilidade de retomar medidas restritivas na capital ante ao agravamento da pandemia.

DISSEMINAÇÃO DA NOVA CEPA
O secretário disse que ainda não é possível confirmar se o aumento acelerado de casos e óbitos foi ocasionado pela disseminação da variante de Manaus do coronavírus. Segundo o Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA), foram identificados no estado 10 casos da nova linhagem, considerada mais infecciosa.

”Por enquanto, não há evidências de qualquer tipo de surto que possa ser atribuído a uma outra mutação. Estamos fazendo monitoramento contínuo, através de sequenciamento pelo Lacen. O sequenciamento é feito normalmente, em casos suspeitos. Vamos adquirir um novo equipamento de sequenciamento, para aumentar a capacidade de análises”, explicou.

CHEGADA DAS VACINAS

A Bahia deve receber 300 mil doses da Coronavac na próxima semana. O governo federal atrasou o envio da vacina aos estados, previsto para esta quarta-feira (17), por causa da pouca quantidade entregue pelo Instituto Butantan, que produz o imunizante no país.

A expectativa é que o Ministério da Saúde distribua as novas doses a partir do dia 23. Vilas-Boas criticou a lentidão no avanço do cronograma de vacinação e alertou que isso pode favorecer à disseminação de novas cepas do Sars-CoV-2.

”Eles [Ministério da Saúde] disseram que estão recebendo fracionado do Butantan e que vão juntar o pingadinho pra fazer um total de 3,8 milhões de doses pro Brasil”, justificou, segundo nota do site Bahia Notícias.