Aos 56 anos, morre a pastora e cantora Ludmila Ferber, que lutava contra um câncer no pulmão

/ Entretenimento

A pastora Ludmira sempre se mostrou otimista. Foto: Rede socia

A pastora Ludmila Ferber, de 56 anos, morreu nesta quarta-feira (26). A cantora lutava contra um câncer de pulmão, diagnosticado em 2018, que gerou metástase no fígado e nos ossos, e estava internada para um novo tratamento há alguns dias. A informação foi confirmada pela nossa reportagem com amigos próximos.

Ao longo dos tratamentos que fez, a pastora sempre se mostrou otimista, confiante e compartilhou alguns momentos em suas redes sociais. ”Eu me submeti a uma biópsia no pulmão e receber a notícia foi um choque, a vida da gente fica de pernas para o ar. É difícil de explicar. Só entende quem passa por uma situação dessa, seja com você mesmo ou com alguém que você ama demais. Nessa situação você vê que precisa de um milagre sendo operado na sua vida ou na vida de quem você ama”, contou a cantora em 2018.

Os comentários estão fechados.