Bahia registra primeira morte por causa das chuvas; vítima tentava atravessar riacho e foi levada

/ Bahia

Serviços na ponte sobre o Rio Santo Antônio. Foto: Divulgação/Seinfra

A primeira morte por causa da chuvas na Bahia foi registrada nesta segunda-feira (5). A vítima é um idoso de 71 anos que tentava atravessar um riacho e foi levado pela correnteza. O caso aconteceu em Itapicuru, no sul do estado.

Segundo informações do Governo da Bahia, o riacho estava com o nível de água elevado por causa do temporal que atinge a região sul desde o mês de novembro. A cidade já havia ficado alagada em 2016.

De acordo com a Superintendência de Proteção e Defesa Civil (Sudec), até a tarde desta segunda-feira o número era de 546 desabrigados e 13.800 desalojados. O total de atingidos chega a 78.291 pessoas.

Até essa segunda, são 51 municípios afetados pelas chuvas. Desse total, 21 estão com decreto de situação de emergência. São eles: Baixa Grande, Cachoeira, Cardeal da Silva, Cícero Dantas, Eunápolis, Ibicuí, Itabuna, Itambé, Itapé, Nova Viçosa, Olindina, Prado, Ribeira do Pombal, Santa Cruz Cabrália, Teodoro Sampaio, Vereda, Aiquara, Itapicuru, Medeiros Neto, Inhambupe e Itororó.

Municípios afetados

Na lista dos municípios afetados estão: Baixa Grande, Cachoeira, Cardeal da Silva, Cícero Dantas, Eunápolis, Ibicuí, Itabuna, Itambé, Itapé, Nova Viçosa, Olindina, Prado, Ribeira do Pombal, Santa Cruz Cabrália, Teodoro Sampaio, Vereda, Aiquara, Caravelas, Floresta Azul, Ibotirama, Itamaraju, Marcionílio Souza, Medeiros Neto, Wenceslau Guimarães, Catu, Ibicaraí, Itanhém, Itapicuru, Alcobaça, Aurelino Leal, Belo Campo, Cipó, Dário Meira, Gandú, Guaratinga, Inhambupe, Ipiaú, Itapetinga, Itarantim, Itororó, Jitaúna, Juazeiro, Jucuruçu, Maragojipe, Pau Brasil, Santo Antônio de Jesus, São Félix, Sátiro Dias, Itajuípe, Ilhéus e Teixeira de Freitas.

Poções: Ministério Público aciona justiça e representa ao TCM pedindo cancelamento de concurso

/ Bahia

O Ministério Público estadual (MP), por meio do promotor de justiça Ruano Leite, ajuizou uma ação e uma representação perante o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) contra o município de Poções e o Instituto Brasileiro Educar Conquista (Ibec) pedindo, em caráter liminar, a suspensão do concurso público 01/2022.

Voltado ao provimento de vagas e formação de cadastro de reserva no quadro municipal de Poções, o concurso foi elaborado pelo Ibec e, segundo apurou o MP, apresentou diversas irregularidades que resultaram em um dano ao patrimônio público de ”pelo menos R$442.890,00”, afirmou o promotor de justiça.

Na ação, além da anulação e suspensão do concurso, o promotor pede o ressarcimento dos danos, a condenação ao pagamento de danos morais coletivos, a aplicação das sanções previstas na lei anticorrupção e a realização de novo concurso público. Dentre as irregularidades detectadas estão vícios na dispensa de licitação, apropriação ilegal pelo instituto das receitas auferidas com as inscrições e diversas irregularidades na execução das provas ”que comprometeram a seriedade, lisura e segurança do certame”.

As investigações se iniciaram após o MP receber diversas notícias de fato relatando, entre outras irregularidades, entrada de candidatos portando celulares, deslocamentos dos candidatos para o banheiro portando celulares, falta de cadernos de provas impressos suficientes, fotocópia de provas no momento da aplicação, ausência de participação da OAB no certame de procurador e aprovação de candidatos e parentes que supostamente possuem vínculos com a gestão do município.

De acordo com o promotor, o valor recebido pelo Ibec  em decorrência da contratação ”seria suficiente para realizar cinco concursos públicos da mesma natureza, em comparação com o certame realizado pela mesma empresa no município de Brumado no início deste ano”. Com informações do site Bahia Notícias

”Governar é cuidar de gente”; artigo sobre gestão é escrito por Rui Costa, governador da Bahia

/ Artigos

Rui escreve artigo prestes a deixar o governo. Foto: Rede social

A Bahia, mesmo não estando entre as maiores arrecadações do país, contabilizou investimento da ordem dos R$ 22,7 bilhões, entre janeiro de 2015 e agosto de 2022. Em todos estes anos o estado se manteve em segundo lugar no ranking nacional, atrás apenas de São Paulo entre os que mais investem. O resultado foi obtido mesmo enfrentando situações desfavoráveis como as sucessivas crises da economia brasileira, o período de pandemia da Covid-19 e demandas emergenciais devido aos estragos causados pelas fortes chuvas entre 2021 e 2022. Em grande parte, os resultados expressivos se devem ao conjunto de práticas de gestão que executamos nos últimos anos.

Concebido em 2015 para assegurar a plena operacionalização do serviço público estadual e sua capacidade de maximizar os recursos disponíveis, o Modelo Bahia de Gestão tem entre seus fundamentos a modernização da máquina pública, a cidadania fiscal, a qualidade do gasto e a realização de investimentos. Os resultados são apresentados em números. A Bahia contabilizou economia real de R$ 9 bilhões entre 2015 e 2021 nas despesas de custeio, o que nos permitiu destinar mais recursos para demandas da sociedade, com entregas de obras e ações voltadas para o desenvolvimento econômico e social, priorizando áreas como saúde, educação e segurança.

Não acredito em modelo administrativo que não priorize as pessoas. Governar é cuidar de gente, é trabalhar para transformar a realidade do nosso povo e dar mais qualidade de vida para os baianos. Aplicamos este modelo de gestão, otimizamos o funcionamento da máquina pública, mas o objetivo maior sempre esteve em reverter os recursos economizados em melhorias que estão espalhadas por toda a Bahia.

O maior desafio do Modelo Bahia de Gestão foi proporcionar, simultaneamente, equilíbrio das contas e capacidade de investir. Logo no começo da gestão, deixamos claro que o equilíbrio fiscal era algo importante, que deveria ser mantido sem dúvida nenhuma. A partir dessa determinação nós nos debruçamos em organizar uma forma de obter um governo que ao mesmo tempo assegurasse o equilíbrio das contas públicas e pudesse aumentar os investimentos. Temos aperfeiçoado este modelo, que se consagrou como vitorioso, e nós temos muito orgulho do resultado que ele produziu.

A segurança fiscal, o ambiente institucional equilibrado e a mão de obra qualificada tornaram a Bahia atrativa para os investimentos privados. Desde que assumi o governo, foram implantados no estado 439 empreendimentos, que resultaram no investimento de cerca de R$ 52 bilhões e na geração de quase 65 mil empregos. O estado conta ainda com 327 empreendimentos incentivados em implantação, prevendo um investimento de quase R$ 108 bilhões e a criação de aproximadamente 26 mil vagas de emprego.

Com muito trabalho mantivemos a Bahia nos rumos do crescimento e preparada para avançar. A Bahia vai continuar crescendo e agora em ritmo ainda mais acelerado, a partir da parceria com o governo federal eleito. 2023, não tenho dúvida, será o início de uma fase que trará ainda mais desenvolvimento, crescimento e realização dos sonhos dos mais de 15 milhões de baianos e baianas.

*por Rui Costa

Bahia registra 3.297 casos de Covid-19 e mais 2 óbitos, diz boletim epidemiológico da SESAB

/ Saúde

Na Bahia, nas últimas 72 horas, foram registrados 3.297 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,19%), 3.684 recuperados (+0,22%) e 2 óbitos. Dos 1.727.338 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.688.765 já são considerados recuperados, 7.694 encontram-se ativos e 30.879 tiveram óbito confirmado. Os dados ainda podem sofrer alterações.

O boletim epidemiológico desta segunda-feira (5) contabiliza ainda 2.061.426 casos descartados e 364.409 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta segunda-feira. Na Bahia, 69.905 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento a Bahia contabiliza 11.711.603 pessoas vacinadas com a primeira dose, 10.874.536 com a segunda dose ou dose única, 7.573.515 com a dose de reforço e 2.747.554 com o segundo reforço. Do público de 5 a 11 anos, 1.074.642 crianças já foram imunizadas com a primeira dose e 742.851 já tomaram também a segunda dose. Do grupo de 3 a 4 anos, 66.640 tomaram a primeira dose e 26.814 já tomaram a segunda dose. Do grupo de 6 meses a 2 anos, 1.469 tomaram a primeira dose.

Um, dois, três, quatro! Brasil passeia contra a Coreia e enfrentará Croácia nas quartas da Copa

/ Esporte

Seleção venceu a Coreia do Sul por 4 a 1. Foto: Reprodução/CBF

Um, dois, três, quatro. A exibição que se esperava do Brasil desde o início da Copa do Mundo finalmente veio. Com gols de Vinicius Júnior, Neymar, Richarlison e Lucas Paquetá, a Seleção venceu a Coreia do Sul por 4 a 1 e avançou para as quartas de final da Copa do Mundo, fase em que enfrentará a Croácia. O gol dos asiáticos foi marcado por Seung-Ho Paik.

A partida, que aconteceu no estádio 974, em Doha, foi a quarta do Brasil na Copa do Mundo, e marcou a estreia do goleiro Weverton. Único que ainda não havia entrado em campo, o camisa 12 substituiu Alisson no segundo tempo. Agora, o Brasil tem sete gols marcados e apenas dois sofridos na competição.

O duelo contra a Croácia, pelas quartas de final, será disputado na próxima sexta-feira (9), às 12h, na Cidade da Educação. por Nuno Krause

TJ-BA indefere recurso e mantém nula reeleição de presidente da Câmara de cidade do Oeste

/ Justiça

O presidente da Câmara de Matina, na região do Velho Chico, Oeste baiano, Ademilton de Oliveira Ferreira, o Dega (PL), não conseguiu reverter a sentença que havia invalidado a reeleição dele para o biênio 2023/2024. A negativa foi publicada nesta segunda-feira (5) e partiu do presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Nilson Castelo Branco.

Com isso fica mantida a decisão da Comarca local. Pelo entendimento em vigor, o presidente da Câmara antecipou a eleição da Casa de forma irregular ao alterar o regimento interno de forma repentina. A eleição da mesa-diretora ocorreu no dia 24 de outubro, e o regimento foi aprovado uma semana antes, no dia 17 de outubro. Além da chapa de Dega, que foi reeleito na ocasião, outra chapa foi inscrita no processo.

A suspensão do pleito ocorreu após ação movida por três vereadores que não participaram daquela sessão, mas estavam com os nomes inscritos na chapa 2: Merivaldo Cardoso Santana, o “Doutor Merivaldo”; Valdevino Menez Costa, o Valu; e Valmir Prudenciano do Carmo, o Nenem de Passo, todos três também do PL de Dega.

Dos nove vereadores de Matina, cidade com 12,3 mil moradores, cinco são do PL, da prefeita Olga; e quatro do PP, legenda do candidato derrotado para prefeito Otílio Fernandes. Com informações do site Bahia Notícias

 

Bruno Reis é a bola da vez da oposição, apesar do protagonismo de ACM Neto, derrotado em outubro

/ Política

Bruno Reis é a bola da vez da oposição na Bahia. Foto: Reprodução

Após a derrota nas urnas, a oposição ao PT na Bahia deve passar por um processo de reorganização. A figura do ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (União), continua sendo central nesse processo, embora ele tenha se frustrado ao final dos dois turnos da eleição 2022. E o atual gestor da capital baiana, Bruno Reis (União), terá que arregaçar as mangas, retornar à articulação e evitar que haja uma dispersão grande do grupo. Por isso tanta atenção para a eventual reforma administrativa a ser realizada no Palácio Thomé de Souza.

Até o primeiro turno, quando ACM Neto ainda tinha uma perspectiva de vitória, as contas eram sobre como acomodar os aliados no virtual governo dele no âmbito estadual. Após a primeira abertura das urnas, o pêndulo mudou favoravelmente para Jerônimo Rodrigues (PT), mas, ainda assim, o oposicionista manteve ascendência sobre partidos e figuras políticas. Ali existia a possibilidade – mesmo que remota – de chegar ao poder e redistribuir os espaços. O segundo turno enterrou de vez as chances.

Então, todos aqueles que estiveram no entorno desse grupo político vão demandar por acomodação. A lista não é pequena e inclui desde o próprio ACM Neto até Cacá Leão (PP), candidato derrotado ao Senado. As chances do ex-prefeito chegar a uma secretaria municipal são praticamente nulas, mas a hipótese de alocar Cacá não estaria descartada. Mas esses são os nomes de grife. O desafio é arrumar espaço para outros, aqueles que muitas vezes não aparecem à frente dos holofotes.

Para a ”sorte” de Bruno Reis, a debandada de MDB e de partes do PSC e do Cidadania diminuiu a disputa por essas vagas ”menores”. Abriu espaço para a chegada do PL, de João Roma, que, por enquanto, se pinta como uma via alternativa à dicotomia entre o PT e o grupo de ACM Neto. O prefeito de Salvador sabe costurar a manutenção e a ampliação das alianças e provou essa capacidade em outros momentos. No entanto, é a primeira vez que Bruno tem que lidar com um padrinho enfraquecido – é do gestor soteropolitano a caneta mais potente sob o comando desse agrupamento.

As negociações serão intensificadas ao final da primeira metade da gestão dele e vão antecipar o debate sobre a reeleição em Salvador, natural para uma quem senta na cadeira. Desde que chegou à prefeitura, Bruno não vive na sombra de ACM Neto, apesar da oposição insistir nessa tese – e até consegue emplacar esse viés, como foi possível ver durante a campanha eleitoral. O prefeito terá que ser hábil o suficiente para se desvencilhar das eventuais armadilhas que vão jogar para tentá-lo contra ACM Neto e com uma eventual soberba de ser o maior nome oposicionista.

Bruno Reis é a bola da vez da oposição. Mas não dá para descartar os 47% dos votos que ACM Neto teve na corrida pelo governo da Bahia. *por Fernando Duarte / Bahia Notícias

Canavieiras: TRE-BA aceita recurso e mantém prefeito que havia sido cassado por abuso de poder

/ Justiça

O prefeito de Canavieiras, no Sul baiano, Clóvis Roberto Almeida de Souza (Pros), teve um recurso aceito e foi mantido no cargo. A decisão foi tomada em sessão da manhã desta segunda-feira (5) do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA). “Doutor Almeida”, como o político é conhecido, tinha sido cassado por uma decisão de primeira instância sob acusação de abuso de poder econômico (ver aqui) na última eleição em 2020, quando se reelegeu.

Conforme denúncia, o gestor fazia partos no hospital municipal, evitando contratar médicos especializados, e divulgava os procedimentos em redes sociais com o benefício de se promover. Almeida chegou a dizer que tinha feito cerca de mil partos, muito deles de urgência, o que teria sido contestado pela decisão da Justiça local.

O prefeito foi ainda acusado de ter distribuído cestas básicas e realizado pagamentos de contas de água de pessoas carentes do município com a intenção de se manter no cargo de prefeito. Segundo o Políticos do Sul da Bahia, parceiro do Bahia Notícias, a decisão a favor do prefeito foi tomada por unanimidade.

Mais de 50 municípios sofrem com transtornos causados pelas chuvas; 65,5 mil pessoas afetadas

/ Bahia

Subiu para 51 o número de municípios afetados pelas chuvas na Bahia. Além disso, 65.521 pessoas foram afetadas segundo informações da Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec), divulgadas neste domingo (4).

Ainda de acordo com a Sudec, não há registro de desaparecidos e nem de pessoas mortas. Estima-se que 8.803 pessoas estão desalojadas e 495 desabrigadas.

Dos 51 municípios afetados, 16 decretaram situação de emergência: Prado, Baixa Grande, Itabuna, Santa Cruz Cabrália, Cícero Dantas, Ibicuí, Itambé, Nova Viçosa, Vereda, Olindina, Cachoeira, Eunápolis, Cardeal da Silva, Itapé, Ribeira do Pombal e Teodoro Sampaio.

Também neste domingo, o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) distribuiu 80 cestas básicas e 70 pacotes de água e remédios. Os donativos foram entregues nos distritos de Japu, Apout, Vilela, Maria Jape, Campinho, Sambaituba e São Bento, pertencentes a zona rural de Ilhéus.

Em Itajuípe, também no sul da Bahia, os bombeiros resgataram, utilizando embarcação, pessoas que ficaram ilhadas em uma fazenda na zona rural do município. O CBMBA também permanece realizando o monitoramento e prevenção das áreas atingidas pelo alto índice pluviométrico que atinge a Bahia. Com informações do G1

Hassan pretende imprimir agenda pelo aprimoramento das políticas públicas voltadas para a infraestrutura das cidades

/ Política

Hassan Iossef foi eleito deputado estadual. Foto: Divulgação

O fortalecimento dos Territórios Médio Rio das Contas e do Vale do Jiquiriçá, tornando seus municípios com maior representatividade é um dos pontos que vêm sendo defendidos pelo deputado estadual eleito Hassan Iossef. Também é interesse seu buscar a implementação de políticas públicas, visando as ações estruturais que ajudem a população na reestruturação de seus lares, em especial nas cidades mais afetadas pelas chuvas.

Hassan coloca que, ainda que não tenha tomado posse na Assembleia Legislativa da Bahia, já tem levantado sua voz pelo aprimoramento das políticas públicas visando a reestruturação da infraestrutura das cidades que sofrem com inundações a exemplo de Dário Meira e Jiquiriçá, comunidades bastante atingidas em dezembro de 2021 e que voltam a viver momentos de apreensão em virtude das fortes chuvas que se repetem neste fim de ano.

Hassan defende a criação de Comitês de Defesa Civil em todas as cidades, cabendo a eles auxiliar os municípios a montar estratégias preventivas assim como apontar possíveis soluções em torno da recuperação da infraestrutura urbana dos municípios atingidos pelas águas.

Em seu encontros com lideranças e em entrevistas concedidas a emissoras de rádio, o deputado eleito afirma que também pretende focar seu mandato na geração de emprego, a partir do melhor aproveitamento das potencialidades regionais.

Fumantes podem ter mais chances de desenvolver 56 doenças e 22 possíveis causas de morte

/ Saúde

Um estudo indicou que um fumante pode ter mais chances de desenvolver 56 doenças e ter 22 possíveis causas de morte, segundo pesquisa liderada por pesquisadores da Oxford Population Health, Reino Unido, da Universidade de Pequim e da Academia Chinesa de Ciências Médicas publicado na quinta-feira (1º) no periódico The Lancet. Os dados vieram do China Kadoorie Biobank.

A pesquisa analisou 85 causas de morte e 480 doenças diferentes e as enfermidades incluíram câncer de pulmão, estômago e bexiga; diabetes; ataque cardíaco; aneurisma aórtico; pneumonia; úlcera gástrica; e catarata.

No levantamento, 512 mil adultos foram recrutados para o estudo entre 2004 e 2008, em 10 diversas áreas urbanas e rurais da China, e foram acompanhados por cerca de 11 anos. Do total de participantes, 32,4% já fumaram regularmente, e mais homens fumavam com frequência do que mulheres: 74,3 % em comparação com 3,2 %, respectivamente. No período do estudo, mais de 48,8 mil participantes morreram e cerca de 1,14 milhão de novos eventos de doenças ocorreram.

Segundo o dado, o tabagismo foi associado a riscos maiores de 22 causas de morte (17 para homens e nove para mulheres) e 56 doenças (50 para homens e 24 para mulheres). Ante as pessoas que nunca fumaram, os homens que já fumaram regularmente tiveram um risco cerca de 10% maior de desenvolver qualquer doença, variando de 6% maior risco de diabetes a 216% para câncer de laringe. Eles também experimentaram internações hospitalares significativamente mais frequentes e prolongadas, principalmente devido a cânceres e doenças respiratórias.

Ainda de acordo com o dado, homens fumantes regulares e residentes em áreas urbanas tendem a começar a fumar mais cedo e a fumar mais do que os de áreas rurais; eles também tinham maior risco de morte, especialmente aqueles que começaram a fumar com menos de 18 anos.

Dos dados analisados, 19,6% dos homens (24,3% dos homens residentes em áreas urbanas e 16,2% em áreas rurais) e 2,8% das mortes das mulheres foram atribuídas ao fumo regular. Apesar da menor prevalência e intensidade do tabagismo entre as mulheres fumantes, elas apresentavam riscos relativos comparáveis de doenças respiratórias graves, demonstrando uma vulnerabilidade especial aos malefícios do tabaco (em comparação aos homens).

O estudo ainda indicou que as pessoas que pararam de fumar apresentaram níveis de risco semelhantes aos de pessoas que nunca fumaram, cerca de 10 anos após o fim do tabagismo.

 

Sem apuros, Inglaterra despacha Senegal com goleada e pega França nas quartas da Copa

/ Esporte

Se a França mostrou suas credenciais mais cedo para se qualificar às quartas de final, a futura adversária dos atuais campeões não ficou para trás.

Em uma atuação segura, a Inglaterra não teve dificuldades para passar por Senegal pelo placar de 3 a 0, neste domingo (4) no Estádio Al Bayt, pelas oitavas de final da Copa do Mundo do Catar. Os ingleses retornam ao mesmo local para encarar os franceses no próximo sábado (10), às 16h (horário de Brasília).

O destaque na classificação ficou por conta das belas atuações do jovem Jude Bellingham, de apenas 19 anos e que participou dos dois primeiros gols, e de Harry Kane, artilheiro da Copa da Rússia há quatro anos e que finalmente desencantou marcando pela primeira vez no Catar. Da Agência Brasil