Casal morre após caminhão capotar na BR-101, trecho do recôncavo baiano

/ Trânsito

Caminhão não transportava carga no momento. Foto: Site Bahia10

Um casal morreu após o capotamento de um caminhão ocorrido nesta terça-feira (14), na BR-101, no Recôncavo baiano.  O acidente aconteceu no trecho do município de Muritiba.

Segundo a Polícia Militar, o veículo não transportava carga no momento do acidente e a suspeita é de que ele tenha perdido o controle da direção ao trafegar por uma curva da rodovia.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência esteve no local, mas as vítimas, um homem e uma mulher de identidade não revelada, já estavam sem sinais vitais.

Peritos da Polícia Técnica estiveram no local e providenciaram o encaminhamento do corpo ao Instituto Médico Legal de Santo Antônio de Jesus.

Lafaiete Coutinho: Deslizamento de barranco parou o trânsito na manhã de hoje na BA-555

/ Trânsito

Trânsito foi interrompido e já liberado na BA-555. Foto: Divulgação

O deslizamento de um barranco provocou a interdição da Rodovia BA-555, estrada que liga a BR-116 ao município de Lafaiete Coutinho.

Segundo o prefeito João Freitas, a região recebe chuvas desde o final da última semana, o que causou o deslizamento, projetando grandes pedras para a estrada, que teve o trânsito interrompido por cerca de 02 horas ”Aconteceu por volta das 05h e as 08h a pista já estava liberada”, disse o prefeito ao Blog Marcos Frahm.

Uma equipe da Infraestrutura da Prefeitura de Lafaiete esteve no local para fazer a remoção de pedras e terras.

Prefeitura de Planaltino decide fechar via de acesso ao município após caso suspeito de Covid-19

Trecho da Rodovia BA-026 foi bloqueado. Foto: Divulgação

A prefeitura de Planaltino, no Vale do Jiquiriçá, fechou uma das vias de acesso ao município nesta segunda-feira (13), utilizando pedras para interditar a rua. Segundo a prefeitura, a medida visa controlar melhor o acesso de pessoas vindas de outros municípios, facilitando o trabalho da vigilância sanitária no combate ao novo coronavírus.

”É uma medida de segurança, para fazer um controle mais efetivo das pessoas que entram no município. Estávamos com duas barreiras sanitárias e decidimos facilitar o trabalho, utilizando apenas uma”, explicou Eduardo Velame, secretário de Administração e Finanças de Planaltino, em entrevista ao site Bahia Notícias.

A decisão da prefeitura ocorre após um caso suspeito de Covid-19 no município ter sido internado no Hospital Prado Valadares, em Jequié. Segundo o secretário, a pessoa, um adolescente de 17 anos, apresenta ”sintomas característicos” da doença, mas ainda não foi emitido boletim do hospital confirmando a contaminação pelo novo coronavírus.

Velame ainda informou que Planaltino não possui nenhum outro caso suspeito da Covid-19, mas que moradores vindo de outros estados estão em observação. ”Estamos monitorando algumas pessoas vindas de São Paulo, que estão voltando à cidade natal por medo da doença. Elas estão orientadas a ficar em isolamento domiciliar e estamos observando”, completou.

Educação: Governo prorroga prazo para 30 de junho renovação de contratos do Fies

/ Educação

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) prorrogou para 30 de junho o prazo para a renovação semestral dos contratos de financiamento concedidos pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) do 1º semestre de 2020. Os aditamentos dos contratos deverão ser feitos pelo sistema SisFies.

A Portaria nº 240/2020  que prorroga o prazo foi publicada hoje (14) no Diário Oficial da União. A medida vale para contratos simplificados e não simplificados.

No caso de aditamento não simplificado, quando há alteração nas cláusulas do contrato, como mudança de fiador, por exemplo, o aluno precisa levar a documentação comprobatória ao banco para finalizar a renovação. Já nos aditamentos simplificados, a renovação é formalizada a partir da validação do estudante no sistema.

Os contratos do Fies devem ser renovados semestralmente. O pedido de aditamento é feito inicialmente pelas instituições de ensino e, em seguida, os estudantes devem validar as informações inseridas pelas faculdades no SisFies. Inicialmente, o prazo seria até 30 de abril, para contratos assinados até dezembro de 2017. Os contratos do Novo Fies, firmados a partir de 2018, têm prazos definidos pela Caixa Econômica Federal.

O dia 30 de junho também é a data limite para a realização de transferência integral de curso ou de instituição de ensino e de solicitação de aumento do prazo de utilização do financiamento, referente ao primeiro semestre deste ano.

O Fies é o programa de financiamento estudantil em instituições privadas de ensino superior. Hoje, ele está dividido em duas modalidades: o Fies a juro zero para quem tem renda familiar de até três salários mínimos por pessoa e o P-Fies para aqueles com renda familiar per capita de até cinco salários mínimos, com juros que variam de acordo com o banco e a instituição de ensino. Essa última modalidade funciona com recursos dos fundos constitucionais e dos bancos privados participantes.

Túlio Gadelha, namorado de Fátima Bernardes, perde a tia para o novo coronavírus

/ Brasil

Túlio Gadelha noticiou a morte pela rede social. Foto: Reprodução

O deputado federal por Pernambuco, Túlio Gadelha (PDT), namorado de Fátima Bernandes, lamentou nas redes sociais a morte de uma tia, vítima da Covid-19.

Em seu perfil no Instagram, advogado alertou os seguidores sobre a gravidade do coronavírus e falou sobre as qualidades da parente.

”Hoje faleceu nossa querida Tia Lenira, vítima da Covid-19. Uma das pessoas mais saudáveis, ativas e divertidas que eu conhecia. Gente, precisamos nos cuidar, não é uma gripezinha. Descanse em paz, tia”, escreveu.

Mãe do senador Jaques Wagner, Dona Paulina morre no Rio de Janeiro, aos 96 anos

/ Política

Wagner viaja para o sepultamento da mãe. Foto: Alessandro Dantas

A mãe do senador Jaques Wagner (PT-BA), Cyda Perla Wagner, morreu na madrugada desta terça-feira (14), no Rio de Janeiro, informou a assessoria do parlamentar. Conhecida como Dona Paulina, ela tinha 96 anos e teve complicações decorrentes de uma insuficiência renal.

No Twitter, o presidente do PT da Bahia, Éden Valadares, lamentou o ocorrido: ”Senador @jaqueswagner, receba da direção do @ptbahia , parlamentares, prefeitos, filiados e militantes nosso sentimento de pesar pelo falecimento de sua mãe, Cypa Perla Wagner, a Dona Paulina. Lamentamos sua perda e nos solidarizamos com a dor da sua família. Recebam nossa abraço”.

Assembleia convoca sessão extraordinária para votar vale-alimentação estudantil e pedidos de calamidade

/ Bahia

Nelson Leal convoca sessão extraordinária. Foto: Divulgação

A Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA)  volta a se reunir extraordinariamente, de forma online, nesta terça-feira (14), a partir das 14h30, para votar o projeto de lei que beneficia cerca de 800 mil estudantes de escolas públicas estaduais com famílias cadastradas no programa Bolsa Família.

Através do projeto Vale Alimentação Estudantil, esse grupo carente receberá auxílio em dinheiro para compensar a suspensão da merenda escolar enquanto durar a quarentena. O custo estimado para os cofres públicos é de R$44 milhões.

O presidente Nelson Leal destacou a rapidez que marca as votações de matérias relacionadas com o combate ao Covid-19, que é inédita. ”Esse projeto será votado menos de 24 horas após a sua chegada ao Parlamento. É um fato único que demonstra a maturidade do conjunto dos deputados estaduais, que colocou em plano secundário questões partidárias ou ideológicas”.

O projeto que cria o Vale Alimentação Estudantil será votado em regime de urgência com dispensa de formalidades regimentais e preenche a lacuna que o fechamento das escolas trouxe para as famílias mais pobres, ”pois esses estudantes ficaram privados da alimentação fornecida diariamente. O uso do cadastro do programa Bolsa Família, além de agilizar os procedimentos, evitará aglomerações que seriam inevitáveis caso a opção fosse pela distribuição de cestas básicas – que teriam de ser compradas”, completou ele.

O projeto que será apreciado nesta terça autoriza o governo a contratar a Caixa Econômica Federal (CEF) e o Banco do Brasil (BB) como agentes financeiros para operacionalização do projeto. As despesas do Vale Alimentação Estudantil correrão por conta do Fundo Estadual Erradicação da Pobreza (Funcep).

PAUTA

Na convocação que mandou publicar no Caderno do Legislativo estão ainda mensagens de municípios solicitando decretação do ”estado de calamidade pública e um requerimento de urgência para a tramitação do projeto que fixa em dez salários mínimos para as chamadas ‘pequenas obrigações” – pagamentos que o Tesouro fará integralmente em até 90 dias após decisão judicial final. Essa matéria será apreciada pela manhã em reunião conjunta das comissões técnicas, mas a votação vespertina determinou o cancelamento desse encontro virtual.

Para o deputado Nelson Leal, ”todos na Assembleia estão focados em apreciar projetos voltados para combater o avanço da pandemia e reduzir os seus efeitos perversos sobre nossa gente, como é o caso dessa matéria de elevado alcance social, pois fará chegar recursos à mesa dos segmentos mais vulneráveis da nossa população em plena emergência de consequências médico-hospitalares, sanitárias e econômicas ainda desconhecidas”.

O Legislativo continua com acesso vedado ao público externo. A entrada é permitida apenas aos servidores essenciais à realização dos trabalhos. Portanto, as reuniões da Mesa Diretora e das comissões técnicas só poderão ser acompanhadas através da TV ALBA, no canal aberto 61.2, da SKY 361.2, ou no canal 16 da NET – que também fornecerá imagens para o uso das emissoras de TV. Informações adicionais e fotografias serão distribuídas pela Assessoria de Comunicação Social (Ascom).

Coronavírus provoca inflamação no coração

/ Artigos

O novo coronavírus (Covid-19) pode levar danos ao coração, gerando complicações como infartos, miocardites, insuficiência cardíaca, isquemia e tromboses, condições que podem agravar ainda mais o quadro clínico dos pacientes.

A conclusão foi feita pela Sociedade de Cardiologia, que monta registro nacional de complicações cardíacas e tem observado, por meio de estudos, que a maioria dos casos confirmados de Covid-19 e das mortes pela doença ocorrem em portadores de hipertensão, insuficiência cardíaca e arritmias.

Mas alguns relatos já mostram que, em menor número, mesmo doentes sem essas condições crônicas prévias podem ser afetados. ”O paciente tem o infarto e, quando você vai olhar, a coronária é normal. O infarto é secundário à inflamação”, afirma a cardiologista Ludhmila Hajjar, médica e professora do InCor (Instituto do Coração) de São Paulo.

Segundo ela, o dano mais comum ocorre no músculo cardíaco e nos vasos sanguíneos como resultado da própria inflamação provocada pela Covid-19. ”Da mesma forma que ela causa pneumonia, a doença também gera inflamação no coração ou em qualquer artéria do coração e aumenta a suscetibilidade à arritmias e a problemas no músculo e nos vasos”, afirmou.

Em pacientes internados em UTI com pneumonia por coronavírus, alguns estudos mostram que há dano no miocárdio em 7,2% dos pacientes, choque em 8,7%, arritmia em 16,7% e insuficiência cardíaca em 23%.

A cardiologista Gláucia Moraes de Oliveira, da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), explicou que a inflamação causada pela doença ainda propicia um pior efeito das drogas, como cloroquina e azitromicina associadas, que podem causar arritmias malignas em pacientes cardiopatas.

”A pandemia da Covid-19 desafia os pesquisadores. A forma atual de produção do conhecimento científico, alicerçada na chamada medicina embasada em evidência, foi posta em xeque. Ensaios clínicos randomizados não oferecem respostas a curto prazo e por vezes são onerosos e inconclusivos, sem contar o viés de serem, quase sempre, financiados pela indústria farmacêutica”, avaliou o presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Marcelo Queiroga. As informações são da Folha de S.Paulo.

Covid-19: Plenário da Câmara dos Deputados aprova ajuda a estados e municípios

/ Brasília

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou, por 431 votos a 70, o Projeto de Lei Complementar 149/19, substitutivo do deputado Pedro Paulo (DEM-RJ) ao projeto conhecido como Plano Mansueto, que prevê ajuda financeira da União a estados, Distrito Federal e municípios para o enfrentamento à pandemia de covid-19. O texto segue para apreciação do Senado.

O projeto prevê compensar a queda de arrecadação do Imposto de Circulação, Mercadorias e Serviços (ICMS) e do Imposto sobre Serviços (ISS) de 2020 em relação ao ano passado.

Vários líderes partidários defenderam a retirada do aumento de limite de endividamento dos estados do projeto, e o líder do governo, deputado Vitor Hugo (PSL-GO), afirmou que o governo é contra o texto. Uma das críticas é ter deixado fora do projeto o congelamento de salários dos servidores. Ele também mencionou a negativa de vincular os recursos da recomposição a gastos especificamente voltados para o combate do novo coronavírus.

”O governo quer ajudar os estados e os municípios, mas não desta forma”, disse Vitor Hugo. Ele afirmou ainda que o critério da divisão dos recursos deve levar em conta a contaminação por covid-19.

O líder do Cidadania, deputado Arnaldo Jardim (Cidadania-SP), disse que a votação é importante neste período de crise. ”Tudo o que está sendo votado é temporário e engloba o período da crise. Estamos fazendo tudo para tomar as medidas necessárias agora e, depois, retomar os cuidados com a questão fiscal”, disse Jardim.

O deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) destacou que não é bom permitir novos empréstimos no momento atual. ”É um relatório simples e competente, que lida com o fato de que os estados e municípios terão perda de receitas e aumento das despesas, e não poderão abrir mão das despesas com saúde”, disse.

Contas públicas

O projeto de ajuda aos estados pode gerar impacto nas contas públicas de pelo menos R$ 105 bilhões até R$ 222 bilhões. É o que diz nota técnica divulgada no último sábado (11) pelo Ministério da Economia sobre o substitutivo do Plano Mansueto.

Dentre os R$ 105 bilhões, R$ 9 bilhões são suspensões de dívidas com a Caixa Econômica Federal e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); R$ 55 bilhões decorrem das operações de crédito autorizadas pelo substitutivo; e R$ 41 são transferências para recompor perdas de arrecadação com o ICMS e o ISS.

*Com informações da Agência Câmara

BR-330 volta a ser interditada no trecho entre Jequié e Jitaúna, por causa das chuvas

/ Trânsito

Deslizamento de terras foi registrado na rodovia. Foto: Reprodução

Depois de um dia de intenso trabalho para a remoção da terra que desmoronou sob a BR 330, trecho compreendendo as cidades de Jequié e Jitaúna, as atividades foram suspensas, temporariamente, no fim da tarde desta segunda-feira (13) e por medidas de precaução, os órgãos responsáveis pelos serviços resolveram interditar a estrada para a passagem de veículos, devendo ser reaberta somente na manhã desta terça.

A decisão foi tomada depois que voltou a chover na região, pois pode ocorrer novos deslizamentos. A BR 330 esteve fechada durante toda a noite anterior pelo mesmo motivo. As informações são do site Jequié e Região

Prefeitos do Vale endurecem regras para conter o coronavírus e adotam toque de recolher

Gestores prorrogam decretos municipais. Fotos: Blog Marcos Frahm

Prefeitos de municípios do Vale do Jiquiriçá decidiram endurecer as regras impostas em seus municípios para conter a disseminação do novo coronavírus, após o surgimento do primeiro caso da doença no território, registrado em Jaguaquara.

Os gestores dos respectivos municípios voltaram a se reunir, nesta segunda-feira (13), com representantes do Ministério Público e Poder Judiciário de Jaguaquara, tendo discutido novas medidas restritivas a serem adotadas nas cidades que integram o Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Vale do Jiquiriçá – Convale.

Os mandatários prorrogaram decretos municipais para exercerem atividades de combate ao coronavírus por mais 08 dias, podendo haver nova prorrogação por igual período.

Os participantes da audiência, que contou ainda com a presença de representantes da CDL e da Vigilância Sanitária Municipal, acataram a sugestão apresentada pelo Comandante da Polícia Militar da região, Capitão Hianderson Cleiton, de toque de recolher nas cidades. Em Jaguaquara, por exemplo, em novo decreto municipal, publicado pela gestão pública local, a circulação de pessoas nas vias está restrita das 20h às 06h.

O decreto também limita o acesso de pessoas a supermercados e exige o uso de máscaras por funcionários dos estabelecimentos que atuam na comercialização de produtos considerados essenciais a população, pois grande parte dos estabelecimentos continuará fechada com a determinação.

Prefeitos decidiram adotar toque de recolher em seus municípios

O prefeito de Jaguaquara, Giuliano Martinelli, disse ter recebido do governador Rui Costa a sugestão de que fossem fechados os estabelecimentos na cidade, depois da confirmação de que uma mulher, moradora do distrito Stela Dubois – Entroncamento de Jaguaquara, localidade margeada pela BR-116, testou positivo para a Covid-19.

Segundo o gestor, a paciente encontra-se em isolamento domiciliar e outras pessoas que mantiveram contato com a mulher, que não teve a idade revelada, passaram a apresentar sinais de que também teriam contraído o vírus, sendo coletado material e encaminhado para exame no Laboratório Central da Bahia.

O promotor de Justiça, Lúcio Meira Mendes, afirmou que o objetivo dos prefeitos era de flexibilizar o comércio, mas que o cenário mudou com o primeiro caso confirmado no território de identidade. ”De oito em oito dias, surgem cenários totalmente diferentes, motivo pelo qual nós não podemos antecipar determinadas medias. Era sabido que hoje estaríamos reunidos com o objetivo de maior flexibilização dos comércios que se encontram fechados, algo que já era planejado pelos prefeitos, mas surgiu um caso positivado no município, o que fez mudar completamente o cenário”, justificou o promotor, tendo ressaltado que a atuação do MP e Judiciário nesse momento é com recomendações.

A juíza Andrea Padilha Sodré Leal Palmarella também participou do encontro, destacando a importância do isolamento social, citando como exemplo para o estímulo a prevenção a curva ascendente no número de casos em Ipiaú, município do Médio Rio de Contas, que não está distante do Vale. *Nota original do Blog Marcos Frahm

Secretaria lança conteúdos virtuais do Programa Universidade para Todos voltados para o Enem

/ Educação

A Secretaria da Educação do Estado lançou, nesta segunda-feira (13), o projeto Universidade para Todos (UPT) Estude em Casa. O objetivo é estimular e motivar a preparação dos estudantes beneficiários do UPT para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e para os vestibulares, neste período de isolamento social, por causa do combate ao coronavírus.

O UPT é realizado em parceria com as quatro universidades estaduais (Uneb, Uefs, Uesc e Uesb) e faz parte da política de acesso ao Ensino Superior. Com o UPT Estude em Casa, os estudantes terão ainda mais conteúdos agregados aos já existentes no Portal da Educação, dentro da  Plataforma Anísio Teixeira.

Durante live no canal do Youtube da Educação Bahia, o subsecretário da Educação, Danilo Souza, que representou o secretário Jerônimo Rodrigues, explicou da dinâmica desenvolvida pela secretaria. ”O importante é que não percamos tempo e possamos disponibilizar todo o material que possa ser utilizado pelos estudantes neste momento de isolamento social, apresentando alternativas para o aprendizado, em um projeto que alcança jovens de comunidades quilombolas, indígenas, ribeirinhas, entre outros”, enfatizou.

O reitor da Universidade do Sudoeste da Bahia (Uesb) e presidente do Fórum dos Reitores das Universidades Estaduais Baianas, Luiz Otávio de Magalhães, destacou a importância social do UPT. ”As universidades têm a convicção de que é um projeto altamente exitoso e participamos com muito prazer. Uma das marcas do ensino das universidades públicas é a estratégia de emancipação social, visando combater um problema estrutural que é a desigualdade”, disse.

O coordenador executivo de Projetos Estratégicos da secretaria, Marcius Gomes, ressaltou a importância do projeto UPT Estude em Casa. ”Esta é mais uma oportunidade de aprendizado com o objetivo de diminuir o impacto desta paralisação na rotina escolar. Estamos desenvolvendo uma grande rede de aprendizagem, dando ao estudante a chance de buscar conteúdos e informações necessárias à sua  formação, melhorando o seu conhecimento”.

Jovem e namorada são presos pela Polícia Militar com droga acondicionada em pousada

/ Jaguaquara

A Polícia Militar de Jaguaquara deteve um jovem suspeito de envolvimento com o tráfico de entorpecente na cidade.

Conforme nota da PM, ”a guarnição em ronda no bairro Popular se deparou com um indivíduo contumaz na prática do crime de tráfico de drogas, que ao avistar a viatura tentou se livrar de uma porção de entorpecente, jogando-a ao chão”, tentando se livrar dos militares, mas capturado e conduzido pela polícia.

Ainda segundo a nota, o suspeito, ao ser questionado sobre a origem do material informou a existência de mais drogas em um quarto de uma pousada do mesmo bairro, onde também estava hospedada sua namorada.

Todos os envolvidos, além do material apreendido foram apresentados à Autoridade Policial para adoção das medidas cabíveis.

Prefeitura de Jaguaquara adota toque de recolher como forma de prevenção ao novo coronavírus

/ Jaguaquara

Jaguaquara registra chuva fina e tempo frio. Foto: Blog Marcos Frahm

A Prefeitura de Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá, único município do Vale a registrar caso do novo coronavírus confirmado até esta segunda-feira (1), adotou o toque de recolher como forma de prevenção a doença. Em novo decreto municipal, publicado pela gestão pública local, a circulação de pessoas nas vias está restrita das 20h às 06h.

Fora deste horário, está permitido o trânsito apenas em casos específicos, como se dirigir a estabelecimentos permitidos ou a unidades de saúde. A Polícia Militar, através da 3ª Cia, passou a circular para fazer cumprir o decreto municipal que impõe novas regras da cidade.

A medida foi sugerida pelo Comandante da PM, Hianderson Cleiton, durante reunião nesta segunda-feira entre prefeitos da região e representantes do Poder Judiciário e Ministério Público, que decidiram por acatar a idéia do oficial militar. ”As pessoas precisam cumprir o isolamento social. É para o bem de todos e evitando a circulação injustificada estamos também contendo a disseminação do vírus, que poder contaminar muita gente e trazer resultados trágicos”.