Itamari aparece na lista de municípios com Covid-19; prefeita diz desconhecer caso na cidade

Prefeita Paloma esclarece sobre caso de Covid-19. Foto: Divulgação

Itamari, no Médio Rio de Contas, apareceu, nesta segunda-feira (20), na lista de municípios baianos com casos confirmados de Covid-19. Seria o primeiro caso da doença no município. Contudo, a prefeita Paloma Uzeda usou as redes sociais para esclarecer sobre o assunto, tendo feito live no Facebook, nesta noite, para alertar a população local.

A gestora diz desconhecer a pessoa infectada e acredita em caso importado de coronavírus. Paloma informou que a Secretaria Municipal de Saúde não notificou a Sesab sobre caso na cidade. ”Itamari tem um caso, uma pessoa que contraiu o coronavírus. O caso não partiu daqui, a pessoa é natural de Itamari, mas provavelmente não residente no município. Estamos tomando as providências para localizar essa pessoa. Não foi feita nenhuma solicitação de teste por parte da secretaria de saúde ou a vigilância sanitária.  O município não notificou a secretaria do estado. Mas isso serve como alerta para informar que não estamos em imunes a esse vírus que é inservível. Eu acredito muito mais na força da consciência, do ficar em casa”, disse a prefeita.

Na live, Paloma informou ainda que decretos com medidas restritivas para conter a disseminação do novo coronavírus foram publicados pela Prefeitura e que a sua equipe agora tenta localizar e pessoa que contraiu o vírus. *Nota original do Blog Marcos Frahm

Cravolândia confirma o segundo caso de coronavírus na cidade; adolescente testou positivo

O município de Cravolânia, no Vale do Jiquiriçá, registrou, nesta segunda-feira (20), a ocorrência do segundo caso positivo de coronavírus.  A Prefeitura, através de arte gráfica publicada em rede social, divulgou o aumento de casos.

A nova vítima, segundo informações, é um adolescente, de 16 anos, morador da cidade, que estou positivo para Covid-19 após apresentar os sintomas. Ainda conforme informações, não foi necessária a sua internação hospitalar e o jovem encontra-se em isolamento domiciliar.

A suspeita é de que o adolescente teve contato com pessoas próximas de um comerciante da cidade, que também foi infectado e está em quarentena.

Os casos foram anunciados depois da confirmação do Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN), em Salvador, para onde a Secretaria Municipal de Saúde teria encaminhado material coletados dos pacientes. Casos suspeitos ainda aguardam resultado em Cravolândia.

Jequié confirma a ocorrência de mais 02 casos de Covid-19, chegando a 21 casos no município

/ Jequié

Homens da Prefeitura desinfetam ruas em Jequié. Foto: Divulgação

A Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Saúde, informou, nesta segunda-feira (20), a ocorrência de mais dois casos de coronavírus no município.

Estes são os dados atualizados referentes ao Boletim Epidemiológico do Coronavírus, em Jequié, que registrou, até às 19h, 21 casos confirmados. Os últimos dois casos foram anunciados hoje, detectados via testes rápidos, e aguardam a contraprova do Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN), em Salvador:

– 133 casos suspeitos (pessoas que apresentaram sinais e sintomas de síndrome gripal e foram notificados para Covid-19);

– 21 caso confirmados (pessoas que testaram positivo para Covid-19, sendo que os dois novos), destes 2 casos foi recuperado;

– 65 casos descartados (pessoas que testaram negativo para Covid-19;

– 15 casos aguardando resultado (pessoas que realizaram o exame e aguardam o resultado);

– 32 casos aguardando coleta (pessoas que apresentaram sinais e sintomas de síndrome gripal, foram notificadas para Covid-19, e aguardam coleta);

– 302 casos em quarentena (pessoas que apresentam sinais e sintomas respiratórios/contatos com casos suspeitos e confirmados de covid-19/casos confirmados de covid-19).

A Secretaria Municipal de Saúde orienta as pessoas, sobretudo ao público jovem, que evitem aglomerações, mesmo entre amigos e conhecidos que, nos últimos dias, têm se reunido nas próprias residências para acompanhar a transmissão de shows via internet. Esse tipo de encontro também é um canal de disseminação do vírus entre a população, por conta da existência de casos assintomáticos da doença.

A pessoa que tiver dúvida sobre a doença ou apresentar os sintomas do coronavírus, devem acionar o Disque Covid Jequié, através dos telefones (73) 98866 2779 ou (73) 98866 2164.

Grupo de amigos distribui máscaras e cestas básicas em Ipiaú, município com vários casos de Covid

Um grupo de amigos se juntou em um ato de solidariedade e conseguiu adquirir mantimentos e máscaras para pessoas mais necessitadas nesse momento de crise, em Ipiaú.

Foram distribuídas 120 cestas básicas e 200 máscaras na cidade. Apesar de estarem separados em função de um isolamento, as pessoas têm se unido em atos de solidariedade. ”A solidariedade é essencial neste momento, muito importante para que as pessoas se sintam amadas e acolhidas.Colocar em prática a percepção e estender a mão ao próximo constituem pequenos atos que são de grande valia para quem os recebe. O prazer de sempre fazer o bem é maior do que o de recebê-lo”, comentou Matheus Menezes. As informações são do Giro em Ipiaú

Boletim epidemiológico: Estado da Bahia já tem 1.377 confirmações de Covid-19

/ Bahia

A Bahia registra 1.377 casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19), o que representa 13,18% do total de casos notificados. Até o momento, 5.357 casos foram descartados e houve 47 óbitos, registrados nos municípios de Adustina (1); Araci (1); Belmonte (1); Feira de Santana (1); Gongogi (2); Ilhéus (3); Ipiaú (1); Itabuna (1); Itagibá (1); Itapé (1); Itapetinga (1); Juazeiro (1); Lauro de Freitas (5), um dos óbitos era residente no Rio de Janeiro; Salvador (23); Uruçuca (2); Utinga (1); Vitória da Conquista (1). Estes números contabilizam todos os registros de janeiro até as 17 horas desta segunda-feira (20).

O 47º óbito ocorreu no dia 15 de abril. Era uma mulher de 60 com comorbidades que estava internada em um hospital público em Salvador. Ela residia na capital baiana.

Ao todo, 351 pessoas estão recuperadas e 158 encontram-se internadas, sendo 64 em UTI. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

Os casos confirmados ocorreram em 98 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (59,62%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes foram Gongogi (701,46), Uruçuca (633,56), Barra do Rocha (525,03), Itapebi (487,38) e Ilhéus (486,67).

A mediana de idade foi 39 anos, variando de 4 dias a 97 anos. A faixa etária mais acometida foi a de 30 a 39 anos, representando 29,80% do total. O coeficiente de incidência por 1.000.000 habitantes foi maior na faixa etária de 80 anos e mais (250,72/ 1.000.000 habitantes), indicando que o risco de adoecer foi maior nesta faixa seguida de 30 a 39 anos (170,44/ 1.000.000 habitantes).

Caixa Econômica Federal antecipa pagamento da segunda parcela de auxílio emergencial

/ Economia

Na quinta-feira (23), trabalhadores informais e pessoas inscritas no Cadastro Único de Programas Sociais do governo federal (CadÚnico) nascidas em janeiro e fevereiro receberão a segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras). A antecipação foi anunciada há pouco pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães.

Na sexta-feira (24), será a vez de os beneficiários nascidos em março e abril receberem a segunda parcela. No sábado (25), o pagamento será feito aos beneficiários nascidos em maio e junho. Na segunda (27), receberão os nascidos em julho e agosto. Na terça (28), os nascidos em setembro e outubro, e na quarta-feira (29) os nascidos em novembro e dezembro.

Originalmente, o pagamento começaria na próxima segunda-feira (27) para nascidos de janeiro a março. A antecipação não afeta as pessoas inscritas no Bolsa Família, que continuarão a receber no calendário tradicional de pagamento do programa, nos últimos dez dias úteis de abril, de maio e de junho.

Segundo Guimarães, cerca de 5 milhões de brasileiros que ainda não tiveram a primeira parcela liberada receberão o pagamento inicial na quarta-feira (22) e a segunda parcela no dia seguinte.

Aplicativo

O presidente da Caixa anunciou que uma nova atualização do aplicativo Caixa Auxílio Emergencial, liberada hoje (20) para dispositivos móveis do sistema Android e amanhã (21) para o sistema iOS, permitirá que o usuário conteste benefícios negados e refaça o cadastro no aplicativo, com a correção de dados. A atualização do cadastro já está disponível para o aplicativo e o site auxilio.caixa.gov.br, não nas agências bancárias.

Os novos dados serão analisados pela Dataprev, estatal federal de tecnologia, e pelo Ministério da Cidadania, que definirão se o benefício será liberado. A atualização do cadastro, no entanto, não estará liberada quando duas pessoas da mesma família estiverem recebendo o auxílio.

Balanço

Segundo Guimarães, a Caixa já pagou o auxílio emergencial a mais de 24,2 milhões de brasileiros, num total de R$ 16 bilhões. Mais de 10 milhões de contas poupança digitais foram abertas sem custo. “Nesta semana, vamos pagar a 26,3 milhões de brasileiros. Isso é mais que a população da Austrália, que tem 25 milhões de habitantes”, disse.

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, disse que, até o fim da semana, 42 milhões de pessoas deverão estar recebendo o auxílio emergencial. ”Estaremos bancarizando mais de 20 milhões de brasileiros que nunca tiveram conta bancária e dando condições para que o estado brasileiro enxergue aqueles que eram invisíveis e agora são visíveis”, disse. ”Nenhum país fez um movimento deste tamanho com tanta segurança, tanta rapidez e atingindo aqueles que verdadeiramente mais precisam.”

O ministro comentou a suspensão, pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), da liminar que permitia a concessão do benefício a pessoas sem Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) ou com o CPF em situação irregular. Segundo Lorenzoni, o CPF é essencial para evitar fraudes no pagamento do auxílio emergencial.

”É importante lembrar que todo o sistema financeiro brasileiro é estruturado em cima dessa informação [o CPF], e é muito importante que pudéssemos manter a exigência. Só com o CPF, evitamos que mais de 70 mil prisioneiros recebessem o recurso que era direcionado para quem não precisa”, disse Lorenzoni. Da Agência Brasil

Estado inicia pagamento do vale-alimentação de R$ 55 para os 800 mil estudantes

/ Bahia

Distribuição começou em algumas regiões. Foto: Elói Corrêa

O repasse do vale-alimentação no valor de R$ 55 para os 800 mil estudantes da rede estadual de ensino foi iniciado na manhã desta segunda-feira (20), nas unidades da Cesta do Povo e do Assaí instaladas em 22 municípios baianos. Viabilizado pelo Governo do Estado, o vale-alimentação totaliza um investimento de R$ 44 milhões.

Para acelerar o processo, o Governo do Estado assinou um contrato com as duas redes de supermercados, assegurando que 284 mil estudantes tenham acesso imediato ao benefício. O restante do grupo vai receber, diretamente das escolas, cartões com o valor do auxílio.

”Esses 284 mil estudantes representam a cobertura de 22 cidades, em 13 territórios de identidade e cerca de 400 escolas. Iniciamos este processo com muita alegria, porque estamos vendo a concretização da segurança alimentar dos estudantes da rede estadual. Toda nossa equipe está envolvida e atuando em parceria com as duas redes de supermercados para que essas famílias consigam fazer as compras o mais rápido possível”, afirmou o secretário estadual da Educação, Jerônimo Rodrigues.

Lucia Muniz estuda à noite em um colégio estadual em Sussuarana e foi até o Assaí, em Pau da Lima, para confirmar que tem direito ao benefício e fazer as compras. ”Essa ajuda é muito importante. Eu estudo e meu filho também. Já coloquei no carrinho macarrão, café, arroz, frango e ainda quero comprar uma carne e farinha”, listou.

A ambulante Edilene Vitório acessou o Portal da Educação e viu o nome da filha entre os beneficiados. “Fiz tudo como disseram na TV e vim aqui na Cesta do Povo da Ogunjá. Deu tudo certo e essa compra vai me ajudar bastante. Veio em boa hora”, comemorou.

Como funciona

Estudantes ou responsáveis deverão se dirigir ao setor de atendimento ao cliente das lojas. Apenas itens do gênero alimentício, como arroz, feijão, macarrão e açúcar, poderão ser adquiridos com os R$ 55. ”Apesar de serem 39 lojas abertas e bem espalhadas, pedimos aos responsáveis ou alunos, que, se puderem, só reservem a uma pessoa a tarefa de ir ao mercado, que evitem aglomerações e que vão de máscara”, aconselhou Jerônimo.

 

NoPortal da Educação, há uma lista com o nome da escola e para qual rede a pessoa que tem o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) cadastrado na unidade escolar (estudante, pai, mãe ou responsável) deve se dirigir. Em caso de dúvida, o estudante deve ligar para a escola onde estuda ou para o 0800 284 0011.

 

Feira de Santana: lojas com até 200 metros quadrados poderão reabrir nesta terça-feira

/ Bahia

Colbert Martins publica novo decreto em Feira. Foto: Secom

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins (MDB), anunciou que lojas com área de até 200 metros quadrados poderão ser reabertas a partir desta terça-feira (21). O anúncio ocorreu na noite desta segunda-feira (20) após reunião entre Colbert e secretários municipais para debater o assunto. A medida já foi publicada em edição extra do diário oficial do município. A cidade tem 65 casos confirmados de covid-19.

”Após reunião com a equipe de secretários, decidimos por ampliar a flexibilização do decreto municipal, entendendo que neste momento temos um cenário de maior controle da pandemia em nossa cidade. Ficou decidido que a partir de amanhã, serão reabertas lojas com áreas de até 200 m²”, escreveu, em sua conta no Twitter.

Ele ressaltou que as lojas deverão seguir todas as orientações de segurança e frisou que os demais estabelecimentos, assim como instituições de ensino, continuam fechados. ”As lojas deverão adotar todos os protocolos de enfrentamento ao coronavírus. Estaremos analisando os números e se necessário, tomaremos outras medidas restritivas. Setores como shoppings, galerias, instituições de ensino, restaurantes e bares, permanecerão fechados até dia 04/05”, disse.

Relaxar restrições não vai acabar com a pandemia, alerta Organização Mundial da Saúde

/ Saúde

Tedros diz que pandemia vai requerer um esforço contínuo

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, alertou nesta segunda-feira (20) que relaxar medidas restritivas não vai fazer acabar a pandemia do novo coronavírus. Chegar a esse estágio requer esforço por um tempo indeterminado.

”Queremos reforçar que relaxar restrições não é o fim da epidemia em país nenhum. Acabar com a epidemia vai requerer um esforço contínuo por parte de indivíduos, comunidades e governos para continuar a suprimir e controlar o vírus”, disse Ghebreyesus, de acordo com o G1.

Alguns países tem considerado flexibilização do isolamento social e da quarentena. No caso da Alemanha, isso pode acontecer mediante aplicação de testes rápidos que detectam anticorpos para o novo coronavírus.

Os testes ajudam a determinar quem já foi infectado e tem imunidade à doença, o que leva a uma estimativa sobre a extensão do coronavírus em uma população. Ghebreyesus recomenda validação de testes para detectar pessoas contaminadas e que já tenham anticorpos para a Covid-19.

”Dados iniciais de alguns desses estudos sugerem que uma percentagem relativamente pequena da população pode ter sido infectada, mesmo em regiões muito atingidas. Apesar de testes de anticorpos serem importantes para saber quem foi infectado, testes que acham o vírus são uma ferramenta fundamental para achar casos ativamente, diagnóstico, isolamento e tratamento”, observou.

Presidente do STJ restabelece exigência de regularização do CPF para o auxílio emergencial

/ Justiça

Presidente STJ, ministro João Otávio de Noronha. Foto: Reprodução

O presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, acolheu pedido da União e sustou os efeitos da liminar que havia suspendido a exigência de regularização do CPF para o recebimento do auxílio emergencial durante a pandemia do novo coronavírus. O ministro entendeu que ‘a modificação nos critérios para a obtenção do benefício poderia atrasar o processamento de milhões de solicitações e trazer prejuízos graves à economia e à população’.

”Se, em circunstâncias normais, a possibilidade do atraso de 48 horas nas operações referentes ao pagamento de auxílio à população representa intercorrência administrável do ponto de vista da gestão pública, no atual quadro de desaceleração abrupta das atividades comerciais e laborais do setor privado, retardar, ainda que por alguns dias, o recebimento do benefício emergencial acarretará consequências desastrosas à economia nacional e, por conseguinte, à população”, afirmou o ministro.

As informações foram divulgadas pelo Superior Tribunal de Justiça.

A decisão questionada pela União foi deferida pelo juiz federal Ilan Presser, do Tribunal Regional Federal da Primeira Região no último dia 15. O magistrado considerou que a exigência ‘confronta medidas sanitárias impostas para evitar o crescimento acelerado da curva epidêmica da Covid-19, porquanto estimula a aglomeração indevida de pessoas, que pressuriza e coloca em risco a capacidade da saúde pública de dar cobro à demanda que se avizinha’.

A União pediu então ao STJ que suspendesse a liminar, alegando que o cumprimento da decisão ‘demandaria remodelação de plataforma da Dataprev e causaria atraso no pagamento do auxílio para mais de 45 milhões de brasileiros que já tiveram reconhecido seu direito de recebê-lo’.

O governo argumentou ainda que a exigência do CPF regularizado tem o objetivo de evitar fraudes e afirmou que o processo de regularização do documento pode ser feito pela internet, de forma gratuita, no site da Receita Federal – o que afasta o risco de aglomerações.

Ao analisar o caso, João Otávio de Noronha considerou que a readequação do sistema da Dataprev para cumprimento da decisão do TRF1 ‘traria grave lesão à ordem e à economia públicas na medida em que implicaria ‘atraso inevitável no processamento de pedidos futuros de auxílio e na análise daqueles que ainda não foram apreciados, além de adiar o pagamento do benefício para as pessoas que já tiveram seu direito de recebimento reconhecido’.

O presidente do STJ pontou também que a Receita Federal, desde a última sexta, 17, implementou sistema online destinado à regularização do CPF.

Na decisão, Noronha registrou que, de acordo com documentos juntados aos autos, as demandas referentes ao cadastro do CPF em abril totalizam, até o momento, apenas 35% dos atendimentos presenciais realizados pela Receita, com sinalização de queda significativa nos últimos dias.

”Está demonstrada, portanto, a grave lesão à ordem e à economia públicas decorrente da possibilidade de atraso no pagamento do auxílio emergencial instituído para fazer frente aos efeitos devastadores da atual pandemia, tendo sido comprovada nos autos, por outro lado, a adoção das medidas necessárias para evitar a aglomeração de pessoas em postos da Receita Federal do Brasil”, concluiu o ministro ao suspender os efeitos da decisão do TRF1.

Bolsa fica no zero a zero e dólar fecha a R$ 5,30 em dia de recorde negativo do petróleo

/ Economia

O derretimento dos preços do petróleo no cenário internacional, poderia ser mais desastroso do que foi para o mercado brasileiro. No fim desta segunda-feira (20), o dólar, que chegou a se aproximar dos R$ 5,32, fechou em alta de em alta de 1,35%, cotado a R$ 5,30. Já a Bolsa ficou no zero a zero, com queda leve de 0,02% do Ibovespa, a 78,9 mil pontos.

O grande vilão do dia foi o contrato futuro do petróleo WTI para maio, com vencimento nesta terça-feira, 21. Os contratos da commodity despencaram 305,97%, cotado abaixo de zero, a US$ 37,63 negativos em Nova York. É a primeira vez que a commodity é negociada em terreno negativo. De acordo com analistas, a liquidação em massa ocorre para evitar entrega física do barril, em um contexto em que não há espaço para armazenamento.

Os mercados internacionais têm operado em meio a um descompasso entre oferta e demanda de petróleo, já que os cortes de produção anunciados pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep+), cada vez mais, parecem insuficientes para compensar a queda na demanda, decorrência direta da retração da atividade global por conta do novo coronavírus.

A negociação no campo negativo, contudo, foi restrita ao contrato de maio, e, ainda que tenha colaborado para perdas em outros contratos, não se refletiu em cotações abaixo de US$ 0 nos contratos mais líquidos. “Há um pouco de exagero no que estamos vendo hoje”, afirmou ao Estadão/Broadcast Ilan Solot, estrategista do Brown Brothers Harriman (BBH). “Mas isso não afasta a questão de que há uma oferta brutal [da commodity]”, disse Solon. “Realmente é algo inédito, mas muito específico desse vencimento”, completou Marcos de Callis, estrategista da Hieron, à reportagem.

Nesse contexto, os papéis ordinários e preferenciais da Petrobrás fecharam em baixa de 0,90% e 1,12%, respectivamente, queda considerada contida ante o cenário internacional.

O setor de varejo manteve nesta segunda-feira a tendência de alta registrada nos últimos dias e fechou o pregão com avanço de Magazine Luiza ON (+8,72%), Lojas Americanas PN (+5,79%) e B2W ON (+4,63%). Também registraram alta Cia Hering ON (+5,40%), Lojas Renner ON (+4,00%) e Via Varejo ON (+1,70). As companhias têm reagido bem à tendência de abertura gradual da quarentena, que poderá vir a partir de 11 de maio. Estadão Conteúdo

Professor é encontrado morto em Maracás; em mensagem, reclamava de preconceito

Danilo de Oliveira Dias suicidou-se

O professor Danilo de Oliveira Dias, de 29 anos, que atuava na rede estadual de ensino no município de Maracás, onde morava, foi encontrado morto nesta segunda-feira (20). Dam Dias, como era conhecido era homossexual e lecionava no Colégio Estadual Edílson Freire.

Em uma postagem na rede social, ele reclamava de preconceito, dizendo ser vítima por ser negro e gay. ”Sou um rio que poucos querem nadar. O ato de ser negro e gay uma sociedade preconceituosa como Maracás, é um teste de sobrevivência. E ainda dizem que estou fazendo mimimi, vocês têm noção do quanto palavras me afetam? Só me deixam viver minha vida. Passei a vida toda tentando ser o melhor filho, melhor irmão, melhor amigo e de nada adiantou. A sociedade é tóxica. Tenhamos consciência, somos seres humanos e não um bando de animais selvagens”, publicou o professor em sua página no Facebook.

Em outra mensagem ele escreveu: ”Odeio me olhar no espelho e perceber que sou o culpado por tudo aquilo que eu sou…  Para aqueles que tem amigos com ansiedade e depressão, mandem mensagens, fiquem do lado, não é fácil conviver com tudo isso sozinho”, desabafou.

Dam Dias, que foi a óbito por enforcamento dentro de uma casa na Rua Manuel José Raimundo,  teve o corpo encaminhado para o processo de necropsia no Instituto Médico Legal, em Jequié. A polícia fala em ato de suicídio, o que será comprovado através do laudo pericial.

 

Morre primeiro profissional de saúde em decorrência da Covid-19 na Bahia; médico de 55 anos era de lhéus

/ Bahia

Gilmar Calazans tinha histórico de hipertensão. Foto: Reprodução

O médico Gilmar Calazans, de 55 anos, é o primeiro profissional de saúde a morrer em decorrência da Covid-19 na Bahia. Ele residia em Ilhéus e faleceu na manhã desta segunda-feira (20). Ele foi o 46º paciente a morrer pela Covid-19 no estado.

Calazans, que trabalhava na parte de internamento do Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), testou positivo para o novo coronavírus na última quinta-feira (16), quando iniciou o processo de quarentena. Como tinha um histórico de hipertensão desregulada, ele apresentou um agravamento no quadro de saúde e procurou ajuda na unidade onde trabalhava, mas sequer deu tempo de ser regulado.

Em nota, a direção do HRCC, lamentou o falecimento do médico Gilmar Calazans Lima de 55 anos. Segundo a unidade, ele também tinha como fatores de risco obesidade e diabetes. ”Neste momento de dor e consternação, deixamos os nossos mais sinceros pêsames aos familiares e amigos”, finaliza a nota do HRCC.

Ao todo, 157 profissionais de saúde na Bahia foram infectados pelo coronavírus, entre eles médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e outros servidores. Até o início da tarde desta segunda-feira (20), a Bahia havia registrado mais de 1.340 casos confirmados da Covid-19, com 46 mortes em decorrência da doença. Com informações do G1

Família do jovem Álvaro, de Ipiaú, que morreu vítima de coronavírus, divulga mensagem de agradecimentos

/ LUTO

Álvaro Jardim Fernandes faleceu no sábado. Foto: Reprodução

A família de Álvaro Jardim Fernandes, o jovem de 26 anos, que era servidor do Hospital Geral de Ipiaú e morreu vítima de Covid-19 no último sábado, num leito do Hospital Couto Maia, em Salvador, emitiu nota de agradecimento pelas mensagens de condolências.

É com imensurável amor é carinho que venho através desta vós informar que meu irmão Álvaro Jardim Fernandes será sepultado segunda-feira no cemitério Jardim da Saudade, na cidade de Salvador, às 9:00 hs, onde acontecerá o processo de crematório.

Hoje o céu está em festa pois recebeu um anjo, um irmão dócil, amável, sincero e amigo, por onde passava contagiava à todos com seu sorriso espontâneo que sempre mostra meiguice. Nos conforta saber que o pai amado está cuidando de você e que em breve nos encontraremos na sião celestial.

Vai em paz meu irmão que nosso pai amado está te aguardando. Você deixou marcado em nós os melhores momentos que vivemos. Obrigado meu Deus e muito obrigado à Prefeita Maria e sua filha Flávia. Os nossos sinceros agradecimentos para vocês, amigos população ipiauense, cada mensagem está guardada em nossos corações. Vai em paz guerreiro!”. Nota divulgada por Sandra Jardim Fernandes e família