Abertas as inscrições para contratação de médicos para a Policlínica Regional de Jequié

/ Jequié

Policlínica de Jequié fica no Mandacaru. Foto: Blog Marcos Frahm

Estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado visando à contratação temporária de médicos de diversas especialidades para compor o quadro de pessoal da policlínica da região de Jequié. As inscrições podem ser feitas entre os dias 22 e 31 de outubro de 2018, exceto aos sábados, domingos e feriados, para a entrega da documentação exigida, das 8 às 12h e das 13 às 17h, na Avenida Otávio Mangabeira, s/n, Mandacaru, Jequié, pessoalmente ou por procurador legalmente constituído. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, o Processo Seletivo Simplificado visa à contratação por prazo determinado de vagas existentes, sob regime celetista, no quadro de empregos e, de acordo com o Edital, tem prazo de validade de um ano a contar da data da homologação do certame, podendo ser prorrogado por igual período, a critério do Consórcio Público Interfederativo de Saúde da Região de Jequié. Mais informações podem ser obtidas na página do consórcio na internet.

MP-BA aciona supermercados por comercializarem produtos com resíduos de agrotóxicos

/ Agricultura

Nove redes de supermercados em Salvador (Bompreço, GBarbosa, Hiperideal, Perini, Extra, Atacadão, Atakarejo, Rmix e Masani) foram acionadas pelo Ministério Público Estadual da Bahia (MP-BA) por comercializarem produtos com resíduos de agrotóxicos não autorizados ou acima dos limites permitidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Segundo o MP-BA, foram encontrados um total de 11 hortifrútis contaminados nos seguintes estabelecimentos: cebola (na rede Masani, GBarbosa e Extra), pimentão (GBarbosa, Perini, Extra, Bompreço e Atakarejo), uva (GBarbosa, Extra e Bompreço), goiaba (GBarbosa, Perini e Bompreço), morango (Rmix, Perini, Extra, Atacadão e Bompreço), abacaxi (Hiperideal e Atakarejo), cenoura (Hiperideal e Atakarejo), abobrinha (Hiperideal, Extra e Bompreço), alface (Perini, Extra, Atacadão e Bompreço), fubá de milho e batata (ambos no Bompreço). As ações – que vinham sendo ajuizadas desde setembro pelo promotor de Justiça do Consumidor, Olímpio Campinho – pedem que seja concedida uma decisão liminar para proibir que as redes comercializem os produtos que foram identificados com resíduos de agrotóxicos irregulares até que a Diretoria de Vigilância Sanitária (Divisa) reabilite o fornecimento. Ainda conforme Olímpio, os alimentos estavam ”nitidamente com vícios de qualidade” e ”puseram os consumidores em perigo”. Para o magistrado, foi cometida prática abusiva, porque os clientes teriam sido levados ao erro, já que confiaram no tratamento sanitário apresentado pelos supermercados.

Supermercados respondem

Em nota, o Walmart Brasil, que responde pelo Bompreço, afirmou que ”confia plenamente em seus procedimentos internos de segurança dos alimentos”. A empresa disse ainda que ”mantém um rigoroso programa de qualificação e certificação de todos os seus fornecedores de perecíveis, o que inclui um programa de gestão de riscos de resíduos de agrotóxicos, destinado a todos fornecedores de frutas, legumes e verduras, visando a comercialização de hortifrúti seguro aos consumidores da rede Walmart Brasil” (leia nota na íntegra abaixo).

A Cencosud Brasil, por sua vez, informou que “está expandindo o programa de rastreabilidade de agrotóxicos (Rama), já implantado há quatro anos nas lojas do grupo em Sergipe, para contemplar as redes GBarbosa, Perini e Mercantil Rodrigues na Bahia. Trata-se de uma boa prática para reforçar o controle de agrotóxicos nos alimentos comercializados pelas redes, visando o atendimento à legislação e à saúde dos clientes”. A rede Atacadão, por sua vez, enviou nota comunicado que, ”após o contato do Ministério Público, iniciou rigorosa análise dos fornecedores citados aderindo ainda ao Rama, desenvolvido pela Abras, que já garante o rastreamento e monitoramento de defensivos agrícolas em 100% dos fornecedores de frutas, legumes e verduras na Bahia, assim como já acontece em outros estados da região nordeste. Reforça ainda o seu compromisso com a aplicação da sua política de segurança alimentar junto aos seus fornecedores, que segue a legislação vigente, garantindo ao cliente a qualidade dos alimentos comercializados pela rede”.  Já o supermercado Extra afirmou que para garantir o atendimento sanitário correto, ”conduz, desde 2009, um programa de qualidade em frutas, legumes e verduras”,  e que este ”abrange auditorias técnicas de todos os seus fornecedores e análises de resíduos de agrotóxicos nessa categoria de produtos”. A rede também garante que ”aos fornecedores que apresentam qualquer irregularidade, inclusive no que diz respeito a uso de agrotóxicos, são aplicados planos de adequação para que possam voltar a comercializar seus produtos na companhia”, finaliza. Sobre a notificação do MP-BA, a companhia disse que ”tratará junto ao órgão competente para mais esclarecimentos”.

Presidente do PSL, Dayane Pimental minimiza fala de Bolsonaro contra Bahia: ”Brincadeira”

/ Eleições 2018

Dayane preside o partido de Bolsonaro na Bahia. Foto: Instagram

A presidente do PSL na Bahia, deputada federal eleita Dayane Pimentel, minimizou, em vídeo postado no Instagram, uma fala de Jair Bolsonaro (PSL) em que declara que seria vantajoso comprar carro na Bahia porque já viria com freio de mão puxado, dando a entender que os baianos são preguiçosos. A declaraçãfoi alvo de crítica do governador Rui Costa (PT), que pediu que o candidato ao Palácio do Planalto respeitasse a população do estado. ”Apenas porque o Bolsonaro fez uma piada com nossa Bahia, uma inofensiva, uma brincadeira, Rui Costa do PT, governador do estado, manda recado dizendo nos respeite”, disse a deputada eleita. Ela então destaca algumas notícias sobre a segurança pública, educação e saúde no estado e provoca o governador: ”Quem precisa respeitar o povo baiano é você”, diz Dayane.

O Globo: Em SP, Haddad aparece numericamente à frente de Bolsonaro, com 51% dos votos

/ Eleições 2018

Haddad cresce na reta final, diz pesquisas. Foto: Ricardo Stuckert

O candidato à Presidência Fernando Haddad, do PT , cresceu quatro pontos na capital paulista e aparece numericamente à frente de Jair Bolsonaro ( PSL ), segundo pesquisa do Instituto Ibope feita entre os dias 20 e 23 de outubro. O petista tem 51% dos votos válidos, contra 49% do capitão. Como a margem de erro é de três pontos percentuais, o cenário é de empate técnico. Na sondagem anterior, divulgada no dia 17, Bolsonaro liderava com 53% e petista tinha 47%. Com informações de O Globo

Derrotado, Benito Gama usa cota da Câmara para se hospedar em Brumado durante campanha

/ Eleições 2018

Benito não conseguiu se eleger deputado. Foto: Divulgação

Candidato derrotado na tentativa de reeleição, o deputado federal Benito Gama (PTB-BA) usou cota parlamentar para se hospedar no BM Hotel, em Brumado, no centro-sul baiano, no dia 1° de outubro. A eleição foi dia 7. Conforme dados da Câmara Federal, Benito pagou R$ 370 em uma diária na unidade. Na rede social Instagram, o parlamentar postou uma foto na cidade com a legenda: ”Obrigado, amigos de Brumado-BA pelo apoio à nossa campanha 1400”. ”Foi muito bom participar desta reunião,ver algumas propostas do meu Candidato Federal @benitogama ,e TB voto pra estadual @taissagama”, comentou um internauta. A Câmara disponibiliza o uso da cota para hospedagem, desde que tenha fim para atividade parlamentar. Questionado pelo Bahia Notícias, Benito negou uso para campanha. ”Fui organizar a base política. Não fui fazer eleição. Não fui votado lá. Votação política não. Eu recebi ele no hotel, mas não teve nenhum ato político. Foi do mandato. Faço política naquela região”, justificou. Ele teve 439 votos no município. O deputado também se hospedou no dia anterior no Livramento Palace Hotel, em Vitória da Conquista. Na ocasião, usou duas diárias e pagou R$ 741,95. Com informações do site Bahia Notícias

Prefeito de Jaguaquara se mantém calado em relação à presidência da Câmara de Vereadores

/ Jaguaquara

Raimundo e Pirôpo levados no banho-maria por Martinelli. Foto: BMF

Tem causado estranheza, especialmente no meio político, o silêncio do prefeito de Jaguaquara, Giuliano Martinelli (PP), em relação à sucessão da mesa-diretora da Câmara Municipal. Enquanto na eleição anterior fez questão de se posicionar, à época favorável à candidatura do hoje presidente Élio Boa Sorte (PP), que tentou emplacar projeto de emenda à Lei Orgânica para continuar na presidência e foi derrotado, neste ano, Martinelli optou por ficar em cima do muro entre os dois postulantes, ambos de sua base de sustentação: Nildo Piropo (PSB) e Raimundo Louzado (PR). Quando provocado, o prefeito prefere despistar sobre o assunto, o que muitos consideram um equívoco pela importância do Poder Legislativo. Tal situação vem gerando especulações. Não falta quem diga, inclusive, que Giuliano já decidiu por um dos nomes, mas prefere tratar a questão em banho-maria, o que suscita incertezas na base. A eleição para escolha da mesa-diretora para o Biênio 2019/2020 ocorre no dia (22) de dezembro. Até lá, não se sabe se o prefeito vai ”falar”.

Prefeito de Jequié nomeia e empossa novo secretário de Saúde, após exonerar Hassan

/ Jequié

Prefeito apresenta secretário em solenidade. Foto: João Lourenço

Em solenidade realizada no Salão Nobre da Prefeitura de Jequié, o prefeito, Sérgio da Gameleira (PSB), empossou o novo secretário municipal de Saúde, Vítor do Amor Santos Lavinsky. Estiveram presentes os vereadores José Simões de Carvalho, o Zé Simões; José Augusto Aguiar, o Gutinha; Valdemir Souza Braga, o Pastoleiro; Márcio de Oliveira Melo, o Marcinho; Adriano Alves dos Santos, o Adriano Guião; além dos demais secretários municipais, servidores, representantes de entidades e a imprensa. O novo secretário de Saúde, Vítor Lavinsky, assume a pasta após o período de um ano e oito meses de iniciada a nova administração municipal e que contou com a elogiada atuação do ex-secretário, Hassan Iossef, que passará a assumir a função institucional de vice-prefeito, após a ruptura política do seu cunhado deputado federal, Antônio Brito (PSD), com o prefeito. Em nota, a Prefeitura informou que Vítor Lavinsky acumula experiência de mais de 13 anos no Sistema Único de Saúde. Ele foi secretário de Saúde dos municípios de Itabuna e São Sebastião do Passé e, ultimamente, atuava na Secretaria de Saúde do Estado da Bahia. ”É com muito orgulho e satisfação que resolvemos assumir esse desafio juntamente com a equipe do prefeito, Sérgio da Gameleira. Daremos continuidade ao projeto implantado na Saúde municipal. Inicialmente faremos um levantamento das ações e, a partir daí, daremos encaminhamentos para as melhorias da execução das políticas públicas de Saúde.”, disse o novo secretário. Já o prefeito, depois de exonerar Hassan, fez elogios ao ex-titular da Saúde. ”O trabalho continua. Agora em mais uma etapa, dando continuidade ao que já vinha sendo executado pelo vice-prefeito, Hassan Iossef, a quem eu faço um agradecimento público, pelo excepcional trabalho prestado à frente da Secretaria municipal de Saúde. Vem aí mais dois anos e dois meses de gestão e temos a certeza de que, apesar das dificuldades, os resultados serão positivos, com os desafios que encontraremos, dando respostas aos anseios da população agora com, o novo secretário, Vítor Lavinsky.”, afirmou Gameleira.

Jequié: Após racha entre Antônio Brito e o prefeito, secretários municipais são exonerados

/ Jequié

Hassan não é mais secretário de Saúde. Foto: Blog Marcos Frahm

O vice-prefeito de Jequié, Hassan Iossef (PTB), deixou o cargo de secretário de Saúde do município de Jequié, na última segunda-feira (22), após ruptura política do seu cunhado, o deputado federal Antônio Brito (PSD) com o prefeito Sérgio da Gameleira (PSB). Indicado de Brito, Hassan foi exonerado do cargo pelo prefeito, que também colocou no olho da rua o agora ex-secretário de Agricultura, Adilson Miranda, outro que havia sido indicado pelo deputado. O estopim para o rompimento das relações políticas entre Gameleira e Antônio Brito teria sido o apoio escancarado do gestor ao deputado Paulo Magalhães (PSD), que não conseguiu se eleger, enquanto Brito, que abraçou a candidatura de Sérgio à Prefeitura de Jequié em 2016, não contou com Gameleira em seu palanque durante as eleições 2018 e ainda foi majoritário na cidade, obtendo mais de 29 mil votos. Para ocupar a vaga deixada por Hassan, o prefeito já nomeou e empossou o novo secretário. Trata-se do advogado Vitor do Amor Santos Lavinsky, que de acordo com informações que circulam nos bastidores da política é indicado de Paulo Magalhães. Em maio do ano passado, Lavinski foi exonerado do mesmo cargo na Prefeitura de Itabuna, na ocasião divulgando carta aberta com críticas ao prefeito Fernando Gomes (DEM). Oriundo de Salvador, o novo secretário de Saúde já atuou como assessor de um departamento na Secretaria de Saúde da Bahia, sendo considerado de extrema confiança do secretário estadual Fábio Vilas-Boas. Para a pasta da Agricultura, Sérgio ainda não definiu o substituto.

Eleitor que não votou no primeiro turno das eleições 2018 deve ir às urnas no domingo

/ Eleições 2018

Para a Justiça Eleitoral, cada turno de votação é considerado uma nova eleição e, por isso, o eleitor que não votou no primeiro turno deverá votar no segundo turno, no próximo domingo (28), desde que esteja em situação regular com a Justiça Eleitoral. Mesmo não tendo justificado sua ausência no primeiro turno, ele não está impedido de votar no segundo, porque têm até 60 dias para fazê-lo. Além da escolha do próximo presidente da República, no dia 28, os eleitores vão definir o nome de governadores de 13 estados e do Distrito Federal e prefeitos de 19 cidades. Neste último caso, são as chamadas eleições suplementares, previstas no Código Eleitoral em casos específicos, geralmente quando há condenação eleitoral ou criminal, abuso de poder político, compra de votos, cassação de mandato, entre outros casos, por parte dos políticos. Assim como no primeiro turno, quem não comparecer para votar neste domingo é obrigado a  justificar sua ausência.

Onde justificar?

Eleitores em trânsito poderão justificar a ausência nas urnas em aeroportos. A lista poderá ser alterada com menos ou mais postos, de acordo com decisão dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) de cada estado. Para justificar o voto o cidadão deve levar um documento oficial com foto, o título de eleitor ou o número do documento. O formulário de justificativa eleitoral preenchido deve ser entregue no local destinado ao recebimento das justificativas na zona eleitoral. Caso não tenha o formulário em mãos, o eleitor pode retirar e preencher no local. A justificativa também pode ser feita por meio de um Requerimento de Justificativa Eleitoral (RJE), que deve ser entregue pessoalmente em qualquer cartório eleitoral ou ser enviado, por via postal, ao juiz da zona eleitoral onde o eleitor está inscrito. Os endereços dos cartórios eleitorais podem ser obtidos no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O prazo para envio é de 60 dias após cada turno da votação. A RJE deve ser acompanhada de documentação comprobatória da impossibilidade de comparecimento ao pleito. A ausência também pode ser justificada por meio do Sistema Justifica. A ferramenta permite a apresentação do RJE, pela internet, após a eleição. Ao acessar o sistema, o eleitor deve informar os dados pessoais, declarar o motivo da ausência às urnas e anexar documentação comprobatória digitalizada. O requerimento será encaminhado para zona eleitoral do eleitor, gerando um código de protocolo para acompanhamento do processo.

PRF recupera caminhão roubado e prende receptador na BR-116, no trecho de Jequié

/ Trânsito

Suspeito tragava com caminhão na BR-116. Foto: Divulgação/PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um caminhoneiro por receptação e recuperou um caminhão roubado, durante fiscalização na BR 116, em Jequié, na tarde de terça-feira (24). O veículo, um caminho VW/24.280, era conduzido por homem de 38 quando foi abordado por volta das 14h50 no KM 677 da rodovia. Os agentes verificaram que alguns elementos identificadores do veículo apresentavam sinais de adulteração. Após trabalho de identificação dos registros originais, foi constatado que se tratava de um caminhão roubado em fevereiro do ano passado na cidade de Santos (SP). Para burlar a fiscalização, as placas originais foram trocadas por outras ”clonadas” de um outro veículo de cargas com mesmas características. Ao ser questionado, o condutor, que é residente em Sertânia (PE), informou que comprou o caminhão de um homem em Guaraci (PE). Ele foi levado preso para a Delegacia de Polícia Civil em Jequié.

Em Vitória da Conquista, homem entra em banco, toma arma de vigilante e é preso na fuga

/ Bahia

Clima foi de tensão no Banco Bradesco. Foto: Blog do Anderson

A manhã desta quarta-feira (24) foi marcada por tumulto em uma agência bancária de Vitória da Conquista, no Sudoeste baiano. De acordo com a Polícia Civil do município, um suspeito tomou a arma de um vigilante dentro do Banco Bradesco e efetuou alguns disparos, mas ninguém ficou ferido. Na fuga, por volta das 10h30, o atirador foi atingido por um vigilante bancário que acionou policiais militares. O homem sofre com problemas mentais e foi levado ao Hospital Geral de Vitória da Conquista.

Formosa do Rio Preto: Muros são pichados com frases de ”racismo” contra os negros

/ Bahia

Muros de Formosa do Rio Preto, no extremo oeste baiano, amanheceram nesta quarta-feira (24) pichados com frases que incitam crimes. Segundo o site Portal do Cerrado, uma das expressões era ”morte aos preto” (sic), referência de crime de racismo [Lei 7.716]. Em outra parede, um desenho se referia ao sinal da suástica [marcado pelo uso do regime nazista na Alemanha] ao lado do nome Ustra, referência a Carlos Brilhante Ustra apontado na Comissão da Verdade como um dos 377 responsáveis por mortes durante a ditadura civil-militar brasileira [1964-1985]. Ao site, o presidente da Comissão de Finanças e Orçamento da OAB da Bahia, Tiago Assis, condenou as pichações. ”A política se não for usada para construir pontes e melhorar a vida das pessoas, não serve para nada. Expressar o ódio pelo racismo ou por qualquer outra forma deplorável somente acirra os ânimos, divide os povos e destrói a humanidade. Não se pode dar voz e vazão a quem prega ou representa o ódio”, disse.

Feira de Santana: Empresário é solto após ameaçar mulher se ela não fizesse sexo com ele

/ Polícia

Fernando Alves Sousa Coelho é liberado. Foto: Rede social

O empresário Fernando Alves Sousa Coelho, de 34 anos, que foi preso por ter ameaçado divulgar fotos íntimas de uma mulher em Feira de Santana, caso ela não fizesse sexo com ele, que foi liberado da delegacia nesta quarta-feira (24) após realização de audiência de custódia. Ele vai responder ao processo em liberdade. O advogado do suspeito, Rosimário Carvalho, disse que o cliente não precisou pagar fiança para deixar a cadeia, mas terá que cumprir restrições impostas pela Justiça, como manter distância da vítima (distância de no mínimo 200 metros) e não poder manter qualquer tipo de contato com ela. Ele também é obrigado a comparecer em juízo quando convocado e não poder se ausentar da cidade de Feira de Santana sem autorização por mais de oito dias. O empresário ainda terá de ficar em recolhimento domiciliar entre 20h e 6h.

Imagens do celular da mulher que foi chantageada mostram as ameaças do empresário contra a vítima. O suspeito se nega a ceder aos pedidos da cliente para não divulgar as fotos e pressiona a mulher. ”Melhor você ficar na sua. Tá conversando demais”, diz um trecho da ameaça. ”Quero e acabou. Vou e você sabe disso”, aponta outra parte. A todo o momento, a vítima relata o medo de ter as fotos divulgadas. ”Espero que não faça nenhuma besteira. Não precisa você postar nada em grupo não, porque eu vou sair com você, porque você está me chantageando para transar com você”. O empresário teve acesso às ”nudes” após a mulher trocar de celular na loja dele. O suspeito entrou em contato com a vítima por meio do WhatsApp, falou sobre as fotos e passou a ameaçar divulgar as imagens nas redes sociais, caso a mulher não fizesse o que ele queria. Segundo a polícia, a troca de celulares ocorreu no dia 13 de outubro, e as chantagens começaram dois dias depois. As negociações entre a vítima e o suspeito duraram cerca de uma semana. Foi o período em que ela tentou convencê-lo a apagar as fotos, sem sucesso. ”Primeiro, ele me chamou para sair: ‘Vamos sair’. E eu falei: ‘Eu não vou sair com você, porque você tem namorada’. Aí ele: ‘Largue de besteira, eu sei de muita coisa sua’. Aí eu falei: ‘Prove’. E ele começou a me mandar foto, começou a mandar conversa de WhatsApp, vídeos meus com amigas minhas. Aí, ele começou com as ameaças: ”Se você não ficar comigo, partiu grupo”, destacou a vítima, que é mãe de uma adolescente de 15 anos.

Mulher presta depoimento na Delegacia de Feira. Foto: TV Subaé

Como não conseguiu acordo com o suspeito, a mulher aceitou ir para um motel com ele. No motel, o homem tentou estuprá-la, e ela acionou a polícia. O empresário foi preso em flagrante. O celular do suspeito com as conversas ameaçando a vítima já está com a polícia. A delegada que investiga o caso, Edileuza Suely Cardoso Ramos, titular da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), disse que o suspeito confessou o crime e disse estar arrependido após ser preso. Ele foi foi autuado por violação sexual mediante ameaça. ”Alegou que não fez intecionalmente a busca pelos dados. Apenas quando foi alterar a senha do novo Iphone adquirido na loja dele, foi feito imediatamente um backup para o computador. Então, quando ele acessou o computador e de posse desses dados, ele começou a chantagear a vítima”, afirmou à delegada. Com informações do G1

ACM Neto critica fala de filho de Bolsonaro sobre fechar o STF: ”Ninguém pode concordar com isso”

/ Eleições 2018

ACM critica filho de Bolsonaro. Foto: Matheus Morais/bahia.ba

O prefeito ACM Neto (DEM), que anunciou apoio à candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) no segundo turno da corrida presidencial, afirmou não concordar com as recentes declarações do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do capitão da reserva, de que bastariam um soldado e um cabo para fechar o Supremo Tribunal Federal (STF). ”Ninguém pode concordar com isso. São declarações que precisam ser vistas com muita cautela. Não podem ser, de maneira alguma, a tônica do pensamento do futuro governo. E o próprio Jair Bolsonaro já foi a público dizer que não é o pensamento dele, que ele não concorda com isso, tá certo? Que desautoriza qualquer colocação nesse sentido”, declarou o prefeito de Salvador na manhã desta quarta (24), ao ser questionado pelo site bahia.ba em evento de apresentação do plano de concessão do Centro de Convenções a ser gerido pela administração municipal. Dizendo-se vítima das chamadas fake news, o chefe do Palácio Thomé de Souza aproveitou para culpar o PT pela disseminação de boatos nas redes sociais. ”Alimenta-se coisas. Antes de chegar aqui, eu recebi um vídeo no WhatsApp, editado, de uma entrevista que eu dei. Editaram colocações minhas de um vídeo no primeiro turno e espalharam. Isso é coisa do PT”, atribuiu Neto.