Veja vídeo: Empresário bolsonarista incita golpe, ataca baianos e xinga ministros do STF

/ Brasil

Um empresário bolsonarista divulgou nas redes sociais na noite deste domingo (30) um vídeo em que incita o presidente Jair Bolsonaro (PL) a convocar um golpe usando as forças armadas. O empresário catarinense Newton Patricio Crespi xingou ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), especialmente Alexandre de Moraes, presidente do TSE. ”Bolsonaro devia ser homem suficiente pra invocar as forças armadas para colocar o STF e o TSE no lugar deles”, afirmou

Irritado com a vitória de Lula, Crespi cobrou uma intervenção militar de Jair Bolsonaro, o que é ilegal, e também ofendeu eleitores baianos.”Manda me prender amanhã, seu vagabundo Alexandre de Moraes. Vá à merda”, afirmou em um vídeo no Instagram.

O vídeo ainda ataca os baianos, quando o empresário afirma que os baianos devem ”ficar na merda”. Fazendo referência aos governadores eleitos na Bahia e em Santa Catarina o empresário ataca os nordestinos. ”Alguns outros estados como Bahia tem que ficar na merda. Quando vocês vem pra cá querendo uma vida melhor nos damos isso pra vocês”, afirmou.

Depois da repercussão do vídeo, o empresário enviou novo posicionamento à coluna de Guilherme Amado onde afirmou que estava ‘sob forte comoção” e que não apoia nenhum ato antidemocrático. ”Jamais houve o objetivo de desrespeitar quaisquer pessoas ou instituições. Se assim o fiz, peço desculpas publicamente. O vídeo tinha objetivo exclusivo de demonstrar a meus seguidores a insatisfação com o resultado da eleição. Não houve autorização para divulgação do vídeo fora da minha conta fechada no Instagram”, disse Newton Patricio Crespi

Os comentários estão fechados.