Vestindo preto, comerciantes fazem protesto pela reabertura do comércio, em Jaguaquara

/ Jaguaquara

Comerciantes em ato de protesto na JJ – Seabra. Foto: Leitor/BMFrahm

Um grupo de comerciantes de Jaguaquara protestou, na manhã desta segunda-feira (04), pela reabertura do comércio na cidade, que funciona parcialmente desde o início da pandemia do novo coronavírus.

Vestindo preto, e expondo uma faixa coma a frase: ”Comerciantes pedem socorro”, os manifestantes, usando máscaras, se aglomeraram na Praça JJ – Seabra, de onde saíram em caminhada até a Rua Ilmar Galvão, posicionando-se com faixa e cartazes em frente ao Fórum da cidade, onde o prefeito de Jaguaquara, Giuliano Martinelli (PP) e demais gestores de municípios da área de jurisdição da Comarca local se reuniam para mais um encontro com representantes do Poder Judiciário, Ministério Público e Polícia Militar, com a finalidade de debater as ações adotadas pelas prefeituras para o enfrentamento da Covid-19.

Diante do ato de protesto, a audiência entre as autoridades foi suspensa e os comerciantes permaneceram em frente ao Fórum, deixando o local após a saída dos prefeitos que participariam da reunião.

Os comerciantes informaram que o objetivo era pedir a maior flexibilização do comércio, que funciona mediante escalonamento, com os estabelecimentos abrindo as portas em dias alternados e horário reduzido, dependendo ainda da área de atuação. Jaguaquara já registrou, no município, seis casos do coronavírus e a reunião entre as autoridades discutiria prorrogação ou não de decretos nos respectivos municípios do Vale do Jiquiriçá. Os representantes do Judiciário e MP concederam coletiva de imprensa, falando sobre o que pensam em relação ao to e quais as orientações da Justiça e MP nos encontros com os prefeitos. Aguardem mais informações.

Os comentários estão fechados.