Taxistas ficam sem abrigo na Praça JJ -Seabra

/ Jaguaquara

Marcelo Francisco classifica obra como eleitoreira
Taxista Marcelo Francisco classifica obra como eleitoreira

Com o fechamento da Praça JJ – Seabra, para o início da obra de requalificação, os taxistas que atuam na área ficaram no tempo, sem o ponto de cobertura, que serve para abrigá-los enquanto aguardam passageiros, que se deslocam diariamente para o Distrito Stela Dubois e para a cidade de Jequié. Na bronca com a Prefeitura, os taxistas procuraram a redação do BMF na tarde desta terça-feira (9) para lamentar a falta de bom senso, segundo eles, por parte do poder público municipal.

Taxistas e a PMJ ainda não se entenderam na atual gestão
Taxistas e a PMJ ainda não se entenderam na atual gestão

O taxista Marcelo Francisco, por exemplo, disse que representantes da Associação dos Taxistas de Jaguaquara estiveram com membros do Governo Municipal, buscando diálogo para viabilizar a instalação de um pronto provisório, até o término da obra, mas sem êxito. ”Fecharam a praça em cima da campanha, para uma obra que ninguém sabe se termina, porque em todo lugar de Jaguaquara se encontra obra parada. A gente só queria pelo menos um toldo, mas a resposta é sempre negativa para nós, taxistas, que pagamos alvará e não estamos sendo respeitados”, desabafa. Além do desconforto, eles temem que a obra não seja concluída, como outras espalhadas pelo município.

Um comentário para “Taxistas ficam sem abrigo na Praça JJ -Seabra”

  1. breno

    E qual obra em Jaguaquara começa e termina? ahh lembrei uns quebras molas na muritiba

Os comentários estão fechados.