Projeto de fim de foro privilegiado completa mil dias parado na Câmara dos Deputados

/ Brasília

O projeto para acabar com o foro privilegiado completa nesta segunda-feira (6) mil dias travado na Câmara dos Deputados. A informação é da coluna de Guilherme Amado, do portal Metrópoles.

Apresentado em 2013, o texto foi aprovado pelo Senado e enviado à Câmara em 2017. Em 11 de dezembro de 2018, foi aprovado pela comissão especial. Desde então, está pronto para votação do plenário da Câmara, sem sucesso.

A proposta pretende limitar o foro privilegiado a apenas cinco autoridades: ao presidente da República, ao vice-presidente e aos presidentes da Câmara, do Senado e do Supremo Tribunal Federal.

Os comentários estão fechados.