Professora se acorrenta em frente à Prefeitura de Una

/ NOTÍCIAS

Uma professora que protestava acorrentada em frente à Prefeitura de Una desde a manhã da quarta-feira (23) passou mal nesta quinta-feira e precisou ser socorrida para o Hospital Frei Silvério. Gilmaria Barbosa se manifesta contra a redução da carga horária de serviço.A professora trabalha no Colégio Municipal Alice Sush, com regime de 40 horas. Depois de se afastar em licença médica, ela voltou ao trabalho e descobriu que 20 horas foram cortadas. O Sindicato dos Servidores de Una diz que a Prefeitura da cidade diminuiu a carga horária de vários dos educadores para diminuir a folha de pagamento. Nesta quinta, mais de 100 estudantes foram até o local para fazer uma manifestação apoiando a professora, que passou a noite no local. O sindicato APLB local tenta uma reunião com a prefeita do município para discutir este e outros temas de interesse da categoria.

Foto: Atitude em Una

Os comentários estão fechados.