Procuradoria denuncia deputado bolsonarista Daniel Silveira por ameaçar ministros do STF

/ Justiça

Daniel Silveira tem prisão mantida pelo STF. Foto: Reprodução

A Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou hoje (17) ao Supremo Tribunal Federal (STF) o deputado Daniel Silveira (PSL-RJ). O parlamentar teve a prisão mantida pelo STF na tarde desta quarta, em decisão unânime dos ministros.

Silveira é acusado de praticar agressões verbais e graves ameaças contra ministros da Corte para favorecer interesse próprio, em três ocasiões; incitar o emprego de violência e grave ameaça para tentar impedir o livre exercício dos Poderes Legislativo e Judiciário, por duas vezes; e por incitar a animosidade entre as Forças Armadas e o STF, ao menos uma vez.

O deputado foi preso ontem (16), por determinação do ministro Alexandre de Moraes, após divulgar um vídeo com discurso de ódio contra os integrantes da Corte.

Os comentários estão fechados.