Primeira mulher indígena vacinada na Bahia, Deisiane Tuxá pede que população acredite na vacina

/ Saúde

Deisiane Tuxá natural de Rodelas, na Bahia. Foto: Camila Souza

Representante da população indígena, Deisiane Tuxá natural de Rodelas, no interior do estado, foi a primeira mulher indígena a ser vacinada contra o coronavírus.

Segundo o site Bahia Notícias, ela trabalha em Salvador no Distrito Especial Indígena da Bahia, local responsável pela atenção à Saúde Básica das populações aldeadas indígenas do estado. O distrito em que Deisiane atua é responsável por 135 aldeias.

”Agradeço a felicidade de estar aqui hoje, de representar não só o meu povo Tuxá, mas todos os povos da Bahia. Temos mais de 30 mil indígenas, e esse momento é histórico. É preciso que a gente acredite na vacina, em dias melhores”, disse após receber a primeira dose da vacina Coronavac, desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan.

”Claro que temos que manter todas as medidas de cuidado, mas acreditar que esse momento de avanço é positivo”, completou Deisiane.

Os comentários estão fechados.