Pré-candidato, Moro comenta sobre prisão de Lula em 2018: ”Foi poupado de uma derrota”

/ Política

O ex-juiz da Operação Lava Jato é pré-candidato. Foto: Reprodução

O pré-candidato à presidência da República, Sergio Moro (Podemos) voltou a criticar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em entrevista concedida à CNN Brasil, nesta terça-feira (23).

Após afirmar que o petista flerta com o autoritarismo por ter minimizado a ditadura de Daniel Ortega na Nicarágua, o ex-ministro da Justiça destacou que os resultados da operação Lava Jato foram respaldados pelo Judiciário.

”O ex-presidente insistiu na sua candidatura quando estava inelegível, no fundo ele foi poupado de uma derrota. Mas a grande recessão de 2014 e 2016 estava na memória. As sementes dessa recessão foram plantadas pelo governo Lula; eu não acredito que o ex-presidente, mesmo se tivesse em liberdade, tivesse ganhado aquelas eleições. Tanto que usou um candidato que usava máscara com a sua cara e perdeu”, disse o ex-juiz.

Moro deu a declaração em entrevista ao jornalista William Waack, âncora do Jornal da CNN.

Deixar uma Resposta