Jequié: Polícia desarticula organização criminosa que atuava no roubo e comercialização de celulares

/ Jequié

Polícia levou envolvidos para delegacia. Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil em Jequié elucidou crime de furto mediante fraude e desarticulou organização criminosa e elucidou a prática de crimes de furto mediante fraude.

Após o relato de uma série de golpes denunciados em Jequié, a equipe da 9ª Coorpin, iniciou o trabalho de inteligência e investigação com intuito de elucidar os crimes, identificar os envolvidos e recuperar os objetos oriundos dessas práticas.

A associação criminosa atuava, a princípio, negociando a compra de aparelhos celulares e emitindo falsos comprovantes de pagamento.

O autor mediato encaminhava um taxista para buscar o produto e entregar a duas mulheres, que em seguida repassavam os aparelhos para outras pessoas encarregados de negociar os produtos. Na última segunda-feira (13), os investigadores identificaram as duas mulheres envolvidas na ORCRIM, uma delas ex-companheiras do chefe da organização.

Os depoimentos das duas mulheres serviram de base para identificar a pessoa uma sendo autora do fato, que se encontra preso no Complexo Penal Mata Escura, em Salvador- e outros dois parceiros que possuíam tinham função de negociar os celulares roubados/furtados.

Na quinta-feira (16) os policiais localizaram mais duas pessoas. No momento da abordagem foram encontrados  02 aparelhos celulares e 01 simulacro de arma de fogo tipo pistola.

Os envolvidos foram conduzidos à Delegacia de Polícia, onde confirmaram em depoimentos atuação da Organização Criminosa que atuava na prática dos crimes em Jequié. Todos os envolvidos irão responder pelos crimes tipificados e pelo crime de Organização Criminosa.

Os comentários estão fechados.