PM apreende cerca de 40 kg de maconha e prende homem de Jaguaquara, em Maracás

/ Polícia

Droga apreendida em sítio durante operação. Foto: Divulgação/CIPM

A primeira grande apreensão de entorpecente de 2018 foi registrada nos municípios de Maracás e Planaltino, no Vale do Jiquiriçá, nesta quarta-feira (3). Uma ação conjunta da 93ª Companhia Independente da Polícia Militar de Maracás e Polícia Federal resultou na apreensão de aproximadamente 40 kg de maconha. De acordo com informações policiais repassadas ao Blog Marcos Frahm, após denúncia a PF contactou com a Central Telefônica da CIPM, informando que, em um sítio, localizado nas proximidades do antigo lixão de Maracás estaria escondida uma quantidade de droga e que existia uma movimentação suspeita na localidade de Angélica, no município vizinho de Planaltino. Os PMs foram ao locais, tendo localizado dois suspeitos,  Alexandre Gabriel dos Anjos Fonseca, de 26 anos, natural de Jaguaquara, o Xandão, que segundo a PM estava na companhia de Diemerson dos Santos Souza, 27, natural de Maracás, e ao realizar buscas a guarnição apreendeu 22,5 tabletes de maconha, que estavam enterrados  nas proximidades de uma residência, em Maracás, e Alexandre assumiu, conforme a polícia, ser o dono da droga enterrada. A ação teve prosseguimento em Planaltino, onde os militares teriam sido surpreendidos com estampidos de disparos de arma de fogo deflagrados por três homens, que fugiram embrenhando-se num matagal ao avistarem os policiais. Nos fundos de uma residência onde os homens se homiziavam os PMs encontraram mais 18 tabletes de substância análoga a maconha. Alexandre e Diemerson foram apresentados na Delegacia Circunscricional de Maracás, com a droga, um chassi de moto, tesoura, fita adesiva, balança de precisão e dois aparelhos celulares.

Os comentários estão fechados.