Cravolândia permanece como a única cidade do Vale do Jiquiriçá sem registrar morte por Covid

Com 15.181 casos registrados desde o início da pandemia, o Coronavírus já matou pessoas em 19 dos 20 municípios do território Vale do Jiquiriçá.

Apenas Cravolândia permanece sem confirmar óbito provocado pela doença. Apesar do registro de 147 casos, todos se encontram recuperados da Covid-19, conforme apurou o Blog Marcos Frahm até este domingo (21) e, atualmente, a cidade, além de Santa Inês, não possuem casos ativos.

São 488 ativos distribuídos entre as outras 18 cidades, inclusive com Jaguaquara e Maracás com os maiores números; 98 e 69, respectivamente. O número de óbitos no Vale é de 217 e Maracás lidera, com 41 mortes.

Jequié confirma morte de homem de 33 anos por Covid e ocupação de UTI volta a 100%

/ Jequié

Jequié registrou 32 novos casos do vírus. Foto: Blog Marcos Frahm

A Prefeitura de Jequié, em seu novo boletim epidemiológico da Covid-19, emitido pela Secretaria Municipal de Saúde, neste domingo (21), informou que houve o registro de mais 1 óbito, sendo um homem, de 33 anos, residente no bairro Cidade Nova, com histórico de Hipertensão Arterial, ocorrido no sábado (20) e que estava internado no Hospital de Base de Itabuna, elevando para 251 o número de mortes, desde o início da pandemia.

Foram registrados mais 32 novos casos, nas últimas 24 horas, perfazendo um total de 12.692 pessoas confirmadas com a doença, até agora.

Ainda de acordo com o boletim, 11.579 pacientes encontram-se recuperados e não apresentam mais os sintomas da doença. Conforme os dados repassados pelo HGPV e pelo Hospital São Vicente, a taxa de ocupação geral dos leitos de UTI/adulto voltou a atingir 100%. Destes, 14 leitos estão ocupados por residentes de Jequié e 15 leitos ocupados por pessoas de outros municípios.

Quase 40% das doses de vacina prometidas pelo Ministério da Saúde enfrenta algum tipo de entrave

/ Saúde

Nos últimos dias, o Ministério da Saúde anunciou a contratação de de 562 milhões de doses de vacinas contra a Covid para este ano, volume que representaria ”mais vacinas que brasileiros”, quase 40% desse total ainda encontra algum tipo de entrave para, de fato, poder ser utilizada na vacinação de brasileiros. 208 milhões de doses – ou 37% – ainda
constam apenas como intenção de compra ou enfrentam outros impasses, como a falta de aval da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para que possam ser aplicadas.

Uma das principais pendências – que atinge 140 milhões de doses – é a real assinatura de contrato de compra entre o laboratório fabricante e a pasta da Saúde. Por enquanto, 110 milhões de doses de vacinas previstas pela Fiocruz para serem produzidas no Brasil no segundo semestre e 30 milhões do Butantan, constam ainda apenas como intenção de compra pelo ministério.

Já outras 68 milhões de doses de vacinas previstas no plano do ministério ainda precisam passar por aval da Anvisa para serem ofertadas no país.Este é o caso de imunizantes produzidos por  três laboratórios: União Química, que prevê entregar 10 milhões de doses importadas da vacina russa Sputnik V a partir de abril; Precisa Medicamentos, que prevê 20 milhões de doses da vacina indiana Covaxin; e Janssen, que fechou acordo para fornecer 38 milhões de doses. Metro1

Ministério Público pede que TCU troque Bolsonaro pelo vice Mourão na gestão da pandemia

/ Brasília

Vice-presidente Hamilton Mourão. Foto: Reprodução/Estadão

O Ministério Público pediu ao Tribunal de Contas da União (TCU) o afastamento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) das funções administrativas e hierárquicas dos ministérios da Saúde, da Economia e da Casa Civil. O requerimento foi assinado na sexta-feira (19) pelo subprocurador-geral do MP, Lucas Furtado.

Também no documento, ele pediu que o TCU deixe a cargo do vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) a nomeação de autoridades responsáveis pelos ministérios. Não há previsão para o pedido ser analisado pelo TCU.

Furtado pediu que o Tribunal determine ”cautelarmente o afastamento do presidente da República das funções e competências administrativas e hierárquicas relacionadas ao comando dos Ministérios da Saúde, da Fazenda, da Casa Civil e de outros eventualmente identificados como responsáveis pela inércia e omissão na execução das políticas públicas de saúde no combate à pandemia da Covid-19”.

”Não se discute que toda estrutura federal de atendimento à saúde, com recursos financeiros, patrimoniais e humanos, terá representado inquestionável prejuízo ao erário se não cumprirem sua função de atender à população no momento de maior e mais flagrante necessidade. É inaceitável que toda essa estrutura se mantenha, em razão de disputas e caprichos políticos, inerte diante do padecimento da população em consequência de fatores previsíveis e evitáveis”, continuou.

Desde o início da pandemia da Covid-19, Jair Bolsonaro se posiciona contra as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para manter o isolamento social e o uso de máscaras.

Bahia registra 1.698 novos casos de Covid-19 e mais 99 óbitos pela doença nas últimas 24h

/ Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.698 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,2%) e 2.786 recuperados (+0,4%). O boletim epidemiológico deste domingo (21) também registra 99 mortes. Apesar de terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro das mortes foram realizadas hoje. Dos 768.832 casos confirmados desde o início da pandemia, 737.967 já são considerados recuperados, 16.766 encontram-se ativos e 14.099 tiveram óbito confirmado.

boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.094.100 casos descartados e 178.183 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste domingo. Na Bahia, 44.813 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Hoje foram registradas 99 mortes e o número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 14.099, representando uma letalidade de 1,83%. Dentre os óbitos, 55,86% ocorreram no sexo masculino e 44,14% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 55,02% corresponderam a parda, seguidos por branca com 21,18%, preta com 15,01%, amarela com 0,52%, indígena com 0,14% e não há informação em 8,14% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 68,79%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,13%).

A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

Situação da regulação de Covid-19

Às 15h deste domingo, 280 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 180 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Vacinação

Com 950.501 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 291.253 receberam também a segunda dose, até as 15 horas deste domingo, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único.

Fonte: Ascom/ Sesab

Policial militar de 45 anos morre após complicações da Covid-19, em Feira de Santana

/ Bahia

O policial militar Fabrício Marcel Assis Figueiredo, de 45 anos, morreu na madrugada de sábado (20) por complicações causadas pela Covid-19 em Feira de Santana.

Segundo informações da Polícia Militar, ele era aluno a cabo da corporação, lotado na 65ª Companhia Independente da Polícia Militar (65ª CIPM) e integrava a PM há 15 anos. Ele era casado e deixou duas filhas.

As informações sobre data e horário do sepultamento não foram divulgadas.

Ainda de acordo com a PM, 65 policiais militares morreram na Bahia vítimas da Covid-19, sendo 22 da ativa, 21 da reserva e 22 reformados.

Por meio de uma rede social, a 65ª CIPM falou sobre a morte do policial:

Enlutada, a Polícia Militar da Bahia presta as mais sinceras condolências. Manifestamos o mais profundo sentimento de solidariedade à família, colegas de trabalho e amigos. Com informações do G1

Apenas 39% dos que aprovam Bolsonaro acham ele melhor que prefeitos e governadores na pandemia

/ Brasília

Pesquisa avalia atuação de Jair na pandemia. Foto: Marcos Corrêa

Uma pesquisa realizada pelo Datafolha e divulgada neste sábado pelo jornal Folha de S. Paulo apontou que apenas 39% dos que aprovam o presidente Jair Bolsonaro avaliam que ele está tendo um desempenho superior em relação aos prefeitos e governadores durante a pandemia de Covid-19.

Segundo a última pesquisa, 27% preferiram a gestão dos prefeitos, enquanto 18% destacaram os governadores no combate ao coronavírus.

Toque de recolher na Bahia tem horário antecipado de 20h para 18h, até o dia 29 de março

/ Bahia

O prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), adiantou nesta sexta-feira (19) que, a partir da segunda-feira (22), o toque de recolher terá o horário antecipado de 20h para 18h em toda a Bahia. A medida terá vigor até o dia 29 de março. Portanto, as restrições ocorrerão entre 18h e 5h.

A informação foi confirmada pelo democrata no fim da tarde desta sexta após reunião com o governador Rui Costa (PT) e gestores da Região Metropolitana. De acordo com Bruno, as medidas serão válidas a nível estadual.

Nesse mesmo período, está proibida também a venda de produtos não essenciais, a exemplo de eletrodomésticos e vestuário, em hipermercados e atacadistas. Ou seja, assim como as bebidas alcoólicas no fim de semana, a seção deverá ter o acesso fechado ao público. Com informações do Bahia Notícias

Em jogo de poucas emoções, Vitória só empata com o Sampaio Corrêa no Nordestão: 1×1

/ Esporte

Zagueiro do Vitória, João Victor disputa a bola. Foto: Ronald Felipe/SCFC

Ainda não foi dessa vez que o torcedor rubro-negro comemorou o primeiro triunfo do clube do coração como visitante nesta edição da Copa do Nordeste. Na noite deste sábado (20), o Vitória apenas empatou em 1×1 com o Sampaio Corrêa, no estádio Castelão, em São Luís, no Maranhão.

Em jogo de poucas emoções, Samuel anotou para o Leão. Antes, Dione já havia aberto o placar para a equipe maranhense. Com o resultado, o Vitória deixou escapar a chance de assumir a liderança do Grupo B do regional. Com sete pontos, o rubro-negro caiu da segunda para a terceira colocação. Já o Sampaio Corrêa seguiu na vice-lanterna do Grupo A, com apenas três pontos. *Correio

Corpo do prefeito Herzem Gusmão é enterrado à noite, sob aplausos, em Vitória da Conquista

/ Bahia

Velório de Herzem, em Conquista. Foto: Nayla Santos/TV Sudoeste

O corpo do prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB), de 72 anos, que morreu na quinta-feira (18), devido a complicações da Covid-19, foi enterrado na noite deste sábado (20). Populares se aglomeraram na frente do Cemitério Jardim da Saudade, em Conquista.

O avião com o corpo de Herzem Gusmão desembarcou no Aeroporto de Vitória da Conquista por volta das 17h15. A expectativa era de chegasse às 10h, mas houve atraso por problemas climáticos. A vice-prefeita de Vitória da Conquista, Sheila Lemos (DEM), o presidente da Câmara, Luis Carlos Dudé (MDB) e alguns amigos aguardavam no local.

O caixão foi colocado no dentro do carro de combate a incêndios da Socicam e levado para o velório, realizado na Casa de Eventos Mediterrâneo, no bairro Boa Vista. Na cerimônia, o filho do prefeito, Danilo Gusmão falou sobre os últimos momentos de vida do pai, que estava internado há quase três meses no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, para tratamento da doença.

Após o velório, um cortejo de carro foi feito para que as pessoas conseguissem se despedir o prefeito sem provocar aglomerações. No entanto, houve registro de aglomeração na frente do cemitério.

Jequié registra mais 39 casos do vírus, 831 estão ativos, 11.579, recuperados, 250 mortes e taxa de ocupação de UTI é de 97%

/ Jequié

Ocupação de UTI voltou a ter alta em Jequié. Foto: Blog Marcos Frahm

O boletim epidemiológico da Covid-19 em Jequié, atualizado pela Secretaria Municipal de Saúde neste sábado (20) registra 39 novos casos, nas últimas 24 horas, perfazendo um total de 12.660 pessoas confirmadas com a doença, até agora.

Ainda segundo o boletim, o número de mortes desde o início da pandemia é de 250. 11.579 pacientes encontram-se recuperados e não apresentam mais os sintomas da doença.

Conforme os dados repassados pelo HGPV e pelo Hospital São Vicente, a taxa de ocupação geral dos leitos de UTI/adulto 97%. Destes, 13 leitos estão ocupados por residentes de Jequié e 15 leitos ocupados por pessoas de outros municípios. Até o presente momento 12.442 pessoas foram vacinadas em Jequié.

Ministério da Saúde autoriza mais de 2,7 mil leitos de UTI para 22 estados para pacientes graves com Covid

/ Saúde

O Ministério da Saúde autorizou mais 2,7 mil leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto em 22 estados para atendimento exclusivo aos pacientes graves com covid-19, em caráter excepcional e temporário. Para isso, duas portarias foram publicadas, ontem (19), em edição extra do Diário Oficial da União.

A Portaria nº 499/21 autoriza 1.280 leitos de UTI adulto para o reforço da estrutura hospitalar em mais de 50 municípios nos estados da Bahia, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Sul e São Paulo. O valor do repasse mensal será de mais de R$ 61,4 milhões.

Já a Portaria nº 501/21 autoriza a instalação de 1.499 leitos de UTI adulto em mais de 70 municípios nos estados do Acre, Alagoas, Amapá, Ceará, Espírito Santo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe, Tocantins e o Distrito Federal. Os recursos de custeio para essas unidades será de R$ 71,9 milhões mensais.

A autorização é a nova modalidade de apoio financeiro dada pelo Ministério da Saúde, que substituiu a habilitação de leitos. O governo federal arca com parte das despesas, mas agora o pagamento não é mais antecipado e sim mensal.

”A medida fortalece o Sistema Único de Saúde (SUS) e leva atendimento para a população em todo o país. Apesar de estados e municípios terem autonomia para criar e habilitar os leitos necessários, o Ministério da Saúde, em decorrência do atual cenário de emergência, disponibiliza recursos financeiros e auxílio técnico para o enfrentamento da doença. O objetivo é cuidar da saúde de todos e salvar vidas”, informou o ministério, em comunicado.

O pedido de autorização para o custeio dos leitos covid-19 é feito pelas secretarias estaduais e municipais de saúde, que garantem a estrutura necessária para o funcionamento dessas unidades. De acordo com o Ministério da Saúde, entre os aspectos observados nas solicitações de autorização estão a curva epidemiológica do coronavírus na região, a estrutura para manutenção e funcionamento da unidade intensiva e corpo clínico para atuação em UTI.

Nessa semana, o governo já havia autorizado 1.639 leitos de UTI adulto e oito leitos de UTI pediátrica para tratamento de pacientes com covid-19. Serão atendidas 64 cidades dos estados de Goiás e São Paulo.

Sob forte comoção e em cerimônia para familiares, Irmão Lázaro foi enterrado em Salvador

/ Bahia

Sob forte comoção, Irmão Lázaro é enterrado. Foto: Arquivo Pessoal

O corpo do vereador Irmão Lázaro (PL) foi enterrado no final da tarde deste sábado (20), no cemitério Jardim da Saudade, em Salvador. De acordo com a assessoria dele, o sepultamento foi restrito somente para familiares.

Irmão Lázaro morreu na noite de sexta-feira (19) vítima de complicações da Covid-19. Ele estava internado havia quase um mês na UTI de um hospital de Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador. A informação foi confirmada pela assessoria do vereador.

O último boletim médico divulgado na noite de sexta-feira indicava que o quadro do vereador era muito delicado. De acordo com familiares, Irmão Lázaro tinha sido diagnosticado com a Covid-19 no dia 15 de fevereiro e desde então fazia o tratamento em casa.

No entanto, no dia 22 de fevereiro, ele sentiu desconforto, febre e procurou o médico. Ao chegar no hospital, foi comprovado que ele estava com metade dos pulmões comprometidos e ele ficou internado em um leito clínico. Três dias depois, ele precisou ser transferido para UTI. Nas redes sociais, a filha do vereador, Marta Silva, fez uma postagem de despedida. As informações são do G1

Bahia joga bem em Pituaçu e goleia o Sport por 4×0 em disputa pela Copa do Nordeste

/ Esporte

Gabriel comemora gol diante do Sport. Foto: aula Fróes/Correio

Criatividade, dribles, arrancadas, organização tática, assistências caprichadas e golaços. Na tarde deste sábado (20), o Bahia mostrou bom futebol e sobrou diante do Sport, em Pituaçu. Com assinaturas de Patrick, Gabriel Novaes (duas vezes) e Rodriguinho, o tricolor comemorou o primeiro triunfo como mandante da temporada 2021 com goleada na 4ª rodada da Copa do Nordeste: 4×0.

Depois da apatia apresentada no Ba-Vi disputado na rodada anterior do regional, o time comandado por Dado Cavalcanti entrou em campo no clássico contra a equipe pernambucana com postura propositiva.

Com triangulações, trocas de passes próximo da área e investidas de longa distância, o tricolor encontrou espaços, criou jogadas e foi eficiente. Nem sentiu falta de Rossi. Expulso, o atacante estava suspenso. Com o resultado, o Bahia somou sete pontos e assumiu a liderança do Grupo A do Nordestão.