Na contramão da aglomeração, Vitória da Conquista vira referência em organização de filas da Caixa

/ Bahia

Guarda organiza fila em Conquista. Foto: Prefeitura de Conquista

Enquanto cenas com dezenas de pessoas aglomeradas em frente às agências da Caixa Econômica se tornam costumeiras a cada dia, a cidade de Vitória da Conquista tem se destacado nacionalmente em meio à pandemia do novo coronavírus.

O município, localizado no Sudoeste baiano, se tornou referência após ter conseguido organizar as filas para que os seus habitantes possam buscar de forma mais segura o auxílio emergencial de R$ 600 cedido pelo Governo Federal. O distanciamento é orientado por diversas autoridades, como a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Com marcações no chão e bloqueio do tráfego de veículos, a estratégia bem sucedida virou, inclusive, reportagem da GloboNews, que tem reprisado diariamente a matéria para exibir o bom modelo a ser seguido em outras cidades de todo o país.

A Prefeitura de Vitória da Conquista resolveu expandir a organização montada na Praça Barão do Rio Branco, no centro da cidade, e levou a medida para o bairro Brasil, onde se concentra uma boa parte da população conquistense. A Secretaria de Comunicação do município informou que a operação começou hoje por lá.

Em seu último boletim geral, a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) registrou 33 casos da Covid-19 na cidade, com quatro óbitos anotados.

Os comentários estão fechados.