Moradores do Jatobá protestam contra aprovação de troca de terreno pelo Campo da Bela Vista

/ Jaguaquara

Moradores reagem contra projeto de lei. Foto: Edson Marques

Um grupo de moradores do Conjunto Habitacional Jatobá, no bairro Casca, ocupou as galerias da Câmara de Jaguaquara na noite desta quinta-feira (13), durante sessão ordinária da Casa protestando contra os vereadores que aprovaram um polêmico projeto de autoria do Poder Executivo que dispõe sobre a permuta de um terreno no bairro.

Os moradores do Jatobá, que se diziam insatisfeitos com prefeito e vereadores protestavam contra a permuta do antigo Campo da Bela Vista, área de 1510 m², por um terreno nas proximidades do Conjunto Habitacional.

Um morador do bairro Casca requereu a área do campo de futebol utilizada por desportistas há décadas e a Prefeitura atendeu a solicitação encaminhando à Câmara um Projeto de Lei, pedindo autorização para troca do terreno. Representantes da Associação de Moradores do Jatobá usaram a tribuna livre da Casa para criticar o prefeito Giuliano Martinelli (PP) e vereadores, que aprovaram a proposta por unanimidade sem antes ouvir a Associação.

Eles alegam que a área verde trocada pela Prefeitura deveria beneficiar uma classe e não apenas uma pessoa. Os membros da entidade representativa revelaram ainda que irão buscar medidas cabíveis para tentar reverter a situação na Justiça. Na proposta, já sancionada pelo prefeito, a Prefeitura alega que a troca de terrenos é para garantir que os desportistas continuem a utilizar o campo para a prática esportiva.

Os comentários estão fechados.