Jogador Anselmo Ramon será ouvido pela polícia

/ NOTÍCIAS

Foto: Divulgação

O jogador do Cruzeiro Anselmo Ramon será ouvido pela 18ª Delegacia (Camaçari) durante a semana sobre o atropelo em que matou um ciclista, segundo informações da unidade policial. A expectativa de que o atleta baiano fosse ouvido ainda neste domingo (9) não se realizou porque o plantonista Carlos Portela, que registrou a ocorrência no sábado, não estava mais trabalhando. O delegado titular João Uzzum assume o caso na segunda-feira, quando vai intimar o jogador a depôr. Ainda não há uma data específica marcada. Embora tenha sofrido escoriações no acidente e sido atendido no Hospital de Medicina Humana, em Candeias, Anselmo Ramon recebeu alta no final da tarde de sábado. Por conta da necessidade de atendimento médico, ele não chegou a fazer teste de bafômetro depois do atropelo, segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE). O jogador dirigia um carro na BA-099, trecho de Camaçari, que saiu da pista e matou um ciclista. Leia mais no Correio

Os comentários estão fechados.