Roma fala em novas configurações e revela conversas com Cacá e João Leão sobre governo da Bahia

/ Política

Roma tenta viabilizar candidatura ao governo. Foto: Rede social

O ministro da Cidadania João Roma ampliou a ofensiva política para viabilizar sua candidatura ao governo da Bahia em 2022. Nesta quinta-feira (18) ele revelou que tem mantido conversas com as lideranças do PP no estado de olho numa possível composição eleitoral que patrocine seu nome e garanta palanque regional para reeleição do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

”Até junto com o PP nós temos também travado muitos diálogos tanto aqui com o deputado Cacá Leão, como o próprio vice-governador João Leão, que também almeja ser candidato a governador no próximo ano”, disse, em entrevista à rádio Salvador FM.

Na Bahia o PP é braço direito do governador Rui Costa (PT) – de quem Roma tem sido crítico ferrenho -, mas no plano nacional apoia e integra o governo Bolsonaro. Roma quer replicar no estado a aliança dos principais partidos que dão base ao governo federal, tendo PP, PL e Republicanos juntos.

”Então acho que tem muita água para rolar na sucessão do estado da Bahia, inclusive nessas composições partidárias que podem resultar inclusive em novas configurações para serem apresentadas ao eleitor baiano”. *As informações são do BNews

Os comentários estão fechados.