Jequié: Mesmo com apagão, Câmara aprova 15% de suplementação a pedido do prefeito

/ Jequié

Vereadores ficaram às escuras na Câmara. Foto: Blog Marcos Frahm

Um apagão na noite desta terça-feira (5) deixou Jequié e vários municípios da região sem energia elétrica por mais de uma hora. Mas, na Cidade Sol, mesmo com a interrupção no fornecimento de energia os vereadores continuaram a sessão da Câmara Municipal, e ainda aprovaram, por unanimidade, parecer conjunto das comissões de Justiça e Finanças sobre novo pedido de suplementação encaminhado ao Legislativo pelo prefeito Sérgio da Gameleira (PSB), na ordem de 15%, o equivalente a R$ 63 milhões. A suplementação pedida foi de 35%. O percentual de 5% aprovado atendeu compromisso firmado entre Executivo e Legislativo. Durante a votação, o vereador Joaquim Caires (PMDB), integrante da oposição, disse que houve bom senso para a aprovação. ”Nós não deixamos de buscar solução conjunta para resolvermos os impasses da administração do município de Jequié. Queria deixar bem claro aqui, que o prefeito, que se apresenta, muitas vezes de forma insana, colocando a culpa no legislativo pelos desmandos administrativos dele, deveria se posicionar de forma diferente e vê que até agora ele não acertou administrar Jequié. O legislativo tem cooperado, mostrado os caminhos, indicado os rumos de uma administração. Muito embora, é mais fácil ele fazer os comentários pela sua inoperância e jogar a culpa no legislativo e muitas vezes mandar funcionários vir aqui para fazer cobranças de salários atrasados através de empresas terceirizadas, a exemplo da empresa investigada, que é a Terceira Visão. Nós nunca emperramos nada aqui, nunca deixamos de discutir as grandes questões do município de Jequié”, bradou Joaquim. Após o discurso de Caires, o presidente Emanuel Campos (PV) disse que, por questões de segurança, em razão da falta de energia, a sessão estava encerrada.

Os comentários estão fechados.