Guardas municipais usam spray de pimenta e gás lacrimogênio contra professores em Salvador

/ Educação

Professores são vítimas de truculência. Foto: Varela Notícias

Mais uma vez os professores, em greve na capital baiana, foram vítimas de agressão e truculência. Durante manifestação em frente à Secretaria Municipal de Educação de Salvador, na manhã desta terça-feira (07), guardas municipais enfrentaram a categoria com spray de pimenta. Segundo informações do site Varela Notícias, professores ficaram feridos no ato, que acontece em frente à secretaria, que fica na Avenida Garibaldi. ”Fizemos o movimento de ocupação externa da Smed e os guardas municipais chegaram jogando gás lacrimogênio e usando spray de pimenta. Os professores que estavam no portão da secretaria ficaram feridos”, falou uma professora ao VN. Em função do uso do spray de pimenta, alguns professores ficaram desorientados e outros foram buscar ajuda médica. Procuradas, a Secretaria de Educação de Salvador e a Guarda Municipal ainda não responderam aos questionamentos do VN sobre a ação.

Deixar uma Resposta