Santo Antônio de Jesus: Fábrica de medicamentos inaugurada na cidade deve gerar 200 empregos

/ Emprego

Com investimentos de R$ 12 milhões, o grupo Natulab inaugurou na terça-feira (16) uma fábrica de suplementos alimentares em Santo Antônio de Jesus, com a presença do vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico João Leão. O grupo, que é incentivado pelo Estado, prevê uma linha de produção mensal de 2 milhões de unidades de alimentos com o início das atividades, projetando atingir 100% da capacidade de produção de 7 milhões de unidades, já em 2020.

”Temos hoje em Santo Antônio de Jesus um dos cincos maiores grupos de fabricação de suplementos alimentares do Brasil. Com esta nova linha de produção e a força dos trabalhadores e das trabalhadoras baianas logo essa empresa será uma das primeiras”, disse o vice-governador aos funcionários do grupo Natulab, no pontapé inicial da nova fábrica. Leão também ressaltou o empenho do Governo do Estado em desenvolver industrialmente a Bahia: ”O governador Rui Costa e toda equipe de governo trabalha pensando a Bahia a longo prazo. Temos excelentes índices no setor industrial, graças ao trabalho de capitação de novos investimentos da equipe de trabalho do governo, apresentando nosso potencial de desenvolvimento econômico”.

A Natulab é uma empresa de medicamentos fitoterápicos e conta com mais de mil colaboradores distribuídos entre unidades fabris e centro de distribuição e logística, na Bahia, e um escritório comercial em São Paulo. A nova fábrica de Santo Antônio de Jesus inicia as atividades com aproximadamente 125 colaboradores, com previsão para gera mais 75 empregos diretos.

O presidente da empresa, Wilson Borges, agradeceu o apoio do governo do estado na realização desta conquista para o povo baiano ”É uma grande alegria para nós da Natulab essa realização. Mas também quero agradecer o empenho do Governo do Estado, na pessoa do vice-governador, João Leão. O Brasil precisa caminhar de mãos dadas, empresários e governos. Assim sairemos da crise. Assim a Bahia enfrenta a crise e, por isso, investimos no estado com essa nova fábrica” disse Borges.

Os comentários estão fechados.