Estudantes da rede municipal resgatam tradição das quadrilhas juninas nos festejos de Maracás

/ Cultura

Casal de jovens participa do casamento matuto. Foto: Divulgação

As escolas da rede municipal de Maracás estão vivenciando o festivo clima junino, depois de dois anos sem atividades do gênero, por conta da pandemia do Coronavírus. Ornamentada com elementos do São João, a Praça Rui Barbosa, onde foi montada a Vila Junina Moá do Fole propicia aos estudantes e visitante um ambiente de celebração das genuínas manifestações populares do Nordeste e promovem atividades ligadas à época, como quadrilhas e casamento matuto.

As apresentações tiveram início no último dia (17) e a programação diversificada e reúne, além de estudantes, de escolas da sede e da zona rural, jovens e músicos, que expressaram o talento.

As quadrilhas representaram as instituições de ensino: Escola Otávio Mangabeira [Quadrilha Interação, Inclusão e Diversão], Instituto de Educação de Maracás [Fulô do Mamulengo], Escola Cel. Marcionílio Souza [Flores de Maracás], CEVLAM [Paixão Cangaceiro], Colégio Normal [Viagem ao Nordeste], Escola Luiz Braga [Quadrilha Renascer], Escola Renato Vaz Sampaio [Quadrilha do RVS].  A Vila foi organizada pela Secretaria de Educação, por meio da Diretoria de Cultura.

O prefeito Soya Novaes reforçou que o projeto foi criado democratizar os festejos. ”A ideia foi para criar interação entre os alunos, que os nossos alunos, além de resgatarem as questões ligadas aos festejos juninos, também mostrem a força da nossa Cultura”.

O São João de Maracás começa oficialmente nesta quinta-feira (23), na mesma Praça Rui Barbosa, com shows de atrações como: Diego e Victor Hugo, Rasta Chinela, Beste Nascimento, Chambinho do Acordeon, Forró do Muído, Forró do Tico, Fulô de Mandacaru, além de bandas locais e regionais. Para a realização do evento, a Prefeitura firmou parceria com o Governo do Estado, por meio da BahiaTursa.

Os comentários estão fechados.