Engenheiro é preso após matar a esposa jornalista momentos antes do réveillon em Porto Seguro

/ Polícia

Reges teria matado Juliana de Freitas. Foto: Rede social

Um engenheiro foi preso após matar a esposa em Porto Seguro, na noite da última sexta-feira (31). A filha de 10 anos da vítima presenciou o crime.

O engenheiro Reges Amauri Krucinski, 43, teria atirado na jornalista Juliana de Freitas Alves, 41, durante uma discussão. Além da filha de Juliana, outras pessoas que estavam na residência, localizada no bairro Xurupita, presenciaram o assassinato. A informação é do site ”Radar 64”.

Ele foi preso em flagrante e confessou o crime. Na casa, a polícia encontrou uma pistola calibre 380, um revólver 357 e uma espingarda calibre 12. Reges e Juliana eram de São Paulo e estavam em Porto Seguro há menos de dois meses e pretendiam se mudar para a cidade.

Os comentários estão fechados.