Em greve, professores e servidores municipais fazem protesto nas ruas de da capital baiana

/ Bahia

Professores fazem protesto em Salvador. Foto: Egi Santana/G1

Professores e servidores municipais fazem uma caminhada na região do shopping da Bahia, em Salvador, na manhã desta quarta-feira (1º). O ato faz parte das ações de greve das duas categorias, que pedem reajustes salariais e planos de carreira. Nesta quarta-feira, os professores completam 22 dias de greve. Já os servidores municipais estão em estado de greve desde terça-feira (31) e devem parar as atividades na segunda-feira (6). No ato, eles ocuparam a praça que fica em frente ao shopping da Bahia, por volta das 9h30, e saíram em caminhada às 10h30, sentido ligação Iguatemi-Paralela. Por volta das 10h50, o tráfego de veículos no acesso à LIP foi bloqueado. Cerca de 15 minutos depois, o grupo seguiu para a região da rodoviária. ”Temos que sinalizar a prefeitura que vamos fazer greve. Então, entramos no estado de greve na terça-feira e segunda vamos parar”, disse Bruno Cariranha, coordenador do Sindicato dos Servidores Públicos (SindSep). Os professores levaram cartazes e usaram blusas com a mensagem: ”Sou professor e quero respeito”. ”Até agora nossas reivindicações não foram ouvidas e não houve acordo. Então, vamos continuar exigindo nosso direito”, disse Marcos Barreto, integrante da direção executiva da APLB. As informações são do G1

Os comentários estão fechados.